CBN - A rádio que toca notícia

LAVA JATO

Sérgio Moro proíbe órgãos de controle de usar provas contra delatores

Com base na Lava Jato, o TCU bloqueou R$ 508 milhões em bens da Andrade Gutierrez para garantir o ressarcimento de danos causados na construção da usina nuclear de Angra 3

13/06/18, 14:46

O

juiz Sergio Moro proibiu o uso de provas obtidas pela Operação Lava Jato contra delatores e empresas que reconheceram crimes e passaram a colaborar com os procuradores à frente das investigações.

De acordo com a Folha de S.Paulo, a decisão de Moro atrapalha a atuação de órgãos de controle e do governo federal como a AGU (Advocacia Geral da União), a CGU (Controladoria Geral da União), o Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica), o Banco Central, a Receita Federal e o TCU (Tribunal de Contas da União).

Segundo a Folha, no despacho, que é sigiloso, o juiz altera nove decisões anteriores em que autorizara o compartilhamento de provas da Lava Jato com esses órgãos, que têm a atribuição de buscar reparação de danos causados aos cofres públicos e aplicar multas e outras penalidades de caráter administrativo.

Além de vedar o uso das informações da Lava Jato em ações contra colaboradores, Moro submete à sua autorização o prosseguimento de medidas que já tenham sido tomadas contra eles e que tenham entre os seus fundamentos documentos enviados pelos procuradores.

A decisão atendeu a um pedido do Ministério Público Federal e, na prática, blinda delatores e empresas contra o cerco dos outros órgãos de controle. Os procuradores alegam que a medida é necessária para evitar que a insegurança jurídica criada pela falta de coordenação entre os vários órgãos de controle desestimule novos colaboradores, prejudicando o combate à corrupção.

“A AGU, que defende o governo federal nos tribunais, cobra das empreiteiras mais de R$ 40 bilhões por danos em contratos com a Petrobras. Colaboradores que confessaram o recebimento de propina foram autuados pela Receita Federal, que tem cobrado imposto sobre os ganhos ilícitos”, diz a reportagem.

Com base na Lava Jato, o TCU bloqueou R$ 508 milhões em bens da Andrade Gutierrez para garantir o ressarcimento de danos causados na construção da usina nuclear de Angra 3.

Mas, como os acordos fechados com o Ministério Público só garantem imunidade na área criminal, a Andrade Gutierrez, a Camargo Corrêa e a Odebrecht negociam desde o ano passado acordos de leniência com a AGU e a CGU, que ainda não foram assinados e terão que ser submetidos ao TCU.

Fonte: JL/Congresso em Foco
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
28/02/19, 19:27 | ARTIGO - Previdência e Desconstitucionalização
28/02/19, 14:24 | POLÊMICA - MEC envia novo texto às escolas suspendendo orientação sobre filmagens
28/02/19, 14:05 | LEGISLATIVO - Nova Câmara: 50 deputados federais são réus em processos criminais; Piauí fica fora
28/02/19, 13:52 | CRMES - Consultor de segurança do governador do Rio é preso em operação contra policiais suspeitos de extorsão
28/02/19, 13:36 | ESPORTE - Com Vinícius Júnior na lista, Tite convoca Seleção Brasileira
27/02/19, 21:31 | INVESTIGAÇÃO - Polícia Federal abre inquérito sobre laranjas ligados a ministro do partido de Bolsonaro
27/02/19, 21:06 | PARLAMENTO - Comissão do Senado aprova audiência pública com Sérgio Moro
27/02/19, 21:01 | PARLAMENTO - Alvaro quer criminalizar pesquisa eleitoral 15 dias antes das eleições
27/02/19, 20:46 | JUDICIÁRIO - STF decide que Estados devem indenizar cidadãos por erros de cartórios
27/02/19, 20:21 | ENCONTRO - Prefeitos anunciam apoio ao Projeto de Lei Anticrime
27/02/19, 20:04 | REPRESENTAÇÃO - Procurador do DF envia à PGR suspeitas sobre Jair Bolsonaro por improbidade e peculato
27/02/19, 17:17 | EDUCAÇÃO - Provas do Enem serão aplicadas nos dias 3 e 10 de novembro
27/02/19, 17:13 | INTERNACIONAL - Delegações estrangeiras abandonam reunião da ONU sobre Venezuela
27/02/19, 17:10 | DEFESA - Líder diz que governo não quer desfigurar reforma da Previdência
27/02/19, 16:35 | POLÊMICA - Ex-Miss Bumbum é noemada assessora de Ministério de Bolsonaro
27/02/19, 16:20 | POLÍTICA - Bolsonaro diz que vai escalar o filho Carlos para defender a Previdência
27/02/19, 16:18 | SAÚDE - SUS terá nova modalidade de compra para medicamentos de doenças raras
27/02/19, 15:50 | DECISÃO - TJ de SP arquiva ação contra Haddad por corrupção e lavagem
27/02/19, 15:47 | ACUSAÇÃO - Ex-advogado de Trump o chama de ‘racista, canalha e fraude’
27/02/19, 15:39 | ACIDENTE - Morre maquinista resgatado após mais de sete horas preso em ferragens
27/02/19, 14:27 | POLÍTICA - Aprovação do governo Bolsonaro é a menor em 1º mandato desde 2003
27/02/19, 13:37 | DIREITOS HUMANOS - Agressão contra a mulher é uma violência de repetição, diz socióloga
27/02/19, 13:17 | MOVIMENTO - Indicação ao Nobel da Paz coloca Lula entre grandes líderes mundiais
27/02/19, 13:08 | ECONOMIA - Desemprego sobe para 12% em janeiro e atinge 12,7 milhões, diz IBGE
27/02/19, 12:50 | DENÚNCIAS - Delatores da OAS acusam Rodrigo Maia, Paes, Cabral e Lindbergh de caixa dois
27/02/19, 12:42 | NEGOCIATA - Em reunião com Bolsonaro e deputados, Onyx oferece cargos e emendas
27/02/19, 12:29 | PREVIDÊNCIA - Aposentado que ficar viúvo será duplamente afetado pela Reforma da Previdência
26/02/19, 22:29 | POLÊMICA - Bancada militar da Câmara quer manter benefícios na reforma da Previdência
26/02/19, 21:52 | POLÍTICA - Reforma da Previdência divide opiniões: 43,4% aprovam; 45,6% não, diz CNT/MDA
26/02/19, 21:45 | IMPROBIDADE - MPF pede explicação a ministro da Educação sobre carta para escolas
« Anterior 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 | 301 - 330 | 331 - 360 | 361 - 390 | 391 - 420 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site