CBN - A rádio que toca notícia

LAVA JATO

Sérgio Moro proíbe órgãos de controle de usar provas contra delatores

Com base na Lava Jato, o TCU bloqueou R$ 508 milhões em bens da Andrade Gutierrez para garantir o ressarcimento de danos causados na construção da usina nuclear de Angra 3

13/06/18, 14:46

O

juiz Sergio Moro proibiu o uso de provas obtidas pela Operação Lava Jato contra delatores e empresas que reconheceram crimes e passaram a colaborar com os procuradores à frente das investigações.

De acordo com a Folha de S.Paulo, a decisão de Moro atrapalha a atuação de órgãos de controle e do governo federal como a AGU (Advocacia Geral da União), a CGU (Controladoria Geral da União), o Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica), o Banco Central, a Receita Federal e o TCU (Tribunal de Contas da União).

Segundo a Folha, no despacho, que é sigiloso, o juiz altera nove decisões anteriores em que autorizara o compartilhamento de provas da Lava Jato com esses órgãos, que têm a atribuição de buscar reparação de danos causados aos cofres públicos e aplicar multas e outras penalidades de caráter administrativo.

Além de vedar o uso das informações da Lava Jato em ações contra colaboradores, Moro submete à sua autorização o prosseguimento de medidas que já tenham sido tomadas contra eles e que tenham entre os seus fundamentos documentos enviados pelos procuradores.

A decisão atendeu a um pedido do Ministério Público Federal e, na prática, blinda delatores e empresas contra o cerco dos outros órgãos de controle. Os procuradores alegam que a medida é necessária para evitar que a insegurança jurídica criada pela falta de coordenação entre os vários órgãos de controle desestimule novos colaboradores, prejudicando o combate à corrupção.

“A AGU, que defende o governo federal nos tribunais, cobra das empreiteiras mais de R$ 40 bilhões por danos em contratos com a Petrobras. Colaboradores que confessaram o recebimento de propina foram autuados pela Receita Federal, que tem cobrado imposto sobre os ganhos ilícitos”, diz a reportagem.

Com base na Lava Jato, o TCU bloqueou R$ 508 milhões em bens da Andrade Gutierrez para garantir o ressarcimento de danos causados na construção da usina nuclear de Angra 3.

Mas, como os acordos fechados com o Ministério Público só garantem imunidade na área criminal, a Andrade Gutierrez, a Camargo Corrêa e a Odebrecht negociam desde o ano passado acordos de leniência com a AGU e a CGU, que ainda não foram assinados e terão que ser submetidos ao TCU.

Fonte: JL/Congresso em Foco
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
10/01/19, 21:48 | INVESTIGAÇÃO CRIMINAL - Flávio Bolsonaro se dispõe a prestar esclarecimentos ao MPRJ
10/01/19, 21:45 | CRIME - PGR defende que Temer, Padilha e Moreira sejam investigados juntos
10/01/19, 21:32 | VIOLÊNCIA - Presos já são 287 no Ceará, que registrou mais ataques nesta quinta
10/01/19, 21:19 | EDUCAÇÃO - Teresina terá 28 unidades de ensino de tempo integral em 2019
10/01/19, 21:03 | EDUCAÇÃO - Prefeitura de Teresina investiu mais de R$ 20 milhões em alimentação escolar em 2018
10/01/19, 16:39 | POLÍTICA - Maduro toma posse na Venezuela e chama Bolsonaro de fascista
10/01/19, 15:35 | INVESTIGAÇÃO - Flávio Bolsonaro não comparece a depoimento no Ministério Público
10/01/19, 15:20 | ARTIGO JURÍDICO - Porte de Arma e suas Prerrogativas
10/01/19, 14:51 | POLÍTICA - Mourão critica despetização de Onyx: ‘Tem que saber dosar a coisa’
10/01/19, 14:48 | EDUCAÇÃO - Piso salarial do magistério será de R$ 2.557,74
10/01/19, 10:46 | POLÍTICA - Doria se reúne com Bolsonaro e reafirma apoio à reforma da Previdência
09/01/19, 22:30 | MUNDO - Relações Exteriores dos EUA repreendem aproximação com Bolsonaro
09/01/19, 22:23 | EDUCAÇÃO - MEC volta atrás e anula mudanças que davam margem a erros em livros
09/01/19, 22:18 | POLÍTICA - Ciro Gomes: 'Capital político de Bolsonaro não dura seis meses'
09/01/19, 16:26 | DIREITOS HUMANOS - Governo do Rio de Janeiro cria Coordenação de Desaparecidos
09/01/19, 16:21 | DISCUSSÃO - Ministro sugere regras diferenciadas para militares na Previdência
09/01/19, 16:17 | SENTENÇA - Geddel Vieira Lima poderá pegar até 80 anos de prisão
09/01/19, 15:52 | SFT - Toffoli nega pedido para votação aberta para presidência da Câmara
09/01/19, 15:30 | DENÚNCIA - Quem está pagando a conta de Queiroz no caríssimo Einstein?
09/01/19, 15:26 | FOLIA LARANJA - Caso Queiroz vira tema de marchinha de carnaval: 'Cheque não caiu na minha conta'
09/01/19, 15:21 | ENTREVERO - Moro é cobrado em supermercado: “Por que Queiroz não é pauta?”
09/01/19, 12:33 | EDUCAÇÃO - Gestão Bolsonaro retira violência contra mulher de edital de livros
08/01/19, 23:56 | POLÊMICA - Padres bolsonaristas defendem uso de armas para legítima defesa
08/01/19, 23:39 | POLÊMICA - Ciro elogia apoio federal no CE e chama MBL de 'facção criminosa'
08/01/19, 23:33 | VIOLÊNCIA - Sequência de ataques põe turistas em alerta no Ceará
08/01/19, 22:20 | INVESTIGAÇÃO - Ministério Público sinaliza quebrar sigilo fiscal e bancário de Queiroz
08/01/19, 22:15 | MEDIDA PROVISÓRIA - PDT entra com ação no STF contra extinção do Ministério do Trabalho
08/01/19, 22:13 | DESPACHO - Polícia Federal vai ampliar segurança do ministro Sergio Moro
08/01/19, 20:59 | INVESTIGAÇÃO - Documento denunciando corrupção em Luzilândia será enviado ao Ministro Sérgio Moro
08/01/19, 17:20 | POLÍTICA - Bolsonaro jura que não sabia da promoção do filho de Mourão
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site