CBN - A rádio que toca notícia

DENÚNCIA

Cristiane Brasil dá verba da Câmara para tia de sua assessora

Foram pagos R$ 29,1 mil à empresa. Dinheiro era usado para alugar carros

09/01/18, 11:02

A

ntes mesmo de ser empossada como ministra do Trabalho, a deputada federal Cristiane Brasil (PTB-RJ) já é alvo de mais uma polêmica. Segundo uma reportagem do jornal Folha de S.Paulo, a deputada tem destinado parte de sua cota parlamentar a uma locadora de veículos que pertence à tia de sua chefe de gabinete.

Cristiane usa parte da verba–que serve para cobrir despesas do mandato–para pagar mensalmente R$ 4.000 à Barros & Serra Serviços Executivos Rent a Car. A locadora está em nome de Naida Maria Coelho Serra, irmã da mãe de Alessandra Serra Gama, principal assessora da deputada.

Cristiane entregou 7 notas fiscais da Barros & Serra à Câmara e recebeu reembolso no valor de R$ 29,1 mil. A maior parte do valor (R$ 23,1 mil) foi paga entre julho e dezembro de 2017, após a nomeação da chefe de gabinete.

A empresa

Com sede em Sobradinho (região administrativa de Brasília), a Barros & Serra fica num prédio de 3 andares, espremido entre uma borracharia e uma loja agropecuária –não há placa de identificação, carros, garagem ou balcão de atendimento da locadora. No local, funciona, na prática, a Lacerda Contabilidade.

À Folha, uma das atendentes da empresa de contabilidade informou que não existe locadora no endereço. Disse que a Barros & Serra é cliente do escritório e só declara seu endereço e telefone.

A atendente forneceu 1 número da Câmara dos Deputados como sendo o da empresa contratada por Cristiane Brasil. A linha é do gabinete do deputado Luiz Carlos Ramos (Podemos-RJ), que empregava até dezembro de 2016 Parmênio Francisco Coelho Serra –outro tio de Alessandra, que já assessorou 6 congressistas, ao mesmo tempo em que emitia notas fiscais de aluguel de veículos por outra locadora.

Parmênio gerenciava a ARL Barros Serviços Executivos Rent a Car, empresa formalmente ativa, que chegou a ser a mais requisitada por deputados, igualmente sem ter sede comercial ou garagem. A firma também declarava o telefone da Lacerda Contabilidade.

Em 2013, veio a tona o 1 escândalo sobre locações. O caso gerou a abertura de investigações no STF (Supremo Tribunal Federal) e no TCU (Tribunal de Contas da União). Após o caso, a ARL saiu de cena e a Barros & Serra foi aberta em nome de Naida. Porém, quem a administra é Parmênio.

À Folha, Parmênio disse que é funcionário da empresa da irmã, que tem 8 veículos para alugar: “Eu é que tomo conta”. Ele explicou que não há garagem ou estrutura de atendimento porque os aluguéis são por períodos longos. “Os carros estão com os clientes, que são mensais.” Segundo Parmênio, ARL foi desativada após reportagens questionarem as notas fiscais da empresa.

Resposta

Cristiane Brasil disse à Folha que a empresa é contratada “formalmente” por seu gabinete e “atua dentro da legalidade e nunca foi contestada pela Câmara dos Deputados”. “O valor pago mensalmente está abaixo do praticado no mercado e, por isso, a empresa foi contratada”, disse em nota, acrescentando que “vários parlamentares” usam a empresa.

“O gasto com este tipo de serviço é legal e está amparado pelo regimento da Câmara”, afirmou.

À Folha, a assessora Alessandra Serra Gama disse que a empresa Barros & Serra “existe” e “o fato de a empresa ser de algum parente meu ou não, isso não tem nenhum problema.”

“Não me envolvo com o funcionamento das empresas que não são minhas. Não tenho empresa no meu nome”, disse.

Posse no Ministério do Trabalho

Cristiane é filha do ex-deputado Roberto Jefferson (PTB-RJ), delator do Mensalão do PT. A deputada foi nomeada pelo presidente Michel Temer para o Ministério do Trabalho e sua posse estava marcada para esta 3ª feira (9.jan.2018). Porém, o ato foi suspenso por 1 juiz de Niterói (RJ), devido a problemas de Cristiane com ações trabalhistas.

A AGU (Advocacia Geral da União) recorreu da decisão.

Fonte: JL/PODER 360
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
12/02/19, 10:47 | TRAGÉDIA - Defesa Civil conta casas atingidas em Brumadinho; mortos chegam a 165
12/02/19, 10:45 | CRIME - PF deflagra operação para conter tráfico de drogas pelas redes sociais
12/02/19, 08:03 | POLÍTICA - Tasso Jereissati e Kátia Abreu retiram apoio e provocam arquivamento da CPI da Lava Toga
12/02/19, 07:11 | LUTO - Zé Arara – Maior Comprador de Ouro da História de Itaituba morre em Santa Catarina
11/02/19, 20:53 | PROGRAMA - Governador do Maranhão premia policiais que tiram armas das ruas
11/02/19, 20:14 | CRIME DE ÓDIO - Bolsonarista lamenta que 'Mônica Bergamo não estava junto' de Boechat no helicóptero
11/02/19, 20:03 | ACIDENTE - Colegas de bancada contam que Band noticiou ao vivo a morte de Boechat
11/02/19, 19:59 | ACIDENTE - Empresa de acidente de Boechat não podia transportar passageiros
11/02/19, 19:34 | POLÊMICA - Governadores querem que reforma contemple soluções à crise dos estados
11/02/19, 15:37 | LUTO - Jogadores do Flamengo vão a hospital e visitam feridos da tragédia
11/02/19, 15:30 | REFORMAS - Pacote de Moro estimula um Estado ainda mais violento, diz defensor
11/02/19, 15:26 | REFORMA - Em 2018, com Temer, trabalhadoras domésticas enfrentaram pior ano
11/02/19, 14:41 | FEBRABAN - Carnaval: Foliões devem estar atentos ao golpe da troca do cartão
11/02/19, 14:35 | MEDIDA PROVISÓRIA - Saiba como obter a pensão por morte após as mudanças no INSS
11/02/19, 14:30 | ACIDENTE - Morre o jornalista Ricardo Boechat em queda de helicóptero em SP
11/02/19, 12:54 | EDUCAÇÃO - MEC finaliza proposta de ampliação de escolas cívico-militares no país
11/02/19, 12:49 | MUDANÇA - No Distrito Federal, ano letivo começa com escolas cívico-militares
11/02/19, 12:41 | PESQUISA - 80% dos juízes apoiam prisão em 2ª instância, diz AMB
11/02/19, 10:52 | CONTAS PÚBLICAS - CAOS: Gestões causaram 'rombo' de mais de R$ 30 milhões em Luzilândia
11/02/19, 10:04 | POLÊMICA - Cobrança de Bolsonaro sobre investigação de facada pega delegados PF de surpresa
11/02/19, 09:59 | BISBILHOTAGEM - Planalto vê Igreja Católica como potencial opositora
11/02/19, 09:42 | CORRUPÇÃO & PROPINA - Ex-governador Beto Richa vira réu por corrupção passiva e organização criminosa
10/02/19, 21:31 | POLÊMICA - Aliados estão preocupados com atuação dos filhos de Bolsonaro no Congresso
10/02/19, 21:02 | TRAGÉDIA - Comissão Geral vai discutir consequências do desastre em Brumadinho
10/02/19, 20:59 | TRAGÉDIA - Flamengo manterá salários das vítimas do incêndio no Ninho do Urubu
10/02/19, 20:56 | DEMANDA - Consumo de energia elétrica deve crescer 7% em fevereiro
10/02/19, 20:24 | ESPORTE - Paquetá marca o primeiro gol pelo Milan e homenageia vítimas de incêndio
10/02/19, 20:14 | POLÍTICA - Deputado pede desculpa por fala sobre ‘morte’ de Bolsonaro
10/02/19, 19:56 | TRAGÉDIA - IML do Rio identifica todas as vítimas do incêndio no CT do Flamengo
10/02/19, 11:35 | ESPORTE - Vinícius Júnior é detonado por jornal: ‘um palhaço’ e ‘sem nível para o Real
« Anterior 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 | 301 - 330 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site