CBN - A rádio que toca notícia

RETROCESSO

Mulheres vão às ruas contra PEC que proíbe totalmente o aborto

Proposta aprovada em comissão especial na Câmara prevê fim do acesso a serviços que garantem interrupção de gravidez para vítimas de estupro. Movimentos organizam ato para segunda-feira

10/11/17, 10:40

A

aprovação em uma comissão especial da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 181, que proíbe o acesso de mulheres a serviços que garantam a interrupção de gravidez fruto de estupro e de comprovação de fetos anencéfalos, ontem (8), causou indignação em meio a diversos coletivos.

Já há dois atos programados para a próxima segunda-feira (13), em São Paulo e no Rio de Janeiro. Na capital paulista, o movimento convocado pela Frente Feminista de Esquerda está marcado para as 18h,  no vão livre do Masp, na Avenida Paulista.

"Os fundamentalistas querem que a mulher que engravide vítima de um estupro seja forçada a ter um filho fruto de uma violência, seja presa por fazer um aborto ou então que morra em um aborto clandestino", diz a convocatória do evento. "Os conservadores querem que, mesmo nos casos em que a gestante corre risco de vida, não teríamos direito a recorrer a um aborto."

No Rio, a manifestação convocada pela Frente contra Criminalização das Mulheres pela Legalização do Aborto está marcada para as 17h, na Cinelândia, região central. "Precisamos, sim, ampliar a legalização do aborto, para que as mulheres parem de morrer. E não restringir ainda mais seu acesso!", diz o texto do evento. "Não vamos deixar que criminalizem nossos corpos e retirem nossas vidas cada vez mais."

"É de causar indignação a todas as mulheres desse país 18 homens decidirem sobre as nossas vidas", diz a psicóloga Rosângela Talib, coordenadora da ONG Católicas pelo Direito de Decidir, referindo-se ao fato de a PEC ter sido aprovada em comissão especial por 18 deputados homens, com o único voto contrário vindo de uma mulher, a deputada federal Erika Kokay (PT-DF). "Principalmente a gente sabendo que todas as pesquisas de opinião têm ido em direção contrária em relação a esse tema. A maioria da população tem dito que as mulheres não devem se presas e a decisão tem que ser delas, não dos parlamentares. Não faz sentido a aprovação dessa PEC", avaliou, em entrevista à jornalista Marilu Cabañas, na Rádio Brasil Atual.

No final de outubro, a ONG lançou um ebook com dados de uma pesquisa feita pelo Ibope Inteligência, realizada em fevereiro. Segundo o levantamento, 64% dos brasileiros entendem que a decisão a respeito do aborto deve ser da própria mulher.

"É um bando de homens, machos, decidindo sobre os corpos das mulheres, um desrespeito total. É inconcebível que uma mulher tenha que ser obrigada a permanecer com a gravidez, se ela foi violentada e engravidou como resultado disso, e não quiser", afirma Rosângela. "Não tem cabimento eles acharem que as mulheres são simplesmente um receptáculo."

Em nota, a entidade também orienta sobre como organizar a resistência contra a proposta, além da presença nas ruas. "A resistência contra esse retrocesso fundamentalista e tenebroso pode ser feita de diversas formas. Pela internet, é possível participar da consulta pública feita pelo Senado Federal a respeito da PEC. No portal E-Cidadania, vote NÃO para derrubar a emenda que altera a Constituição.

Fonte: JL/RBA
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
26/11/18, 17:06 | QUALIFICAÇÃO - Mercado de trabalho exige novo perfil do profissional Agente de Portaria
26/11/18, 17:02 | FIM DE ANO - Orquestra Sinfônica de Teresina realiza concerto em homenagem ao dia nacional do samba
26/11/18, 16:42 | TRANSIÇÃO - Bolsonaro já nomeou 12 ministros e pode concluir Esplanada nesta semana
26/11/18, 16:36 | POLÊMICA - Moro critica projeto que altera Lei de Execução Penal
26/11/18, 16:16 | TRANSIÇÃO - Moro anuncia criação da Secretaria de Operações Policiais Integradas
26/11/18, 16:11 | POLÍTICA - Bolsonaro coloca general para lidar com o Congresso Nacional
26/11/18, 16:00 | ARTIGO JURÍDICO - A teoria da empresa, o empresário individual e o Código Civil
26/11/18, 15:01 | ECONOMIA - Confiança do consumidor sobe e atinge maior nível desde julho de 2014
26/11/18, 14:52 | CRIME - Ex-diplomata Sergio Schiller se entrega à polícia do Rio
26/11/18, 14:40 | ESPORTE - Campeão, Felipão rebate críticas e manda recado a Bolsonaro
26/11/18, 13:34 | SOCIAL - Ministério do Trabalho celebra 88 anos com atividades em todo o país
26/11/18, 13:30 | ACIDENTE - Queda de avião em Minas Gerais mata quatro pessoas
26/11/18, 13:28 | EDUCAÇÃO - MEC libera recursos para educação em tempo integral
26/11/18, 13:13 | LEI DE ACESSO - Júlio César Lima e mais 14 congressistas devem mais de R$ 600 milhões a União
26/11/18, 10:25 | ACIDENTE - Avião de empresário explode durante pouso em fazenda de Minas
26/11/18, 10:13 | POLÍTICA - Em 1ª entrevista pós-eleição, Haddad avalia Bolsonaro no poder
26/11/18, 10:09 | CRIME - Bando assalta banco, incendeia viaturas e causam pânico no MA
26/11/18, 09:33 | SALÁRIOS - Temer deve sancionar reajuste de 16,38% para o STF até quarta
26/11/18, 09:29 | PARLAMENTO - Alvos da Lava Jato querem votar mudança na lei penal e Moro reage
26/11/18, 09:23 | ESTUDO - Seis mulheres são vítimas de feminicídio a cada hora no mundo, diz ONU
26/11/18, 09:09 | ONG - Nº de pobres cresce, e Brasil é o 9º país mais desigual, aponta Oxfam
25/11/18, 20:16 | ESPORTE - PALMEIRAS CAMPEÃO BRASILEIRO 2018: 1 x 0 sobre o Vasco
25/11/18, 18:00 | TRANSIÇÃO - Bolsonaro defende escolha de ministros sem discussão com partidos
25/11/18, 17:50 | ECONOMIA - Equipe de transição define 15 áreas da economia como prioridades
25/11/18, 17:47 | ECONOMIA - Futuro presidente da Petrobrás acha que o preço da gasolina está barato
25/11/18, 17:42 | MUNDO - Deputados ingleses defendem liberdade de Lula em moção no parlamento inglês
25/11/18, 17:35 | ARTIGO JURÍDICO - Profissional Liberal - Direito Empresarial - Código Civil
25/11/18, 15:50 | LIBERTADORES - Boca Juniors pede suspensão do jogo e punição ao River Plate
25/11/18, 15:34 | ESPORTE - Conmebol adia final da Libertadores entre Boca Juniors e River Plate
25/11/18, 15:05 | CRIME - Polícia Federal liga Renan Calheiros a propina paga na Suíça
« Anterior 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 | 301 - 330 | 331 - 360 | 361 - 390 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site