CBN - A rádio que toca notícia

ESTATÍSTICA

Crimes: mais de 3 mil pessoas foram assassinadas em fevereiro no Brasil

Os dados são solicitados via Lei de Acesso à Informação, seguindo o padrão metodológico utilizado pelo Fórum no Anuário Brasileiro de Segurança Pública

15/04/18, 18:46

O

Brasil registrou, em fevereiro deste ano, mais de 3 mil assassinatos violentos. O levantamento não considera os dados de seis estados, que ainda não divulgaram os números. O índice nacional de homicídios foi criado pelo portal G1 e faz um mapeamento do número de mortes violentas mês a mês no país.

De acordo com a reportagem, o número consolidado (3.276) contabiliza todos os homicídios dolosos, latrocínios e lesões corporais seguidas de morte, que, juntos, compõem os chamados crimes violentos letais e intencionais.

O Monitor da Violência foi desenvolvido pelo G1 , em parceria com o Núcleo de Estudos da Violência da USP e o Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

Os dados são solicitados via Lei de Acesso à Informação, seguindo o padrão metodológico utilizado pelo Fórum no Anuário Brasileiro de Segurança Pública.

O objetivo da pesquisa é antecipar os dados e possibilitar um diagnóstico em tempo real da violência, além de obrar transparência por parte dos governos.

Os estados que não forneceram os números deram explicações. Na Bahia, a secretaria diz que o setor que trabalha com o fechamento dos dados dos dois meses não determina um prazo para a conclusão e que, quando as informações forem liberadas, serão divulgadas.

A Secretaria do Maranhão informa que os dados consolidados sobre mortes violentas e outros crimes ocorridos no Maranhão em fevereiro têm previsão de divulgação apenas para junho deste ano. “O período obedece ao prazo de três meses legalmente estabelecido pelo Ministério da Justiça, o qual considera as condições de registro de ocorrências disponíveis nas unidades federativas do país, como as dimensões territoriais e oferta de serviço de internet disponíveis nos estados.”

Em Minas Gerais, a secretaria diz que os dados de janeiro e fevereiro de 2018 ainda serão divulgados. A pasta afirma que os números passam por auditagem para "total transparência e confiabilidade". Até o momento, o governo tem apenas os dados de latrocínio (7 em janeiro e 8 em fevereiro)

O órgão responsável pelos dados no Paraná afirma que não possui a informação sobre ambos os meses. “As estatísticas referentes a homicídios, antes da divulgação, passam por quatro ciclos de controle de qualidade. Durante a realização da validação foram encontradas distorções que estão sendo homologadas para, então, ocorrer a divulgação. Foram encontradas distorções nos meses de janeiro e fevereiro. Assim que os dados forem validados, serão prontamente divulgados para a população por meio do site."

Em Rondônia, a secretaria não informa os números de fevereiro; a Polícia Civil diz que ainda aguarda o retorno dos departamentos que concentram as informações

A Secretaria de Tocantins afirmou que as delegacias levam um tempo para informar os números e, por isso, os dados de janeiro e de fevereiro ainda não foram consolidados.

Fonte: JL/Notícas ao Minuto
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
11/09/18, 12:29 | ELEIÇÕES 2018 - Ataque a Bolsonaro não refletiu em intenção de voto, mostra Datafolha
11/09/18, 12:26 | POLÍTICA - Alckmin diz que prisão de Richa fragiliza PSDB
11/09/18, 12:15 | INVESTIGAÇÃO - Temer: PF pede prorrogação do inquérito dos Portos por mais 15 dias
11/09/18, 12:10 | ELEIÇÕES 2018 - Presidenciáveis arrecadam R$ 143 milhões; 64,8% são recursos públicos
11/09/18, 11:48 | CAMPANHA ELEITORAL - Dirigentes do PT vão em peso a Curitiba para o lançamento da chapa Haddad-Manuela
11/09/18, 11:38 | ELEIÇÕES - Campanha do PT para presidente lança um site para cada estado
11/09/18, 07:18 | CORRUPÇÃO & PROPINA - Ex-governador do Paraná, Beto Richa, e a esposa são presos em Curitiba
10/09/18, 22:03 | ESTATÍSTICA - Feriadão da Independência teve queda de mortes com relação a 2017
10/09/18, 21:33 | PESQUISA - Datafolha: Haddad já aparece em segundo lugar empatado com Ciro, Marina e Alckmin
10/09/18, 21:30 | POLÍTICA - Mesmo após facada, Bolsonaro ainda é o mais rejeitado
10/09/18, 21:07 | ESPORTE - Seleção brasileira terá seis mudanças para amistoso contra El Salvador
10/09/18, 20:45 | INVESTIGAÇÃO - Delatores entregam áudios que apontam pagamento de propina a Temer
10/09/18, 20:35 | PESQUISA - DATA AZ: Leve recuo de Wilson e crescimento de Ciro dão empate técnico para o Senado
10/09/18, 15:24 | CRIME - Denúncia de racismo contra Bolsonaro volta à pauta no Supremo
10/09/18, 15:06 | ELEIÇÕES 2018 - Haddad será o candidato oficial do PT e 'batizado' por Lula
10/09/18, 15:01 | POLÊMICA - Nova decisão do Comitê da ONU determina Lula na eleição
10/09/18, 14:29 | ESPORTE - Com 6 brasileiros, Fifa divulga 55 indicados a seleção da temporada
10/09/18, 14:26 | POLÍTICA - Ciro diz que Bolsonaro representa 'risco muito grave' para o país
10/09/18, 14:17 | ELEGIBILIDADE - Defesa de Lula pede urgência ao STF na análise de recurso
10/09/18, 14:06 | ELEIÇÕES - Lula avalia que facada em Bolsonaro não é determinante no pleito
10/09/18, 13:55 | SAÚDE - Bolsonaro terá que fazer cirurgia ‘de grande porte’, diz hospital
10/09/18, 13:38 | DEBATE JURÍDICO - Rosa admite subida de recurso de Lula contra inelegibilidade ao Supremo
10/09/18, 07:53 | POLÍTICA - Rosa Weber nega prorrogação de prazo para PT substituir Lula na chapa
10/09/18, 07:50 | SAÚDE - Suspensa a comercialização de 26 planos de saúde a partir de hoje
10/09/18, 07:47 | IMPOSTOS - Receita Federal libera hoje consulta sobre restituição do Imposto de Renda
10/09/18, 07:34 | CAMPANHA - CAMPANHA SETEMBRO AMARELO: No Brasil, a cada 45 minutos há um suicídio; e 40 segundos no mundo
09/09/18, 20:56 | POLÍTICA - Ciro Gomes: Espero que Bolsonaro se recupere para a gente poder debater de novo
09/09/18, 20:39 | CIÊNCIA - A estranha doença conhecida como 'língua peluda'
09/09/18, 20:22 | ELEIÇÕES - Justiça Eleitoral lacra urnas e garante que sistema de votação é à prova de fraudes
09/09/18, 20:18 | BRASILEIRÃO - Palmeiras vence Corinthians e segue na cola dos líderes
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site