CBN - A rádio que toca notícia

ECONOMIA

Boletos vencidos de todos os tipos serão pagos em qualquer banco

Segundo a Febraban, além da praticidade, a implementação da NPC torna o processo de pagamento via boleto mais seguro, sem risco de fraudes

08/11/18, 14:07

A

partir do próximo sábado (10), boletos vencidos poderão ser pagos em qualquer banco ou correspondente e não apenas na instituição financeira em que foram emitidos.

Isso será possível com a conclusão da implementação da Nova Plataforma de Cobrança (NPC), sistema desenvolvido pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban) em parceria com os bancos.

Na última fase do processo, passa a ser obrigatório o cadastramento de títulos referentes a faturas de cartão de crédito e doações no novo sistema.

Segundo a Febraban, além da praticidade, a implementação da NPC torna o processo de pagamento via boleto mais seguro, sem risco de fraudes.

Outra mudança diz respeito ao comprovante de pagamento, que será mais completo, apresentando todos os detalhes do boleto, (juros, multa, desconto, etc) e as informações do beneficiário e pagador.

O projeto da Nova Plataforma de Cobrança começou há quatro anos.

Desde 2016 ele vem incorporando na sua base de dados os boletos de pagamentos já dentro das normas exigidas pelo Banco Central, ou seja, com informações do CPF (Cadastro de Pessoa Física) ou CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica) do emissor, data de vencimento e valor, além do nome e número do CPF ou CNPJ do pagador.

A Febraban diz que essas informações são importantes para checar a veracidade dos documentos na hora de se fazer o pagamento.

Caso os dados do boleto a ser pago não coincidam com aqueles registrados na base da Nova Plataforma, ele é recusado, pois o boleto pode ser falso.

Para fazer a migração do modelo antigo de processamento para o atual, os bancos optaram por incluir os boletos no novo sistema por etapas, de acordo com o valor a ser pago.

Esse processo começou em meados do ano passado para boletos acima de R$ 50 mil (os de menor volume) e termina no dia 10 de novembro, com a incorporação dos boletos de cartão de crédito e doações.

Última fase

Com uma participação de cerca de 40% do total de títulos emitidos no país, os boletos de cartões de crédito e doações têm uma característica em comum: o valor a ser pago pelo consumidor pode não ser exatamente o que consta em cada boleto.

No caso dos cartões, porque há opções de pagamento, como valor mínimo, duas ou três parcelas. No caso das doações, ele também pode escolher um valor diferente do que está impresso no boleto.

Segundo a Febraban, da mesma forma que nas fases anteriores, se os boletos não estiverem cadastrados na base do novo sistema, os bancos irão recusá-los.

Se isso acontecer, o pagador deve procurar o beneficiário, que é o emissor do boleto, para quitar o débito ou solicitar o cadastramento do título.

Fonte: JL/Agência Brasil
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
13/03/19, 10:49 | TRAGÉDIA - Tiroteio em escola deixa pelo menos dez mortos na Grande SP
13/03/19, 10:46 | INVESTIGAÇÃO - Polícia e MP cumprem 16 mandados de busca relativos ao caso Marielle
13/03/19, 10:21 | INVESTIGAÇÃO - Filho de Bolsonaro faz uma indagação: 'Quem era Marielle Franco?'
12/03/19, 16:10 | INVESTIGAÇÃO - Filha de matador de Marielle namorou filho do presidente Bolsonaro
12/03/19, 16:05 | CRIME - Bolsonaro fala sobre foto abraçado com um dos matadores de Marielle
12/03/19, 15:41 | REPERCUSSÃO - Bolsonaro diz esperar que se tenha chegado aos executores de Marielle: 'se é que foram eles'
12/03/19, 15:00 | INVESTIGAÇÃO - Aparece primeira foto de Bolsonaro com um dos assassinos de Marielle
12/03/19, 14:22 | CASO MARIELLE - Polícia de Wilson Witzel está escondendo o jogo (ou o criminoso)
12/03/19, 14:04 | DENÚNCIA - General acertou com Temer 'lei de silêncio' sobre caso Marielle
12/03/19, 13:53 | CRIME - Ex-PM preso acusado de matar Marielle é vizinho de Bolsonaro
12/03/19, 13:10 | POLÊMICA - Líderes decidem segurar reforma da Previdência até envio de novas regras
12/03/19, 13:06 | CRIME - Suspeitos no caso Marielle podem fazer delação premiada, diz Witzel
12/03/19, 13:02 | INVESTIGAÇÃO - Psol quer CPI para investigar atuação das milícias na Câmara dos Deputados
12/03/19, 12:24 | EDUCAÇÃO - Participantes da lista de espera do ProUni devem comprovar informações
12/03/19, 12:19 | BENEFÍCIO - Ministro da Cidadania confirma 13º salário do Bolsa Família
12/03/19, 12:11 | CRIME - Polícia prende no Rio dois suspeitos de matar Marielle Franco
12/03/19, 08:34 | OPINIÃO - O Brasil afundado em mentiras
12/03/19, 08:26 | CHECAGEM - Em 68 dias como presidente, Bolsonaro deu 82 declarações falsas ou distorcidas
12/03/19, 07:36 | ENTREVISTA - Ciro: cadê o comprovante do empréstimo de Bolsonaro a Queiroz?
11/03/19, 17:43 | ECONOMIA - Carnaval movimentou R$ 3,78 bilhões na economia do Rio
11/03/19, 17:40 | ECONOMIA - Fecomercio estima em R$ 45 milhões prejuízo com chuva em SP
11/03/19, 17:32 | LEÃO - Professora esclarece novidades do Imposto de Renda 2019
11/03/19, 15:25 | REFORMA - Com ameaça da reforma de Bolsonaro, explode a procura por planos de previdência privada
11/03/19, 15:04 | CRISE - Bolsonaro novamente ataca as universidades pelo viés ideológico
11/03/19, 14:49 | CRIME - 'Ele morreu duas vezes': a batalha de uma mãe para tirar da internet 'fake news' que acusam filho morto de ser traficante
11/03/19, 14:42 | POLÊMICA - Bolsonaro compartilha texto com falsa acusação a jornalista, e é criticado pela oposição e até por Amoêdo
11/03/19, 14:00 | POLÍTICA - Bolsonaro usa posição de poder para intimidar imprensa, diz OAB
11/03/19, 13:32 | CHUVAS - Forte chuva isola cidades e deixa 12 mortos na Grande São Paulo
11/03/19, 13:23 | ARTIGO - Desejo da saúde suplementar para 2019: uma população mais consciente e participativa
11/03/19, 13:08 | POLÍTICA - Assessora de Flávio Bolsonaro repassou ao marido 60% da verba pública eleitoral
« Anterior 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 | 301 - 330 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site