CBN - A rádio que toca notícia

REPERCUSSÃO

Para Planalto, fala de Segovia foi uma trapalhada e reacende inquérito sobre propina no porto de Santos

Para interlocutores de Temer ao invés de o assunto cair no esquecimento, voltou a ganhar os holofotes justamente no período de carnaval

10/02/18, 16:02

A

pesar de aliados do governo minimizarem as declarações do diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segovia, no Palácio do Planalto a entrevista concedida à Reuters foi considerada uma trapalhada e teve forte efeito negativo, reacendendo o inquérito que trata de suposta propina em troca de decreto que beneficiaria o setor de portos.

Para interlocutores de Temer ao invés de o assunto cair no esquecimento, voltou a ganhar os holofotes justamente no período de carnaval.

O presidente é investigado no inquérito que apura suposto recebimento de propina para favorecer a Rodrimar, que opera áreas do porto de Santos (SP). O dinheiro teria chegado ao Planalto por intermédio de Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR), ex-assessor especial de Temer.

O diretor disse na entrevista que as investigações não comprovaram que houve pagamento de propina por parte de representantes da empresa Rodrimar para a edição do decreto que prorrogava contratos de concessão e arrendamento portuários, assinado por Temer em maio do ano passado.

Num primeiro momento, a entrevista chegou a ser comemorada pelo núcleo mais próximo de Michel Temer, pelo fato de Segovia sinalizar uma especie de arquivamento da investigação. Mas, diante da ampla repercussão negativa, e da reação da própria coorporação, caiu a ficha no Palácio do Planalto.

O temor é que o assunto volte a ganhar prioridade não só de investigadores, mas da própria procuradora-geral da República, Raquel Dodge.

A expectativa no Palácio do Planalto era de que Dodge fosse pedir o arquivamento dessa investigação. Mas, agora, o futuro desse caso é considerado incerto no governo.

A própria manifestação do ministro Luís Roberto Barroso, relator do caso no Supremo Tribunal Federal (STF), foi recebida com preocupação.

Barroso intimou Fernando Segovia a explicar declarações dadas em entrevista sobre investigação sobre o presidente Michel Temer.

Fonte: JL/Globo
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
06/02/18, 15:47 | PROPINA - Geddel: 'Amigos de longa data me lançaram no vale dos leprosos'
06/02/18, 15:24 | POLÍTICA - Ismar Marques e mais três deputados vão se filiar ao PTC de Evaldo e Ronaldo Gomes
06/02/18, 14:39 | GOLPE - PF encontra anotações em poder de ex-auxiliar de Temer sugerindo o impeachment
06/02/18, 14:29 | LAVA JATO - 'Nunca falei de dinheiro com Lula. Nunca discuti sobre isso', diz Mônica Moura
06/02/18, 14:22 | ELEIÇÕES 2018 - Corrida presidencial de 2018 terá novos e velhos nomes
06/02/18, 14:11 | CRIMES - Megaoperação combate tráfico de drogas na Esplanada dos Ministérios
06/02/18, 13:41 | ACIDENTE - Viaduto do Eixão Sul desaba sobre churrascaria Brasília
06/02/18, 12:25 | DIREITO DE RESPOSTA - Prefeito de Luzilândia acusa veículos de comunicação do PI de promoverem fraude
05/02/18, 22:38 | POLÊMICA - Previdência: Maia e governadores negociam criação de fundo para Estados
05/02/18, 21:48 | EDUCAÇÃO - Escolas da Rede Municipal de Teresina iniciam ano letivo com CMEIs reformados
05/02/18, 21:45 | ANO LEGISLATIVO - Em mensagem ao Congresso, Temer ignora corrupção e defende “consertar” a Previdência
05/02/18, 17:54 | POLÍTICA - Presidente da Câmara se reúne com 10 governadores para discutir reforma
05/02/18, 17:30 | JULGAMENTO - Dodge pede ao STF para derrubar obrigatoriedade de impressão dos votos
05/02/18, 17:14 | CRIME - Testemunha da morte do milionário: 'Já vieram para matar mesmo'
05/02/18, 16:53 | POLÊMICA - Mesmo com denúncias, governo defende Cristiane no ministério
05/02/18, 16:49 | POLÊMICA - Quase metade dos juízes de SP que recebem auxílio-moradia tem casa própria
05/02/18, 16:46 | QUÓRUM - Com poucas chances de aprovação, Planalto tenta última cartada pela reforma da Previdência
05/02/18, 16:39 | POLÊMICA - Dallagnol recebe auxílio-moradia mesmo tendo imóvel em Curitiba
05/02/18, 16:25 | JUDICIALIZAÇÃO - Justiça Federal quer prefeito de Luzilândia cumprindo Lei de Acesso à Informação e Lei da Transparência
05/02/18, 15:45 | DENÚNCIA - Ronaldo Gomes contrata empresa constituída cinco meses antes de licitação por R$ 60.480,00
05/02/18, 12:44 | POLÍTICA - Câmara abre 2018 com menos partidos do que no início da atual legislatura
05/02/18, 12:35 | LEIS E TENDÊNCIA - Entenda as discussões sobre o feminismo nos cenários nacional e internacional
05/02/18, 12:12 | LAVA JATO - Odebrecht teria oferecido R$ 5 milhões em caixa 2 para o senador Ciro Nogueira
05/02/18, 12:02 | VIOLÊNCIA - Homens armados matam paciente dentro de ambulância no Rio
05/02/18, 11:59 | MUNDO - Acidente envolvendo 53 veículos mata quatro pessoas na China
05/02/18, 11:12 | VIOLÊNCIA - Dois homens são mortos com disparos de pistola voltando de festa no Norte do Piauí
05/02/18, 11:08 | CARNAVAL - Imperatriz conta enredo dos 200 anos do Museu Nacional na Sapucaí
05/02/18, 10:52 | IMORALIDADE - Heráclito Fortes e mais 12 parlamentares com imóvel em Brasília recebem auxílio-moradia
05/02/18, 10:45 | POLÍTICA - Maia quer engavetar reforma da Previdência, diz Folha de S.Paulo
05/02/18, 10:32 | PARLAMENTO - Privatização e segurança pública entram na lista de prioridades do Congresso
« Anterior 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 | 301 - 330 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site