CBN - A rádio que toca notícia

REPERCUSSÃO

Trabalhador é condenado a pagar R$ 8,5 mil em honorários com nova Lei Trabalhista

A reforma trabalhista prevê que o empregado que entrar com uma ação na Justiça contra a empresa e perder poderá ter que arcar com as custas do processo

13/11/17, 22:27

S

entenças proferida no sábado mesmo dia em que nova legislação trabalhista entrou em vigor, provoca polêmica na Bahia. Tomando como base a nova legislação, o juiz José Cairo Júnior, Titular do TRT da 3ª Região, na cidade de Ilhéus, sul do Estado chamou a atenção por negar o pleito de um trabalhador e por condená-lo a arcar com as custas do processo.

O funcionário de uma empresa do ramo agropecuário entrou na Justiça reivindicando indenização de R$ 50 mil por ter sido assaltado à mão armada quando se preparava para se deslocar para o local de trabalho.

Entretanto, o magistrado não viu no fato implicação por parte da empresa e rejeitou a tese de "responsabilidade civil do empregador decorrente de atos de violência praticados por terceiros".

Ele ainda indeferiu o benefício da justiça gratuita, determinando que o autor da ação pagasse a quantia de R$ 8,5 mil de custas processuais, e por litigância de má-fé, por ter reivindicado o pagamento de horas extras - que não teriam sido comprovadas .

O juiz entendeu que não há como atribuir ao empregador a responsabilidade pelo aumento da criminalidade na região, já que tal situação não está sob seu controle, além disso, o fato sequer poderia ser considerado acidente de trabalho.


"O próprio reclamante, em suas alegações finais, informa que o evento teria ocorrido enquanto ele se preparava para se deslocar ao trabalho e não no seu efetivo trajeto", justificou o juiz.

Sobre a reivindicação de pagamento de horas extras, José Cairo Junior alega que o reclamante, durante o seu depoimento informou que trabalhava das 7 horas às 12 horas e das 13 horas às 16 horas, de segunda a sexta-feira, e aos sábados até às 11 horas.

"Ora, tais informações comprovam que o autor alterou a verdade dos fatos, pois em sua inicial diz que só gozava de 30 minutos de intervalo", fundamentou.

Nova regra

A reforma trabalhista prevê que o empregado que entrar com uma ação na Justiça contra a empresa e perder poderá ter que arcar com as custas do processo. De acordo com o texto, os chamados honorários de sucumbência serão de 5% a 15% do valor da ação.

Fonte: JL/Estado de Minas
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
21/11/18, 16:34 | TRANSIÇÃO - Após prometer 15 ministérios, equipe de Bolsonaro admite até 20
21/11/18, 16:28 | POLÍTICA - Em carta a Bolsonaro, governadores do Nordeste pregam diálogo nacional
21/11/18, 15:29 | DIREITOS HUMANOS - Direitos humanos são pautas de todos e para todos, afirma ministro
21/11/18, 15:26 | DECISÃO - STJ mantém foro privilegiado de desembargadores
21/11/18, 14:48 | POLÍTICA - Governadores do Nordeste debatem propostas em tramitação no Congresso
21/11/18, 14:45 | EDUCAÇÃO - MPF expede recomendações para impedir assédio moral a professores
21/11/18, 14:38 | PROGRAMA - Deputado propõe perdão da dívida do Fies para quem entrar no Mais Médicos
21/11/18, 14:00 | SEMINÁRIO - Mulheres negras são as maiores vítimas de feminicídio no Brasil
21/11/18, 13:40 | MAIS MÉDICOS - Médico cubano a Bolsonaro: 'Aprenda o que é amor ao próximo'
21/11/18, 10:25 | SAÚDE PÚBLICA - Saúde do homem será tema de roda de conversa em Teresina
21/11/18, 10:20 | SAÚDE PÚBLICA - SUS Teresina faz parceria com clínica particular para aumentar oferta de radioterapia
21/11/18, 09:34 | ECONOMIA - Envolvidas na Lava Jato devem receber perdão de R$ 800 milhões
21/11/18, 09:29 | MUNDO - Evento no Parlamento britânico discute situação política no Brasil
21/11/18, 09:26 | AMEAÇA - PF investiga vídeos com ameaças de morte a Bolsonaro
21/11/18, 09:23 | ESPORTE - Tite diz que termina ano 'em paz' e vê eliminação na Copa cicatrizando
21/11/18, 09:18 | ANTICORRUPÇÃO - Moro quer 'descapitalizar' criminosos combatendo lavagem de dinheiro
20/11/18, 22:26 | POLÍTICA - Governadores do Nordeste fecham agenda única para levar a Bolsonaro
20/11/18, 18:57 | MOVIMENTO - Marcha da consciência negra pede democracia, direitos e fim do racismo
20/11/18, 18:29 | HOMENAGEM - DATA: 10 motivos para refletir sobre a Consciência Negra no Brasil
20/11/18, 18:21 | DECLARAÇÃO - Steve McQueen: 'O Brasil é um dos países mais racistas em que estive'
20/11/18, 18:02 | TRANSIÇÃO - Investigado sob suspeita de fraude, Mandetta será ministro da Saúde
20/11/18, 16:08 | MANIFESTAÇÃO - Indígenas fazem ato em defesa de direitos previstos na Constituição
20/11/18, 15:48 | CORRUPÇÃO & PROPINA - Segunda Turma do STF desarquiva inquérito sobre Aécio Neves
20/11/18, 15:27 | POLÍTICA - Bolsonaro é hostilizado e acusado de caixa 2 por manifestantes
20/11/18, 15:09 | REFORMAS - Ministro de Bolsonaro vair criar Secretaria de Privatizações
20/11/18, 15:05 | PROGRAMA - Humanização de cubanos é o diferencial do Mais Médicos
20/11/18, 15:00 | REFORMAS - Com Bolsonaro, privatização ameaça Caixa e Banco do Brasil
20/11/18, 14:36 | ARTE - Grafiteira faz mural de 500 m2 no Rio para homenagear mulheres negras
20/11/18, 14:34 | EDUCAÇÃO - Estados poderão decidir se darão aulas a distância no ensino médio
20/11/18, 14:30 | TRANSIÇÃO - Moro escolhe delegados da Lava Jato para PF e departamento do MJ
« Anterior 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 | 301 - 330 | 331 - 360 | 361 - 390 | 391 - 420 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site