CBN - A rádio que toca notícia

DENÚNCIA

Vice-presidente da Caixa, ligada a Cunha, é suspeita de negociar verba por cargo

Os dados constam de uma apuração interna, feita pela Caixa, enviada ao MPF (Ministério Público Federal) e à Comissão de Ética Pública da Presidência. Os dois órgãos analisam o caso

13/01/18, 13:12

A

vice-presidente de Fundos de Governo e Loterias da Caixa Econômica Federal, Deusdina dos Reis Pereira, é suspeita de negociar um investimento de R$ 200 milhões, a ser feito pelo banco, em troca de um cargo para ela própria na Cemig (Companhia Energética de Minas Gerais).

Os dados constam de uma apuração interna, feita pela Caixa, enviada ao MPF (Ministério Público Federal) e à Comissão de Ética Pública da Presidência. Os dois órgãos analisam o caso.

Conforme a investigação, num e-mail corporativo enviado em 2015 ao então presidente da Cemig, Mauro Borges, Pereira avisa: “Amanhã apreciaremos no Conselho Diretor uma operação de crédito para a empresa no valor de R$ 200 milhões”. Na sequência, ela emenda: “Continuo aguardando seu retorno quanto à minha indicação para o conselho”.

A insinuação de “troca de interesses” foi um dos vários motivos alegados pelo MPF para pedir, no mês passado, a destituição de Pereira e de todos os demais vice-presidentes da Caixa para que as nomeações passem a ser feitas por critérios técnicos. Mas Temer negou o afastamento de todos.

Pereira e outros quatro dirigentes do banco, entre os quais o presidente, Gilberto Occhi, são investigados em processos internos por indícios de envolvimento em irregularidades na gestão e nas operações do banco.
Apadrinhada do PR, Pereira sucedeu no cargo Fábio Cleto, delator de esquema de corrupção na Caixa. Ela era auxiliar de Cleto.

A vice da Caixa é alvo das operações Sépsis e Cui Bono?, conduzidas pelo MPF, por possível ligação com o grupo do ex-deputado Eduardo Cunha (MDB-RJ), atualmente preso, acusado de desviar recursos da instituição financeira.

Em resposta ao e-mail, segundo a investigação, o então presidente da Cemig foi evasivo. Explicou que estavam sendo priorizados naquele momento de formação da equipe do governador recém-eleito Fernando Pimentel (PT, cargos comissionados no governo. Ele avisou a Pereira que entraria em contato em seguida.

A Caixa não informou se o aporte na Cemig foi aprovado na reunião citada na troca de mensagens. A companhia tinha linha de crédito com o banco, que foi mantida na gestão de Borges.

O Conselho de Administração da estatal mineira foi anunciado dias após o e-mail, mas Pereira ficou de fora.

A Comissão de Ética Pública da Presidência deve julgar o caso da vice-presidente nas próximas sessões. Se considerar que houve falta, poderá recomendar a exoneração dela.

O colegiado também avalia o caso do vice-presidente Corporativo, Antônio Carlos Ferreira, citado na delação premiada do dono da JBS, Joesley Batista, como intermediário de propinas ao ex-ministro de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior Marcos Pereira, presidente nacional do PRB. Os dois negam.

A situação dos dirigentes da Caixa abriu um conflito interno no banco. Integrantes do Conselho de Administração defendem nos bastidores o afastamento dos executivos, mas, sem aval do Planalto, não têm poderes para fazê-lo.

O novo estatuto do banco dá poderes ao colegiado para isso, mas ele só entra em vigor após análise do ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, e a convocação de uma assembleia geral de acionistas. Não há prazo para que isso ocorra.

Fonte: JL/Folha
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
21/01/19, 17:45 | INTERNACIONAL - Militares são presos na Venezuela por se rebelarem contra o governo
21/01/19, 17:42 | MANIFESTAÇÃO - Juízes e advogados fazem ato em defesa da Justiça do Trabalho em SP
21/01/19, 17:35 | POLÊMICA - Fux manda para 1ª instância pedido do MBL contra candidatura de Renan
21/01/19, 14:37 | CRIMINALIDADE - Reforço na segurança não impede novos ataques no Ceará
21/01/19, 14:31 | EM EXERCÍCIO - Vice Mourão chega fala sobre Flamengo e evita caso F. Bolsonaro
21/01/19, 14:27 | RECONHECIMENTO - Aliados de Lula fazem campanha para indicação a Nobel da Paz
21/01/19, 12:57 | INVESTIGAÇÃO - Relatório do Coaf: Quais suspeitas assombram Flávio Bolsonaro
21/01/19, 12:49 | VIOLÊNCIA - Decreto das armas pode dificultar denúncias de agressões contra mulheres
21/01/19, 12:44 | DENÚNCIA - Esquema de Queiroz e Flávio Bolsonaro pode ter ligação com milícia no RJ
21/01/19, 10:42 | ENTREVISTA - 'Bolsonaro é um insulto aos brasileiros', diz professora perseguida
21/01/19, 10:25 | OPINIÃO - Flávio Bolsonaro se afundou um pouco mais na lama, por Joaquim de Carvalho
21/01/19, 10:19 | OPINIÃO - A queda moral dos bolsonaristas, por Aldo Fornazieri
21/01/19, 09:06 | DENÚNCIA - Filho de Bolsonaro, Flávio Bolsonaro comprou R$ 4,2 mi em imóveis em 3 anos
20/01/19, 23:29 | INVESTIGAÇÃO - General começa a enquadrar os filhos de Bolsonaro
20/01/19, 22:56 | ENTREVISTA - Em entrevista, Flávio Bolsonaro diz que depósitos fracionados são dinheiro de venda de um apartamento
20/01/19, 18:00 | POLÍTICA - Cristovam Buarque: o mito Bolsonaro está destruindo o mito Moro
20/01/19, 17:49 | POLÍTICA - Noblat: quem votou em Bolsonaro esperando ética, quebrou a cara
20/01/19, 16:48 | REPERCUSSÃO - Silêncio de Moro diante do caso Flávio Bolsonaro é grave, diz ativista
20/01/19, 16:44 | LEVANTAMENTO - Militares já se espalham por 21 áreas do governo de Jair Bolsonaro
20/01/19, 16:41 | VIOLÊNCIA - Em nova noite de ataques, bandidos incendeiam ônibus e posto no Ceará
20/01/19, 16:17 | POLÍTICA - Janaina Paschoal defende quebra de sigilo de Flávio Bolsonaro
20/01/19, 16:04 | ARTIGO JURÍDICO - Repercussão Geral e o Novo CPC
20/01/19, 15:30 | POLÍTICA - Pela 2ª semana seguida, Bolsonaro reúne ministros e Mourão pedala
20/01/19, 15:17 | OPINIÃO - A certeza é que o governo Bolsonaro acabou, diz Luis Nassif
20/01/19, 15:03 | INVESTIGAÇÃO - Relatório do Coaf mostra que Queiroz movimentou R$ 7 milhões em três anos, diz jornal
20/01/19, 14:53 | EDUCAÇÃO - Sisu abre inscrições na terça; veja dicas para conseguir uma vaga
20/01/19, 11:14 | INTERNACIONAL - Homem mais velho do mundo morre aos 113 anos no Japão
19/01/19, 21:08 | ESCÂNDALO - Relatório do Coaf sobre Flávio Bolsonaro mostra pagamento de título de R$ 1 milhão sem indicar o favorecido
19/01/19, 20:48 | ARTIGO - Caso Queiroz: está ruim e pode piorar
19/01/19, 20:26 | ARTIGO - Socorro, papai!
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site