CBN - A rádio que toca notícia

POLÍTICA

Maia traça agenda com aliados para viabilizar candidatura ao Planalto

Entre as estratégias, além de viagens pelo Brasil, estão encontro com empresários e líderes partidários

09/01/18, 09:28

D

esde outubro, quando da votação da segunda denúncia contra Michel Temer na Câmara, o presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), começou a se aproximar de bancadas do centro. As relações com o PP e com o Solidariedade, especialmente, ficaram mais firmes.

Já naquela época, a intenção era clara: abrir caminhos para uma possível candidatura à Presidência da República. Na ocasião, o presidente do PP, senador Ciro Nogueira (PI), chegou a ir à residência oficial de Maia, e ofereceu apoio de seu partido a qualquer projeto político que ele tivesse para as eleições de 2018.

Agora, o presidente da Câmara começou a planejar viagens pelo Brasil, com o propósito de se tornar mais conhecido. Além disso, de acordo com informações da Folha de S. Paulo, Maia decidiu procurar empresários e outros partidos para dar sustentação à candidatura.

Outro entusiasta do nome de Rodrigo Maia ao Planalto é o deputado Paulinho da Força (SD-SP), com quem o democrata se reuniu, na última sexta-feira (5), em São Paulo.

"Há um espaço no eleitorado de centro, principalmente diante das dúvidas em torno do ex-presidente Lula. Como Maia tem boa relação com diversos partidos, esse espaço pode ser viabilizado com ele", afirmou Paulinho.

No entanto, para que a estratégia se firme, é necessário ainda encurralar uma possível candidatura do ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, que desde o ano passado tenta se consolidar como o candidato da coalizão governista.

Ainda conforme a Folha, Maia tem sido cauteloso em relação aos movimentos mais assertivos sobre sua candidatura, ainda mais enquanto a votação da reforma da Previdência não acontece. O objetivo, de acordo com fontes próximas do deputado, é evitar cometer o mesmo erro de Meirelles: falar como candidato em meio às negociações da proposta.

Maia deve aproveitar a convenção do seu partido, o DEM, no dia 6 de fevereiro, para se testar. Na oportunidade, tudo indica que adotará um discurso próprio, que defenda as reformas, legado do governo de Michel Temer, porém sem se comprometer tanto com a pauta exclusivamente econômica do presidente.

O motivo é simples: manter independência em relação a um governo que tem baixíssimos índices de aprovação, e poder criticá-lo. Até agora, os números também não favorecem Maia, que foi lembrado por apenas 1% dos eleitores, na última pesquisa de intenção de voto realizada pelo Datafolha.

Fonte: JL/Notícias ao Minuto
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
05/02/19, 18:47 | ESTUDOS - Estudos revelam desafios sobre saúde mental após desastres ambientais
05/02/19, 18:42 | POLÊMICA - Governo quer mandar reforma da Previdência para Congresso em breve
05/02/19, 18:24 | TRAGÉDIA - STJ manda soltar presos por rompimento da barragem em Brumadinho
05/02/19, 18:21 | POLÍTICA - Maia: Câmara pode aprovar reforma da Previdência até maio
05/02/19, 18:16 | VIOLÊNCIA - Força Nacional de Segurança começa a deixar o Ceará
05/02/19, 13:06 | SAÚDE - Estado de saúde de Bolsonaro piora de novo e alta médica é adiada
05/02/19, 12:59 | INTERNACIONAL - Incêndio em apartamento deixa 10 mortos em Paris; autoridades falam em ato criminoso
05/02/19, 12:53 | POLÍTICA - Mulheres ficam fora das lideranças da Câmara mesmo com número recorde de deputadas
05/02/19, 12:48 | ECONOMIA - Desalento e informalidade devem aumentar no governo Bolsonaro, prevê Dieese
05/02/19, 12:38 | PREVIDÊNCIA - Com nova Previdência, idosos de baixa renda vão receber menos que um salário mínimo
05/02/19, 11:27 | INVESTIGAÇÃO - Se for verdadeira, é grave, diz Mourão sobre esquema de ministro
05/02/19, 11:18 | DENÚNCIA - Governo Bolsonaro: ministro é quem deve responder sobre esquema
05/02/19, 11:09 | PESQUISA - 63,4% da população considera a Vale culpada em Brumadinho
05/02/19, 10:52 | REFORMAS - Ministros voltam a se reunir para avaliar ações e prioridades
05/02/19, 10:46 | ANTICRIME - Proposta de Moro pode elevar letalidade, dizem especialistas
05/02/19, 10:36 | PREVIDÊNCIA - 40 anos de contribuição para se ter 100% da aposentadoria
05/02/19, 08:59 | POJETO DE LEI - Pacote anticrime: veja como a lei é hoje e o que pode mudar
05/02/19, 08:52 | TRAGÉDIA - Brumadinho: buscas por vítimas entram no 12º dia; 134 mortos
05/02/19, 08:48 | REFORMAS - Previdência: regra de transição, idade mínima. Veja o que muda com a proposta
04/02/19, 22:12 | PROJETO DE LEI - Para advogados, projeto de lei anticrime de Moro cria 'licença para matar'
04/02/19, 22:09 | STF - Barroso envia denúncia contra Temer para primeira instância
04/02/19, 21:55 | INTERNACIONAL - Grupo de Lima recomenda restrições às negociações com regime de Maduro
04/02/19, 21:46 | REPERCUSSÃO - Entidades da sociedade se manifestam sobre projeto de lei anticrime
04/02/19, 14:59 | SAÚDE - Sobreviventes do câncer devem mudar estilo de vida, diz pesquisa
04/02/19, 14:53 | DISCUSSÃO - Estados pedem desburocratização de fundos de segurança pública
04/02/19, 14:50 | PAUTA - Ministros fazem reunião para debater políticas para a Região Nordeste
04/02/19, 13:36 | INTERNACIONAL - Corpo é achado entre pedaços de avião onde estava jogador argentino
04/02/19, 13:30 | JUSTIÇA - Uso de tecnologia no transporte de presos agrada a governadores
04/02/19, 13:26 | REFORMAS - Lei propõe endurecer cumprimento de pena para crimes graves
04/02/19, 12:31 | DENÚNCIA - Prefeito de Luzilândia é denunciado por crime de improbidade na Justiça Federal e poderá perder o cargo
« Anterior 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 | 301 - 330 | 331 - 360 | 361 - 390 | 391 - 420 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site