CBN - A rádio que toca notícia

INVESTIGAÇÃO

PF aponta: Geddel e Cunha receberam R$ 105 milhões em propinas

O relatório final da Operação Cui Bono, elaborado pela PF, aponta indícios do pagamento de propinas ao ex-ministro Geddel Vieira Lima (MDB-BA) e ao ex-presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha (MDB-RJ) que somam cerca de R$ 105 milhões

13/06/18, 16:30
 
O
relatório final da Operação Cui Bono, elaborado pela Polícia Federal, aponta indícios do pagamento de propinas ao ex-ministro Geddel Vieira Lima (MDB-BA) e ao ex-presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha (MDB-RJ) que somam cerca de R$ 105 milhões. Segundo a PF, Geddel teria recebido R$ 16 milhões em propinas para liberar recursos por meio da vice-presidência de Pessoa Jurídica da Caixa. Ainda segundo a PF, Cunha teria recebido R$ 89 milhões em propinas.

O relatório aponta que que os pagamentos feitos a Cunha e Geddel teriam sido efetuados por Lúcio Funaro, apontado como operador de propinas do MDB. Os subornos teriam sido realizados pela J&F Investimentos (acionista da JBS), grupo Marfrig, grupo Bertin e pelo 'grupo Constantino', dono da Gol Linhas Aéreas.

As investigações da Cui Bono foram deflagradas em janeiro de 2017 e tiveram como foco central a suspeita de irregularidades que teriam sido cometidas por Geddel quando ele ocupou a vice-presidência de Pessoa Jurídica da Caixa, entre 2011 e 2013. A base da investigação se deu em conversas gravadas em um celular apreendido com Eduardo Cunha.

Segundo o relatório, as investigações e análises das provas encontradas confirmam o teor da delação premiada firmado por Funaro. Ainda segundo os investigadores, "a hipótese criminal identificada é de que Eduardo Cunha se utilizou da sistemática ilícita engendrada por Lucio Funaro visando a ocultação, dissimulação e distribuição de recursos de origem ilícita para recebimento de vantagens indevidas referentes às negociações ilícitas realizadas para influenciar operações de crédito junto à então vice-presidência de Pessoa Jurídica e a de Fundos de Governo e Loterias".

Fonte: JL/247
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
03/01/19, 13:25 | SOCIAL - Caixa vai focar crédito imobiliário e baixa renda, diz novo presidente
03/01/19, 13:01 | POLÊMICA - Fim do Ministério do Trabalho é questionado no Supremo Tribunal
03/01/19, 12:58 | NOMEAÇÃO - “Não me interessa o que pensa Mourão”, diz Marun sobre críticas
03/01/19, 12:54 | ECONOMIA - Bolsa se encaminha para novo recorde pelo segundo dia consecutivo
02/01/19, 21:41 | ECONOMIA - Dólar cai e bolsa bate recorde no primeiro dia do governo Bolsonaro
02/01/19, 21:39 | NOVO GOVERNO - Bolsonaro faz nesta quinta 1ª reunião ministerial após assumir governo
02/01/19, 20:56 | REFORMAS - Previdência, privatizações e simplificação de tributos são 'pilares da nova gestão'
02/01/19, 17:00 | MUDANÇA - Novo ministro da Saúde defende 3º turno em Postos de Saúde
02/01/19, 16:55 | BÚZIOS - Médium que previu prisão de Pezão faz previsão ruim para Bolsonaro
02/01/19, 16:52 | ABUSOS SEXUAIS - João de Deus passa mal na cadeia e é levado a hospital
02/01/19, 15:44 | VATICANO - Papa Francisco critica quem 'vai à igreja e odeia os outros'
02/01/19, 15:42 | SOCIAL - Ministro diz que 13º para Bolsa Família será pago 'com certeza' em 2019
02/01/19, 15:15 | COMEMORAÇÃO - Michelle Bolsonaro recebe amigos para churrasco na Granja do Torto
02/01/19, 13:37 | ECONOMIA - Varejo pode deixar de faturar R$ 7,6 bi por causa de feriados
02/01/19, 13:27 | RESTRIÇÕES - Governo Bolsonaro começa com limitação a trabalho de jornalistas e protesto de entidades
02/01/19, 13:13 | GOVERNO - Medida provisória detalha a estrutura de poder do governo Bolsonaro. Veja a íntegra
02/01/19, 13:08 | ELEIÇÃO DA CÂMARA - Maia promete presidência da CCJ e PSL fecha apoio a reeleição
02/01/19, 13:00 | PROPOSTA - Guedes tem pronta MP que revê regras da Previdência e poupa R$ 50 bi
02/01/19, 12:50 | ECONOMIA - Nova equipe econômica pretende anunciar medidas a cada dois dias
02/01/19, 12:47 | POSSE - Moro assume Ministério da Justiça e Segurança e diz que Brasil não será 'porto seguro' para criminosos
02/01/19, 09:32 | ECONOMIA - Temer previa R$ 1.006 e Bolsonaro fixa salário mínimo em R$ 998
01/01/19, 21:28 | ANÁLISE - Brasil dá um giro radical com Bolsonaro e instala a extrema direita no Planalto
01/01/19, 20:15 | HOMILIA - Papa Francisco apela para que todos contribuam para o bem comum
01/01/19, 20:07 | POSSE - Bombeiros atendem 27 ocorrências na Esplanada na hora da posse
01/01/19, 20:01 | POLÍTICA - Temer se despede da equipe e embarca para São Paulo, onde vai morar
01/01/19, 19:28 | POLÍTICA - No discurso de posse, Bolsonaro pede apoio para reconstruir o país
01/01/19, 19:23 | ECONOMIA - Presidente deve definir amanhã novo valor do salário mínino, diz Onyx
01/01/19, 19:19 | POLÍTICA - Wellington Dias inicia quarto mandato como governador do Piauí
01/01/19, 12:59 | SEGURANÇA - Agentes fazem última varredura em plenário da Câmara antes da posse
01/01/19, 12:57 | TRANSIÇÃO - Diário Oficial traz exonerações dos ministros de Michel Temer
« Anterior 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 | 301 - 330 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site