CBN - A rádio que toca notícia

CORRUPÇÃO & PROPINA

PF pede mais 60 dias de prazo para concluir inquérito sobre Temer, Moreira e Padilha

Investigação foi aberta para apurar se a Odebrecht pagou propina na Secretaria de Aviação Civil quando o MDB comandava a pasta. Pedido será analisado pelo ministro Edson Fachin, do Supremo

15/05/18, 20:55

A

Polícia Federal pediu nesta terça-feira (15) mais 60 dias para concluir o inquérito que investiga o presidente Michel Temer e os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Minas e Energia), todos do MDB.

O pedido foi enviado ao ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), relator do caso na Corte.

Antes de decidir, Fachin deverá encaminhar o pedido para análise da Procuradoria Geral da República (PGR).

O inquérito apura o suposto de pagamento de propina pela Odebrecht na Secretaria de Aviação Civil quando a pasta foi comandada pelo MDB.

Embora o inquérito tenha sido aberto em março do ano passado, Temer só foi incluído entre os investigados em março deste ano.

Entenda

O caso se refere a um jantar no Palácio do Jaburu, em maio de 2014, em que teria sido acertado o repasse de R$ 10 milhões supostamente ilícito pela Odebrecht ao MDB.

O delator Cláudio Mello Filho, ex-executivo da empreiteira, disse ter participado de um jantar com Padilha, Marcelo Odebrecht e Temer para discutir o assunto. O presidente já admitiu que houve o jantar, mas sempre disse que eles não falaram de valores.

Segundo a Procuradoria Geral da República, integrantes do grupo político liderado por Temer "teriam recebido recursos ilícitos da Odebrecht como contrapartida ao atendimento de interesses da empreiteira pela Secretaria de Aviação Civil da Presidência da República".

Inquérito dos portos

Além deste inquérito, Temer é alvo de outra investigação em andamento no Supremo: a que apura o suposto pagamento de propina na edição do decreto dos portos.

A suspeita é que, ao editar o decreto, no ano passado, Temer beneficou a Rodrimar, que atua no porto de Santos (SP). Temer e a empresa negam.

Fonte: JL/Globo
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
07/01/19, 11:42 | NOMEAÇÕES - Bolsonaro diz que caixa-preta de órgãos federais começou a ser aberta
07/01/19, 11:35 | VIOLÊNCIA - Esquema de segurança tenta normalizar transporte público em Fortaleza
07/01/19, 11:32 | CRIMINALIDADE - Ceará transfere 20 chefes de facções para presídios federais
06/01/19, 22:21 | INUSITADO - APOLOGIA AO CRIME: Filho de Bolsonaro compra, testa pistola e estimula violência
06/01/19, 21:57 | VIOLÊNCIA - VIOLÊNCIA INCONTROLÁVEL NO CEARÁ: 110 presos por ataques
06/01/19, 14:38 | REPERCUSSÃO - Generais rechaçam base militar americana no Brasil
06/01/19, 14:29 | CRIME - Onda de violência afeta rotina de moradores em Fortaleza
06/01/19, 14:01 | ENTREVISTA - EUA confirmam que Bolsonaro ofereceu território brasileiro para base militar
06/01/19, 13:52 | POLÍTICA - Comerciante avisa: só venderá fiado no dia em que Aécio Neves for preso
06/01/19, 13:48 | SUSPEITAS - Documentos mostram que Paulo Guedes deu prejuízo de R$ 22 mlhões nos fundos de pensão
06/01/19, 13:44 | VIOLÊNCIA - Ceará registra oito ataques após chegada da Força Nacional no estado
06/01/19, 13:41 | POLÍTICA - Preocupado, Lula diz que Bolsonaro foi eleito para 'destruir' o PT
05/01/19, 22:08 | COMPROMISSO - Empregados cobram promessa de Bolsonaro de não vender Eletrobras
05/01/19, 20:33 | VIOLÊNCIA - Goverandor do CE descarta recuo após quase 90 ataques: 'Serei duro'
05/01/19, 20:29 | POLÍTICA - Filho de Bolsonaro orienta professores a evitarem temas como o feminismo
05/01/19, 20:23 | VIOLÊNCIA - Criminosos queimam caminhão com 2 mil frangos vivos no Ceará
05/01/19, 19:42 | ARTIGO JURÍDICO - Abuso de Direito e Ato Ilícito
05/01/19, 19:37 | EDUCAÇÃO - Indicado por Bolsonaro para o ENEM chama professores de 'desqualificados e manipuladores'
05/01/19, 19:17 | REFORMA - Sérgio Moro estuda criar programa ‘Cadeia Para o Mais Pobre’
05/01/19, 19:10 | NOVO GOVERNO - Metade do ministério de Bolsonaro vem de família de políticos ou militares
05/01/19, 19:05 | PESQUISA - DataFolha: maioria da população é contra privatizações e reforma trabalhista
05/01/19, 18:57 | VIOLÊNCIA - Polícia já prendeu 86 suspeitos de ataques criminosos no Ceará
05/01/19, 18:54 | ECONOMIA - Ministro diz que redução do IR será possível após equilíbrio fiscal
04/01/19, 21:13 | POLÊMICA - Após criticar fala de ministra, Huck diz torcer pelo governo Bolsonaro
04/01/19, 21:03 | MARCA - Bolsonaro escolhe como slogan do governo a expressão ‘Pátria Amada, Brasil’
04/01/19, 20:44 | DECISÃO - Suspensos auxílios saúde e moradia do Ministério Público em todo o país
04/01/19, 20:24 | POLÊMICA - Governo não vai aumentar impostos, afirma ministro
04/01/19, 20:20 | SAÚDE - Lei fixa data da Semana de Prevenção da Gravidez na Adolescência
04/01/19, 20:16 | EDUCAÇÃO - Bolsonaro sanciona lei que permite faltar à aula por motivo religioso
04/01/19, 18:27 | ECONOMIA - Secretário da Receita Federal contradiz Bolsonaro sobre mudanças no IOF e IR
« Anterior 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 | 301 - 330 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site