CBN - A rádio que toca notícia

ARTIGO

O magistrado e o exaurimento da jurisdição

Portanto, uma vez prolatada e publicada a sentença o juiz cumpre e encerra o ofício jurisdicional no respectivo processo-crime. Encerrada sua função, não mais cabe ao magistrado se manifestar sobre a causa

10/07/18, 13:41

Por Nixonn Freitas Pinheiro, advogado (foto)

N

o Direito Penal e no Processual Penal, tal qual no âmbito civil, colhemos uma questão jurídica de substancial relevância constitucional: “o exaurimento da função jurisdicional” ou simplesmente o “exaurimento da jurisdição”.

Segundo Ricardo Benevenuti Santolini, especialista em Direito Penal e Processo Penal, em seu compêndio “A Jurisdição no Processo Penal”, jurisdição existe para vários ramos do direito. Pela definição de Giuseppe Chiovenda - cita o especialista -, jurisdição é “a função do Estado que tem por escopo a atuação da vontade concreta da lei por meio da substituição, pela atividade de órgãos públicos, na atividade de particulares ou de outros órgãos públicos, já no afirmar da existência da vontade da lei, já no torná-la, praticamente, efetiva.” José Frederico Marques é ainda mais objetivo, dizendo que é “a função estatal de aplicar as normas da ordem jurídica em relação a uma pretensão”.

Quando se exaure, então, a função jurisdicional? Em outros termos, interroga-se: “Quando termina a função do juiz no processo-crime, por exemplo?” A resposta é simples: “Quando há a prolação da sentença”. É justamente aqui que se encerra a prestação jurisdicional, a função judicante no processo-crime. Aqui surge a figura jurídica do “juiz sentenciante”. Após, o juiz tem apenas uma oportunidade para se manifestar processo-crime: quando julga admitindo ou não o recurso de embargos de declaração.

Havendo recurso de apelação contra uma sentença condenatória ou absolutória, seja pelo Ministério Público ou pelo sentenciado (quando condenado), o juiz sentenciante se desliga do processo-crime.

Transitada em julgado a sentença, o juiz sentenciante somente voltará ao respectivo processo-crime se ele próprio for o juízo competente da execução da pena. Isso ocorre quando em uma determinada Comarca ou jurisdição houver Vara Única. Caso contrário, transitada em julgado ou não a sentença o processo-crime segue para o juízo da execução da pena e não para o juízo sentenciante, seja para a execução provisória ou definitiva da pena.

Portanto, uma vez prolatada e publicada a sentença o juiz cumpre e encerra o ofício jurisdicional no respectivo processo-crime. Encerrada sua função, não mais cabe ao magistrado se manifestar sobre a causa.

Esgotada a função jurisdicional do juiz sentenciante, seja para executar a pena provisoriamente, seja para executá-la definitivamente, a competência e a função jurisdicional se transfere para a alçada do juízo da Execução da Pena, que tem por objetivo efetivar as disposições da sentença ou de decisão criminal e proporcionar condições para a harmônica integração social do condenado e do internado. Portanto, a execução penal competirá ao Juiz indicado na lei local de organização judiciária e, na sua ausência, ao da sentença. Seja execução provisória ou definitiva.

O art. 66, da Lei Federal nº 7.210, de 11 de julho de 1984, define as competências do juiz da execução penal, entre as quais a de aplicar aos casos julgados lei posterior que de qualquer modo favoreça o condenado; declarar extinta a punibilidade; decidir sobre soma ou unificação de penas; progressão ou regressão nos regimes; detração e remição da pena; suspensão condicional da pena; livramento condicional; incidentes da execução, etc., etc.

Fonte: JL
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
11/03/19, 12:41 | REFORMA - Reforma da Previdência Social no INSS: Veja como fica a aposentadoria dos políticos em 2019
11/03/19, 12:17 | ARTIGO - Equatorial, Polícia e Desvio de Função
10/03/19, 21:04 | RELIGIÃO - Campanha da Fraternidade da Igreja Católica e políticas públicas
10/03/19, 20:57 | MUNDO - Congressistas dos EUA pedem ‘Lula Livre’ em carta a secretário de Estado
10/03/19, 20:52 | POLÍTICA - Doria prepara expulsão de Aécio e adesão do PSDB ao ‘bolsonarismo’
10/03/19, 20:44 | ESCÂNDALO - REVISTA VEJA: Carlos Bolsonaro incentivou o pai a publicar vídeo pornô
10/03/19, 19:33 | ACIDENTE - Após perder voo de avião que caiu na Etiópia, passageiro é recebido pelo pai no Quênia
10/03/19, 18:59 | ACIDENTE - Acidente na Etiópia é o 2º do Boeing 737 MAX desde que o modelo entrou em operação comercial, em 2017
10/03/19, 18:56 | DENÚNCIA - MPF de Curitiba troca dinheiro da Petrobras por repasse de informações aos EUA
10/03/19, 18:42 | OPINIÃO - Previdência de Bolsonaro colocará a maioria na miséria absoluta
10/03/19, 18:37 | POLÊMICA - Lava Jato: ONG bilionária com dinheiro da Petrobras é vista como “Estado paralelo”
10/03/19, 14:37 | CARNAVAL - Público lota Sambódromo no desfile das campeãs do carnaval do Rio
10/03/19, 14:16 | POLÊMICA - Acordo da Lava Jato com a Petrobras coloca o Ministério Público em suspeição
10/03/19, 13:07 | CRIME - "Ligação de Bolsonaro aos suspeitos de matar a Marielle é aterrorizante"
08/03/19, 17:27 | DIA INTERNACIONAL - Mulheres dispensam mensagens de parabéns e pedem fim da violência
08/03/19, 17:11 | DEPOIMENTO - Maria da Penha: lei de posse de armas vai aumentar feminicídios
08/03/19, 17:04 | DESGASTE - Feliciano: Defensores do governo Bolsonaro são 'quase inexistentes'
08/03/19, 16:53 | ENTREVISTA - Bolsonaro admite que Reforma da Previdência é “medida amarga”
08/03/19, 15:18 | REUNIÃO - Câmara e Senado lançam ações para monitorar violência contra a mulher
08/03/19, 14:46 | DIREITOS HUMANOS - Ligue 180 recebeu 17,8 mil denúncias de vilência contra a mulher em 2 meses de 2019
08/03/19, 14:44 | ECONOMIA - Em apenas 25% das profissões, mulheres e homens ganham o mesmo salário
08/03/19, 14:39 | PREVIDÊNCIA - Maia defende que Assistência Social a idosos e deficientes fique fora da reforma
08/03/19, 14:29 | DADOS - Mulheres ganharam 20,5% menos que os homens em 2018, diz IBGE
08/03/19, 14:22 | CONFUSÃO - Jornal britânico questiona "Xixigate" e "guerras de cultura" de Bolsonaro
08/03/19, 14:17 | INVESTIGAÇÕES - 'Deixa as investigações continuarem', diz Bolsonaro sobre ministro do Turismo
08/03/19, 14:01 | PUNIÇÃO - Governador do do Rio sanciona lei que proíbe contratação de homens condenados pela Lei Maria da Penha
08/03/19, 13:54 | PARLAMENTO - O Dia da Mulher visto da Câmara: conheça as propostas das deputadas em 2019
08/03/19, 13:47 | CRISE - Guru de Bolsonaro, Olavo de Carvalho orienta alunos a deixarem governo
08/03/19, 09:32 | EDUCAÇÃO - Reforma da Previdência traz crueldade com professoras, diz Fábio Garrido
08/03/19, 09:22 | CRÍTICAS - Em editorial, O Globo critica Bolsonaro e diz que ele precisa trabalhar
« Anterior 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 | 301 - 330 | 331 - 360 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site