CBN - A rádio que toca notícia

CORRUPÇÃO

Gilmar Mendes: “Em um momento houve canonização da Lava Jato”

“Qualquer decisão contra a ação do Moro era considerada antirrepublicana, antipatriótica ou ‘antiqualquercoisa’, o que é uma bobagem”, criticou o ministro do STF

07/07/18, 12:35

D

urante passagem por Londres, o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), defendeu suas decisões em que revogou prisões ordenadas por juízes de primeira instância da Lava Jato. Além disso, declarou que houve um momento de “canonização” da operação no País, em que qualquer questionamento a ela era considerado “antirrepublicano”, disse, em entrevista à Célia Froufe, do Estado de São Paulo.

O ministro destacou, ainda, que a lei de abuso de autoridade é uma das coisas nas quais o Brasil precisa “pensar” para os próximos anos. “Em um momento houve a canonização da Lava Jato. Então, qualquer decisão contra a ação do (juiz Sergio) Moro era considerada antirrepublicana, antipatriótica ou ‘antiqualquercoisa’, o que é uma bobagem”.

Gilmar está na capital inglesa para participar de um seminário na Universidade de Londres e no qual falou sobre os 30 anos da Constituição brasileira. “A Lava Jato começou a pensar que era uma entidade, quis legislar, mudar habeas corpus e outras coisas. Depois se viu que eles eram suscetíveis a problemas sérios e que a corrupção estava ali perto, como o caso (do ex-procurador Marcello) Miller”, afirmou Gilmar, em referência ao ex-procurador da República que, na semana passada, se tornou réu por supostamente atuar como advogado do Grupo J&F quando ainda integrava o Ministério Público Federal.

O ministro também criticou procedimentos adotados pela Polícia Federal e pelo Ministério Público Federal não só na Lava Jato como também na Carne Fraca e Satiagraha – operações em que foi questionado por ter revogado decisões expedidas pela primeira instância. Sobre isso, Gilmar disse estar “muito tranquilo”. “Nunca houve uma decisão minha que não fosse confirmada pela turma ou pelo pleno”.

O magistrado defendeu a reformulação da lei que trata de abuso de autoridade no País. Neste caso, fez referência ao trabalho do ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot, responsável pela negociação e assinatura de acordos de delação premiada de ex-executivos do Grupo J&F, material que fundamentou duas denúncias contra Michel Temer.

“O doutor Janot, de fato, queria derrubar o presidente para isso? Então foi a primeira tentativa de golpe que se fez em 30 anos vinda não de militares”, disse Gilmar. “Não estou falando que não é para investigar, não. Agora, faça direito”, afirmou. “Isso é também uma coisa na qual precisamos pensar para os próximos 30 anos: lei de abuso de autoridade, responsabilidade”, afirmou.
 
 
Fonte: JL/Revista Fórum
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
29/06/18, 17:10 | POLÍTICA - Lula promete reverter 'tudo o que estão fazendo contra nossa gente'
29/06/18, 17:08 | SEGURANÇA - Policiais vêm sendo caçados por criminosos, dizem entidades de classe
29/06/18, 17:05 | POLÍTICA - TSE divulga limite de gastos para as eleições 2018
29/06/18, 16:51 | JUDICIÁRIO - STF adia para o segundo semestre julgamento de liberdade de Lula
29/06/18, 16:35 | DECISÃO - Supremo mantém fim do imposto sindical obrigatório
28/06/18, 20:30 | CORRUPÇÃO & PROPINA - Ex-deputado do PP ensina como se 'compra alguém'
28/06/18, 20:05 | LAVA JATO - Fachin libera para plenário do STF pedido de liberdade de Lula
28/06/18, 20:03 | INTERNACIONAL - Juiz dos EUA ordena que menino brasileiro seja entregue à mãe
28/06/18, 19:20 | COPA DO MUNDO - Bélgica vence Inglaterra e fica em primeiro no Grupo G
28/06/18, 16:40 | POLÍTICA - Temer assina decreto que reserva 30% de vagas de estágio para negros
28/06/18, 16:37 | REDES SOCIAIS - TSE assina memorando com Facebook e Google contra fake news
28/06/18, 16:35 | OPINIÃO PÚBLICA - Pesquisa CNI-Ibope aponta recuo na confiança do governo de 8% para 6%
28/06/18, 15:07 | ESPORTE - Fair-play classifica Japão para as oitavas de final da Copa do Mundo
28/06/18, 14:58 | OPINIÃO PÚBLICA - Pesquisa Ibope: Ex-presidente Lula dispara na frente com 33%
28/06/18, 14:53 | COPA DO MUNDO - Colômbia vence Senegal por 1 x 0 e se classifica para as oitavas
28/06/18, 14:32 | PESQUISA - Ibope: governo Temer tem só 4% de aprovação e 79% de reprovação
28/06/18, 11:57 | DECISÃO - Supremo reconhece unicidade de representação judicial e consultoria jurídica pelos Procuradores Estaduais e do Distrito Federal
28/06/18, 09:19 | VATICANO - Papa aceita renúncia de mais 2 bispos chilenos por pedofilia
28/06/18, 09:14 | POLÊMICA - Marco Aurélio critica Cármen Lúcia e fala em 'manipulação de pauta'
28/06/18, 08:55 | ECONOMIA - Contestações na Justiça levam Telebras a perder 44% de seu valor de mercado
28/06/18, 08:46 | COPA DO MUNDO - Como todos queriam, Neymar deixa individualismo e assume protagonismo
28/06/18, 08:24 | CORRUPÇÃO - Ciro Nogueira, a mulher e o enlace de Cristiano Araújo com a Lava Jato
27/06/18, 18:57 | SAÚDE PÚBLICA - Mortes por diabetes cresceram 12% no Brasil em seis anos, diz Ministério da Saúde
27/06/18, 17:54 | COPA DO MUNDO - Suíça empata com Costa Rica e fica em segundo no Grupo do Brasil
27/06/18, 17:46 | ESPORTE - Multidão entra em festa: Brasil continua e Alemanha vai embora
27/06/18, 13:45 | ESPORTE - Suécia coloca o México na roda, faz 3 a 0 e vai às oitavas da Copa
27/06/18, 13:32 | ESPORTE - Alemanha é eliminada da Copa do Mundo pela Coreia: 2 x 0
27/06/18, 11:52 | COPA DO MUNDO - Tite usa palavras de Mandela como inspiração para seus jogadores
27/06/18, 11:49 | JUDICIÁRIO - Após soltar condenados, Gilmar diz que STF está voltando a ser Supremo
27/06/18, 11:26 | INTERNACIONAL - Justiça ordena que EUA reúnam menores separados dos pais
« Anterior 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 | 301 - 330 | 331 - 360 | 361 - 390 | 391 - 420 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site