CBN - A rádio que toca notícia

DENÚNCIA

Reforma trabalhista empurra país para a pobreza, diz associação de juízes

Diretora da entidade afirma que trabalho intermitente não garante renda digna

16/04/18, 09:42

P

ara a diretora de Cidadania e Direitos Humanos da Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho (Anamatra), Luciana Conforti, a Lei 13.467, de "reforma" trabalhista, vai acelerar o caminho do país para a pobreza extrema e a desigualdade social. A análise é feita com base em dados divulgados nesta semana por uma consultoria (LCA), amparada com informações do IBGE, demonstrando que de 2016 para 2017 cresceu (11%) o número de brasileiros em situação de pobreza: no ano passado, eram mais de 7%, o equivalente a 14,8 milhões de pessoas.

"O trabalho intermitente ou contrato a zero hora não garante uma renda mínima e digna para que o trabalhador possa fazer face às suas necessidades mais básicas", afirma a magistrada. Ela acredita que, com as mudanças trazidas pela lei, os índices de pobreza e desigualdade serão acentuados. Luciana chama a atenção ainda para o "estancamento" da redução da desigualdade no país, onde mais de 20% da renda se concentra no 1% da população mais rica.  

A Anamatra destaca ainda que o crescimento de postos de trabalho no Brasil, em 12 meses, deve-se basicamente ao mercado informal. De acordo com o IBGE, foram criadas 1,848 milhão de vagas em 12 meses, até janeiro, mas essa expansão vem do emprego sem carteira (986 mil) e do trabalho por conta própria (581 mil).

O presidente da associação, Guilherme Feliciano, afirma que a situação econômica "põe em xeque" a reforma trabalhista, particularmente nas propostas que preveem modalidades precárias de contratação. "A prestação de serviços de autônomo exclusivo implica em informalidade e o contrato de trabalho intermitente, se permite inflar as estatísticas do emprego formal, pode ser vazio de conteúdo, autorizando meses de contratação sem qualquer salário. Na prática, em situações como esta, a condição social será a mesma de um trabalhador informal”, critica. 

Fonte: JL/RBA
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
05/04/18, 14:20 | POLÊMICA - Kennedy: Cármen Lúcia beneficiou Renan e Aécio, mas prejudicou Lula
05/04/18, 13:55 | DECISÃO - Mello Franco: Supremo julgou Lula com a baioneta no pescoço
05/04/18, 13:02 | DECISÃO - Correia: ‘medo das baionetas fez Rosa Weber entregar Lula aos fascistas’
05/04/18, 11:50 | PESQUISA - Ibope aponta que 72% reprovam o governo de Michel Temer
05/04/18, 11:46 | REAÇÃO - Gilmar critica Cármen Lúcia e diz que resultado foi 'uma não decisão'
05/04/18, 11:36 | DECISÃO - Defesa de Lula evita comentar resultado após julgamento no STF
05/04/18, 11:32 | JULGAMENTO - Mesmo com rejeição de habeas corpus, prisão de Lula ainda não tem data
04/04/18, 17:07 | REPERCUSSÃO - Eunício diz que líderes devem transmitir serenidade à população
04/04/18, 17:05 | POLÍTICA - Ciro Gomes pede respeito à Constituição para restaurar a paz
04/04/18, 16:44 | POLÊMICA - Jungmann: Não há possibilidade de novo golpe militar no Brasil
04/04/18, 15:40 | LEGISLAÇÃO - Comissão do Senado aprova licença-maternidade de 180 dias
04/04/18, 15:36 | HC DE LULA - Tropa de choque é acionada após clima tenso em Brasília
04/04/18, 15:33 | POLÊMICA - Juristas lançam manifesto contra fala de general Villas Bôas
04/04/18, 15:09 | POLÊMICA - Editorial da Globo repudia "comentários inadequados" do general comandante do Exército
04/04/18, 13:41 | JULGAMENTO - Ex-PM acusado de matar namorada com tiro na cabeça vai a Júri Popular no Piauí
04/04/18, 13:12 | CRIME - Polícia Federal vai investigar crime virtual de ódio contra mulheres
04/04/18, 12:56 | MANIFESTAÇÕES - Atos por prisão de Lula fracassam em todo país e até jornalista da VEJA admite
04/04/18, 12:48 | POLÊMCIA - O tuíte do general Villas Boas é a maior chantagem à Justiça desde a ditadura
04/04/18, 11:08 | ARTIGO - O “discurso do ódio” deforma a humanidade
04/04/18, 10:51 | ARTIGO - Nos falta responsabilidade política
04/04/18, 10:40 | POLÍTICA - PT acusa Globo de incitar golpe militar
04/04/18, 10:30 | MOVIMENTO MILITAR - Villas Bôas abre a porteira e mais generais vêm a público aventar intervenção militar
04/04/18, 10:04 | AMEAÇAS - Jornal Nacional: Globo usa mensagem do comandante do Exército para ameaçar STF
03/04/18, 19:41 | EDUCAÇÃO - Permanece o descaso no Piauí: estudantes voltam a usar boias para ir à escola
03/04/18, 16:41 | OFENSAS - Deputado federal é denunciado por usar perfil falso no Facebook
03/04/18, 16:35 | JANELA PARTIDÁRIA - MDB é o partido que mais perdeu parlamentares até agora
03/04/18, 16:30 | POLÊMICA - Janot: HC para Lula será 'retrocesso sem tamanho' do STF
03/04/18, 15:24 | ELEIÇÕES 2018 - Biometria eleitoral: veja datas e como fazer o cadastro em cada estado
03/04/18, 15:09 | MOBILIZAÇÃO - Policiais civis entram em greve e trabalhadores da segurança fazem protesto em Teresina
03/04/18, 15:03 | INFRAESTRUTURA - CREA-PI diz que fiscalização poderia ter evitado rompimento da BR-343
« Anterior 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 | 301 - 330 | 331 - 360 | 361 - 390 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site