CBN - A rádio que toca notícia

ECONOMIA

Boletos vencidos de todos os tipos serão pagos em qualquer banco

Segundo a Febraban, além da praticidade, a implementação da NPC torna o processo de pagamento via boleto mais seguro, sem risco de fraudes

08/11/18, 14:07

A

partir do próximo sábado (10), boletos vencidos poderão ser pagos em qualquer banco ou correspondente e não apenas na instituição financeira em que foram emitidos.

Isso será possível com a conclusão da implementação da Nova Plataforma de Cobrança (NPC), sistema desenvolvido pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban) em parceria com os bancos.

Na última fase do processo, passa a ser obrigatório o cadastramento de títulos referentes a faturas de cartão de crédito e doações no novo sistema.

Segundo a Febraban, além da praticidade, a implementação da NPC torna o processo de pagamento via boleto mais seguro, sem risco de fraudes.

Outra mudança diz respeito ao comprovante de pagamento, que será mais completo, apresentando todos os detalhes do boleto, (juros, multa, desconto, etc) e as informações do beneficiário e pagador.

O projeto da Nova Plataforma de Cobrança começou há quatro anos.

Desde 2016 ele vem incorporando na sua base de dados os boletos de pagamentos já dentro das normas exigidas pelo Banco Central, ou seja, com informações do CPF (Cadastro de Pessoa Física) ou CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica) do emissor, data de vencimento e valor, além do nome e número do CPF ou CNPJ do pagador.

A Febraban diz que essas informações são importantes para checar a veracidade dos documentos na hora de se fazer o pagamento.

Caso os dados do boleto a ser pago não coincidam com aqueles registrados na base da Nova Plataforma, ele é recusado, pois o boleto pode ser falso.

Para fazer a migração do modelo antigo de processamento para o atual, os bancos optaram por incluir os boletos no novo sistema por etapas, de acordo com o valor a ser pago.

Esse processo começou em meados do ano passado para boletos acima de R$ 50 mil (os de menor volume) e termina no dia 10 de novembro, com a incorporação dos boletos de cartão de crédito e doações.

Última fase

Com uma participação de cerca de 40% do total de títulos emitidos no país, os boletos de cartões de crédito e doações têm uma característica em comum: o valor a ser pago pelo consumidor pode não ser exatamente o que consta em cada boleto.

No caso dos cartões, porque há opções de pagamento, como valor mínimo, duas ou três parcelas. No caso das doações, ele também pode escolher um valor diferente do que está impresso no boleto.

Segundo a Febraban, da mesma forma que nas fases anteriores, se os boletos não estiverem cadastrados na base do novo sistema, os bancos irão recusá-los.

Se isso acontecer, o pagador deve procurar o beneficiário, que é o emissor do boleto, para quitar o débito ou solicitar o cadastramento do título.

Fonte: JL/Agência Brasil
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
16/03/19, 18:56 | CORRUPÇÃO - Gravação revela que Bolsonaro compra votos de deputados para Reforma da Previdência
16/03/19, 17:50 | POLÍTICA - Lula: 'Vou mostrar que os verdadeiros ladrões são os que me condenaram'
16/03/19, 17:46 | INVESTIGAÇÃO - Gilmar Mendes é alvo de 5 questionamentos no pedido da CPI Lava Toga
16/03/19, 17:39 | CRIME - Justiça aceita denúncia e acusados de matar Marielle viram réus
16/03/19, 17:30 | ANÁLISE - Massacre em escola de Suzano: Padrão de atiradores envolve crise de masculinidade e fetiche por armas, dizem especialistas
16/03/19, 17:24 | TRAGÉDIA - Terceiro jovem lamenta não ter sido envolvido no massacre em Suzano, diz polícia
16/03/19, 17:19 | CORRUPÇÃO & PROPINA - Veja a lista de condenados em primeira instância da Lava Jato
16/03/19, 17:10 | INTERNACIONAL - Após massacre, premiê da Nova Zelândia promete mudar leis de armas
16/03/19, 16:54 | ARTIGO - Responsabilidade Médica
15/03/19, 17:48 | DECISÃO - Acordo que previa criação de fundação da Lava Jato é suspenso pelo ministro Alexandre de Moraes
15/03/19, 17:07 | PARLAMENTO - Projeto mantém crimes de corrupção em campanhas na JustiçaCcomum e Federal
15/03/19, 17:02 | POLÍTICA - Ciro Gomes tuíta 'escândalo' na reforma e secretário o desafia a provar
15/03/19, 16:52 | TRAGÉDIA - 'Hoje é o dia de vocês morrerem', gritava atirador de Suzano
15/03/19, 16:29 | REPERCUSSÃO - O falso discurso da mídia comercial a favor do desmonte da Previdência
15/03/19, 16:10 | TRAGÉDIA - Manifesto de atirador cita Brasil e faz referências a nacionalismo e games
15/03/19, 15:49 | MUNDO - Jovens de todo planeta se unem por medidas contra mudanças climáticas
15/03/19, 15:41 | POLÊMICA - Parlamentares miram pacote anticrime de Moro contra decisão do STF sobre caixa dois
15/03/19, 15:30 | VIOLÊNCIA - Professor entra armado na Secretaria de Educação do DF e é preso
15/03/19, 15:27 | INVESTIGAÇÃO - MP-RJ apura depósito de R$ 100 mil para acusado de atirar em Marielle
15/03/19, 09:01 | ARTIGO - Nenhum minuto de silêncio
15/03/19, 08:53 | OPINIÃO - A culpa é do Bolsonaro
15/03/19, 08:44 | OPINIÃO - Com Bolsonaro, o Brasil ficou menor, avalia Míriam Leitão
14/03/19, 21:57 | PROJETO DE LEI - Primeiro projeto de Flávio Bolsonaro autoriza instalação de fábricas de armas no país
14/03/19, 21:28 | ÓDIO - Massacre em escola é comemorado na web e assassino chamado de 'herói'
14/03/19, 21:22 | REPERCUSSÃO NEGATIVA - Na internet, Bolsonaro diz não entender criminosos em escola de Suzano
14/03/19, 21:06 | PARLAMENTO - ‘Reforma’ da Previdência não teria hoje metade dos votos necessários para aprovação
14/03/19, 21:04 | REAÇÃO - Governadores nordestinos unem forças contra propostas do governo Bolsonaro
14/03/19, 20:52 | ACUSAÇÃO - Gilmar Mendes chama procuradores da Lava Jato de “cretinos” e diz que “combate à corrupção dá lucro”
14/03/19, 20:37 | JULGAMENTO - Decisão do STF pode anular sentenças já proferidas na Lava Jato, diz ministro
14/03/19, 16:46 | CRIMES - Lula e Bolsonaro contemplam Suzano e Marielle: visões opostas
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site