CBN - A rádio que toca notícia

CORRUPÇÃO & PROPINA

PF pede mais 60 dias de prazo para concluir inquérito sobre Temer, Moreira e Padilha

Investigação foi aberta para apurar se a Odebrecht pagou propina na Secretaria de Aviação Civil quando o MDB comandava a pasta. Pedido será analisado pelo ministro Edson Fachin, do Supremo

15/05/18, 20:55

A

Polícia Federal pediu nesta terça-feira (15) mais 60 dias para concluir o inquérito que investiga o presidente Michel Temer e os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Minas e Energia), todos do MDB.

O pedido foi enviado ao ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), relator do caso na Corte.

Antes de decidir, Fachin deverá encaminhar o pedido para análise da Procuradoria Geral da República (PGR).

O inquérito apura o suposto de pagamento de propina pela Odebrecht na Secretaria de Aviação Civil quando a pasta foi comandada pelo MDB.

Embora o inquérito tenha sido aberto em março do ano passado, Temer só foi incluído entre os investigados em março deste ano.

Entenda

O caso se refere a um jantar no Palácio do Jaburu, em maio de 2014, em que teria sido acertado o repasse de R$ 10 milhões supostamente ilícito pela Odebrecht ao MDB.

O delator Cláudio Mello Filho, ex-executivo da empreiteira, disse ter participado de um jantar com Padilha, Marcelo Odebrecht e Temer para discutir o assunto. O presidente já admitiu que houve o jantar, mas sempre disse que eles não falaram de valores.

Segundo a Procuradoria Geral da República, integrantes do grupo político liderado por Temer "teriam recebido recursos ilícitos da Odebrecht como contrapartida ao atendimento de interesses da empreiteira pela Secretaria de Aviação Civil da Presidência da República".

Inquérito dos portos

Além deste inquérito, Temer é alvo de outra investigação em andamento no Supremo: a que apura o suposto pagamento de propina na edição do decreto dos portos.

A suspeita é que, ao editar o decreto, no ano passado, Temer beneficou a Rodrimar, que atua no porto de Santos (SP). Temer e a empresa negam.

Fonte: JL/Globo
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
29/07/18, 19:44 | ELEIÇÕES 2018 - Corrida de presidenciáveis pelos vices vira missão quase tão difícil quanto ganhar a eleição
29/07/18, 19:40 | ECONOMIA - Brasileiros têm cerca de US$ 500 bi declarados em investimentos no exterior
29/07/18, 19:22 | PAUTA - Congresso de saúde coletiva defende política de redução de agrotóxicos
29/07/18, 19:16 | DIREITOS HUMANOS - Manifestação pede fim da violência contra mulheres negras no Rio
29/07/18, 19:08 | POLÍTICA - 'Wellington Dias prostituiu a Assembleia', disse Mão Santa ao deputado Themístocles Filho
29/07/18, 15:54 | POLÍTICA - Sidney Rezende: mídia insana barra cobertura do festival Lula Livre
29/07/18, 15:41 | POLÍTICA - Imprensa francesa destaca milhares de pessoas no festival Lula Livre
29/07/18, 15:29 | POLÍTICA - Lula: ‘dinheiro na mão do pobre é que movimenta economia’
28/07/18, 12:47 | POLÍTICA - Em convenção, PTB oficializa apoio à pré-candidatura de Alckmin ao Planalto
28/07/18, 12:40 | VIOLÊNCIA - Fortaleza tem onda de ataque incendiário a ônibus e prédios públicos
28/07/18, 12:05 | FUTEBOL INTERNACIONAL - Transferência de Ronaldo faz preço do ingresso disparar na Itália
28/07/18, 11:58 | DENÚNCIA - Toffoli ganha R$ 100 mil de mesada da mulher, diz site
28/07/18, 11:52 | ELEIÇÕES 2018 - Escolha de vice mobiliza negociações políticas em corrida presidencial
28/07/18, 11:50 | OPINIÃO PÚBLICA - Vida piorou para 70% dos brasileiros no governo Temer/PSDB, diz pesquisa
28/07/18, 10:43 | DENÚNCIA - Mulher de Moro abre empresa com acusado de cobrar milhões por acordo na Lava Jato
27/07/18, 21:30 | EDUCAÇÃO - Brasil tem dificuldade de atrair jovens para a carreira professor
27/07/18, 21:19 | CORRUPÇÃO & PROPINA - MPF denuncia 14 pessoas por desvio de R$ 625 milhões na gestão Alckmin, em SP
27/07/18, 21:09 | IMPUGNAÇÃO - MP vai processar político ficha suja que usar dinheiro público em campanha
27/07/18, 21:04 | EQUÍVOCO - Suspeito vende joias por R$ 200 e chora ao descobrir que valiam R$ 50 mil, em Teresina
27/07/18, 20:59 | ARTIGO - No Brasil, a culpa é da vítima e não do culpado, diz Mario Rosa
27/07/18, 20:51 | DECISÃO - Toffoli rejeita pedidos de liberdade para Eduardo Cunha
27/07/18, 20:48 | JUSTIÇA - Cármen Lúcia diz que é preciso repensar o Poder Judiciário
27/07/18, 20:45 | CORRUPÇÃO - Justiça cassa direitos políticos de Garotinho por 8 anos
27/07/18, 14:46 | POLÍTICA - Siglas do Centrão e do PSDB são rivais em 12 estados
27/07/18, 14:42 | ECONOMIA - Bandeira vermelha vai encarecer a conta de luz em agosto
27/07/18, 14:37 | SAÚDE - Sarampo: sobe para 822 o número de casos no Brasil, diz Ministério
27/07/18, 14:10 | ECONOMIA - OAB e entidades protestam hoje contra cobrança de bagagem despachada
27/07/18, 14:07 | ECONOMIA - CNI: indústria da construção enfrenta dificuldades para se recuperar
27/07/18, 13:52 | POLÊMICA - STF suspende efeitos de ação trabalhista de R$ 17 bi contra Petrobras
27/07/18, 11:54 | VIOLÊNCIA - Polícia de Luzilândia prende casal assassino que foi ao velório da vítima
« Anterior 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 | 301 - 330 | 331 - 360 | 361 - 390 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site