CBN - A rádio que toca notícia

POLÊMICA

Advogado de Temer critica MPF e 'avanço da cultura punitiva no país'

“Pau que mata Francisco, mata Chico. Pau que mata Michel, mata Lula”, disse o advogado

13/07/17, 16:00

Brasília - O advogado Antônio Cláudio Mariz de Oliveira, durante sessão da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara para discutir o parecer favorável à denúncia contra o presidente Michel Temer (Marcelo

O

advogado de defesa do presidente do Michel Temer, Antônio Cláudio Mariz de Oliveira (foto), disse hoje (13) que está “muitíssimo preocupado com o avanço da cultura punitiva no país”. Mariz foi o último a falar antes da suspensão da reunião da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) da Câmara dos Deputados para debater a denúncia contra o presidente Michel Temer.

“Pau que mata Francisco, mata Chico. Pau que mata Michel, mata Lula”, disse o advogado.

O advogado criticou o Ministério Público, que apresentou a denúncia contra Temer, ao dizer que o órgão não está cumprindo seu papel de perseguidor da Justiça. “Eu vejo que essa cultura punitiva, encabeçada por um Ministério Público, tem atingido inocentes”, disse.

O advogado Antônio Cláudio Mariz de Oliveira defende o presidente Michel Temer durante sessão da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara que discute o parecer favorável à denúncia contra o presidenteMarcelo Camargo/Agência Brasil

Para Mariz, há princípios sendo rasgados devido à uma “ânsia pelo poder”, com fixação de pena pelo Ministério Público e não pelo Judiciário e se abre mão da presunção de inocência. “As delações que precisam ser regulamentadas de acordo e nos moldes do Direito Penal brasileiro. O nosso Direito Penal não é um direito negocial”, acrescentou.

O advogado também criticou a imprensa que considera estar “mais preocupada com Ibope e faturamento”. “Essa mídia se apresenta como arauto dessa cultura punitiva”, enfatizou.

Mariz também disse que a maioria dos deputados está minimizando a importância da autorização para o prosseguimento da denúncia contra o presidente. Mas ele disse que é preciso avaliar se estão presentes “pressupostos mínimos” para que o presidente seja submetido a processo. O advogado acrescentou que o “processo em si já é uma pena para um homem de bem”. “Essa execração pública constitui essa pena indelével, uma pena cruel, proibida pela Constituição”, destacou.

O advogado disse ainda que há acórdãos reiterados sobre ilicitude da gravação feita pelo empresário Joesley Batista no encontro com Temer, no Palácio do Jaburu. Ele disse que provas assim são válidas somente para autodefesa ou proteção a terceiros.

Após mais de 20 horas de debate na CCJ, em que cerca de 90 deputados discursaram sobre a denúncia, e a reapresentação dos argumentos do relator Sérgio Zveiter (PMDB-RJ), o advogado criticou a Procuradoria-Geral da República e pediu aos parlamentares que não admitam que a denúncia prossiga na Justiça, por falta de provas. “É preciso avaliar se tem os pressupostos mínimos para que o presidente seja submetido ao processo”, explicou.

O advogado também respondeu às várias críticas feitas por dezenas de deputados ao presidente durante o período de discussão na CCJ. Ele repudiou as ofensas proferidas por alguns parlamentares contra Temer e ressaltou que a execração pública constitui crime de pena indelével.

“Falaram coisas pesadas, adjetivaram sem necessidade, chamaram de bandido, quadrilheiro, assassino. Não é necessário isso. Isso só denota insegurança de quem acusa, porque não havendo provas, e aqui não se fala e em provas, mas elementos, vai se buscar no vernáculo um colorido para que impressione a falar acusatória”, afirmou Mariz.

Após o pronunciamento do advogado, a CCJ suspendeu a reunião para almoço. Depois do intervalo, os membros da comissão darão início ao processo de votação do parecer de Zveiter.

Fonte: JL/Agência Brasil
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
22/09/17, 15:49 | DECISÃO - Corrupção é crime contra a humanidade, diz juiz responsável pela Lava Jato no RJ
22/09/17, 15:18 | CRIME - Miss do PR é presa suspeita de participar de sequestro de empresário
22/09/17, 15:13 | FUTEBOL - Alex Sandro é convocado para substituir Marcelo na seleção brasileira
22/09/17, 15:04 | LAVA JATO - Juiz bloqueia R$ 224 milhões de Sérgio Cabral, Adriana e outros nove
22/09/17, 14:53 | PERSONA NON GRATA - Deputados de SC revogam honraria concedida a Geddel
22/09/17, 14:13 | MISTÉRIO - Ex-médico condenado por matar e esquartejar paciente é encontrado morto em casa
22/09/17, 14:00 | CRISE - Lula: estou preocupado com defesa de intervenção militar por general
22/09/17, 13:40 | SUCESSÃO - Rede já fala em trocar Marina por Joaquim Barbosa para disputar Planalto em 2018
22/09/17, 13:12 | REVEILLON - Globo inicia produção de especial de fim de ano de Roberto Carlos
22/09/17, 13:08 | GUERRA - Ministro da Defesa autoriza cerco do Exército à Rocinha, no Rio
22/09/17, 13:05 | ESPORTE - Neymar, Messi e Cristiano Ronaldo concorrem a melhor do mundo
22/09/17, 13:00 | POLÊMICA - Mendes ironiza Estado laico: 'Espírito Santo seria espírito de porco'
22/09/17, 12:50 | GREVE - Sob ameaça de rebelião, forças de segurança voltam a ocupar Casa de Custódia para garantir visitas
22/09/17, 12:45 | VIOLÊNCIA - Menino de 4 anos agredido a pauladas na cabeça morre em hospital de Teresina
21/09/17, 21:22 | REIVINDICAÇÃO - Governador do Piauí descarta aumento para agentes penitenciários
21/09/17, 21:18 | VIOLÊNCIA - Homem que agrediu menino com golpes é preso em Teresina
21/09/17, 21:14 | EVENTO - Criança Feliz deve levar mais de 60 mil ao Parque da Cidadania
21/09/17, 20:57 | ECONOMIA - Brasil cria 35,5 mil vagas de trabalho formal em agosto, diz governo
21/09/17, 20:54 | CORRUPÇÃO - Câmara dos Deputados recebe denúncia contra MIchel Temer
21/09/17, 20:48 | MUNDO - México: 250 mortes e menina soterrada vira símbolo de resistência
21/09/17, 20:39 | CORRUPÇÃO - Cármen Lúcia envia denúncia sobre Temer à Câmara dos Deputados
21/09/17, 15:55 | INVESTIGAÇÃO - Michel Temer recebeu propina por hidrelétrica em Rondônia, diz Funaro
21/09/17, 15:50 | PROPINA - PF identifica compra de Porsche a Eduardo Cunha pelo dono da Gol
21/09/17, 15:10 | OPINIÃO PÚBLICA - DataPoder360: Aprovação de Temer é zero na faixa de jovens até 24 anos
21/09/17, 14:43 | DISCURSO - Nos Estados Unidos, Temer omite problemas e 'vende' otimismo
21/09/17, 14:37 | ESPORTE - COI apresenta medalhas dos Jogos de Inverno de 2018
21/09/17, 14:32 | PREVISÃO - Astrônomo anuncia o fim da terra neste sábado após impacto com planeta
21/09/17, 13:24 | POLÍTICA - Maia faz novas críticas ao governo em jantar com Renan e adversários de Temer
21/09/17, 13:17 | ASSEMBLEIA GERAL - Na ONU, discurso de Temer foi considerado mentiroso e farsante
21/09/17, 13:12 | INICIATIVA POPULAR - PLEBISCITO: Congresso não votará reforma política que atenda aos anseios populares
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site