CBN - A rádio que toca notícia

PROPINA

Raquel Dodge pede arquivamento de investigação contra deputados do PP

Para a procuradora-geral, só há provas de que um político participou do esquema: o vice-governador do Rio de Janeiro, Francisco Dornelles, que na época era presidente do PP

13/04/18, 15:27
A
procuradora-geral da República, Raquel Dodge, não encontrou provas de um repasse de R$ 2,7 milhões a seis deputados do PP — incluindo o líder do governo na Câmara, Aguinaldo Ribeiro (PB) — e um ex-parlamentar do partido nas eleições de 2010, e pediu que uma investigação contra eles seja arquivada. A solicitação foi enviada para o ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), relator de um inquérito que investiga supostos pagamentos da empreiteira Queiroz Galvão a membros do partido, originao a partir da Operação Lava-Jato.

O pedido também beneficia os deputados Mário Negromonte Júnior (BA), Eduardo da Fonte (PE), Simão Sessim (RJ), Roberto Balestra (GO) e Jerônimo Goergen (RS) e Waldir Maranhão, que deixou o PP e está no PSDB. “Nada impede, entretanto, a retomada das investigações caso surjam novas evidências sobre os fatos”, ressaltou Raquel Dodge.
 
Para a procuradora-geral, só há provas de que um político participou do esquema: o vice-governador do Rio de Janeiro, Francisco Dornelles, que na época era presidente do PP. Dornelles não tem foro no STF e, por isso, Raquel Dodge solicitou que essa parte da investigação seja enviada para o Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1).

O inquérito que está no Supremo investiga duas situações diferentes. O pedido de Dodge diz respeito apenas ao primeiro episódio: o suposto pagamento feito nas eleições de 2010. O outro fato investigado é a suspeita de realização de um contrato fictício em 2011. Aguinaldo Ribeiro e Eduardo da Fonte também são investigados nesse caso, ao lado do senador Ciro Nogueira (PI) e do deputado Arthur Lira (AL). Ou seja, mesmo que Fachin atenda ao pedido de Raquel Dodge de arquivamento da outra investigação, os dois deputados continuarão a fazer parte do inquérito.
 
Em relação a esse segundo episódio, a procuradora-geral considera que a investigação precisa continuar, e pediu para que ela seja prorrogada por 60 dias. Além disso, Raquel Dodge quer que sejam realizadas oitivas de diversas pessoas, incluindo os quatro parlamentares, o doleiro Alberto Yousseff, que mencionou o fato em seu acordo de delação premiada, e Idelfonso Colares, que era presidente da Queiroz Galvão na época. Todos os pedidos serão analisados por Fachin.
Fonte: JL/Globo
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
10/08/18, 12:37 | SUCESSÃO - Afinal, Lula pode ou não participar dos debates eleitorais?
10/08/18, 12:32 | CRIME - Lava Jato no Rio prende corretor acusado de receber propina
10/08/18, 12:24 | OPINIÃO - Professor de Harvard analisa Bolsonaro como grave perigo à democracia
10/08/18, 12:15 | SALÁRIOS - Após STF, Ministério Público aprova aumento de 16% para procuradores
10/08/18, 12:09 | INCIDENTE - Homens morrem depois de confundir inseticida com bebida alcoólica em Teresina
10/08/18, 11:20 | POLÍTICA - Eleição 2018: confira como foi o primeiro debate entre presidenciáveis
10/08/18, 11:14 | ELEIÇÕES 2018 - No debate da Band, Alckmin vira alvo e nanico Daciolo rouba a cena nas redes
09/08/18, 21:34 | ESTATÍSTICA - Com 63.880 vítimas em 2017, Brasil bate recorde de mortes violentas
09/08/18, 17:54 | SALÁRIOS - Lewandowski rebate crítica a reajuste e diz que juízes recuperam milhões
09/08/18, 17:52 | REDES SOCIAIS - Facebook abre registro a candidatos e partidos para publicar anúncios
09/08/18, 17:48 | POLÊMICA - Presidente da Anamatra diz que reajuste do STF é “questão de justiça”
09/08/18, 15:50 | REPERCUSSÃO - Juristas internacionais enviam carta sobre 'caráter desleal' de processo contra Lula
09/08/18, 15:23 | REFORMA - Desmonte da legislação trabalhista aumenta número de acidentes e mortes
09/08/18, 14:58 | POLÊMICA - Política fiscal de austeridade torna país mais desigual e compromete futuro
09/08/18, 13:41 | ARTIGO - Inelegibilidade Material e Inelegibilidade Processual
09/08/18, 10:43 | CRIME - Professor acusado de matar advogada tentou se matar, diz penitenciária
09/08/18, 10:03 | LIBERTADORES - Torcida do Cruzeiro volta a dar espetáculo no Maracanã e empurra time para vitória mais importante do semestre
09/08/18, 09:55 | POLÊMICA - Senado da Argentina rejeita projeto a favor do aborto e gera protestos
09/08/18, 09:48 | CORRUPÇÃO & PROPINA - Banqueiro paga fiança de R$ 90 milhões para sair da prisão
09/08/18, 09:26 | ARTIGO - Vontade popular
08/08/18, 21:53 | DECISÃO - Luzilândia, Joca Marques e Madeiro receberão tropas federais para as eleições
08/08/18, 21:10 | CRIME - Marido acusado de matar a advogada Tatiane Spitzner vira réu
08/08/18, 20:55 | JUDICIÁRIO - Supremo Tribunal aprova aumento de 16% no salário dos ministro
08/08/18, 20:34 | JUDICIÁRIO - Gilmar Mendes já soltou 37 investigados da Lava Jato no Rio
08/08/18, 20:01 | MOVIMENTO - Greve nos Correios é suspensa após proposta de acordo do TST
08/08/18, 19:50 | CONFERÊNCIA - Entidades de 40 países discutem futuro do trabalho e ameaças a direitos
08/08/18, 19:47 | INJUSTIÇA - Trabalhadores estão perdendo a esperança na democracia, diz dirigente da CSI
08/08/18, 18:42 | DENÚNCIA - Coronel da reserva acusa general Mourão de favorecer empresa em contrato do Exército
08/08/18, 16:52 | POLÍTICA - Oito candidatos a presidente participam de debate da TV Band na 5ª feira
08/08/18, 16:42 | OPERAÇÃO - Gilmar Mendes manda soltar 3 executivos presos por corrupção
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site