CBN - A rádio que toca notícia

JUDICIÁRIO

Cármen Lúcia garante pensão por morte às filhas de servidores públicos

Pelo entendimento firmado com a decisão de Fachin, o regime para a concessão do benefício deve ser aquele vigente no momento da morte do servidor

11/07/18, 16:35

A

presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, determinou hoje (11) a retomada do pagamento de pensão por morte a duas filhas de servidores federais. O caso chegou ao STF após o Tribunal de Contas da União (TCU) determinar a suspensão do pagamento.

Ao decidir a questão, Cármen Lúcia entendeu que o pagamento deve ser retomado porque uma decisão anterior do ministro Edson Fachin, assinada em maio, derrubou o entendimento do TCU que determinava a revisão e o cancelamento de pensões por morte concedidas a filhas de servidores civis maiores de 21 anos que tenham outras fontes de renda.

“Seu indeferimento poderia conduzir à ineficácia da medida se a providência viesse a ser deferida somente no julgamento de mérito por ter a pensão natureza alimentar, com gravosas consequências do não recebimento pelas impetrantes”, decidiu a ministra.

Pelo entendimento firmado com a decisão de Fachin, o regime para a concessão do benefício deve ser aquele vigente no momento da morte do servidor. “Assim, enquanto a titular da pensão permanece solteira e não ocupa cargo permanente, independentemente da análise da dependência econômica, porque não é condição essencial prevista em lei, tem ela incorporado ao seu patrimônio jurídico o direito à manutenção dos pagamentos da pensão”, afirmou Fachin.

A Lei 3.373/1958 estipulava que “a filha solteira, maior de 21 anos, só perderá a pensão temporária quando ocupante de cargo público permanente”. A norma foi revogada, entretanto, pela Lei 8.112/1990, mas se estima que cerca de 50 mil pensionistas ainda recebam o benefício.

A nova lei não inclui filhas maiores de 21 anos no rol de dependentes habilitados a receber pensão. Com base nessa nova legislação e após uma varredura em mais de 100 órgãos públicos, o TCU identificou 19.520 benefícios com indícios de irregularidade.

Segundo o Tribunal de Contas, a revisão de pensões irregulares poderia proporcionar uma economia de até R$ 2,2 bilhões aos cofres públicos num período de quatro anos.

Fonte: JL/Agência Brasil
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
15/07/18, 07:43 | ESPORTE - Copa do Mundo: Bélgica vence Inglaterra e é a terceira colocada
13/07/18, 20:18 | REPORTAGEM - Mino revela como FHC amealhou fabulosa fortuna em terras
13/07/18, 20:06 | POLÊMICA - De novo, em Lisboa, Gilmar Mendes é hostilizado: 'Aquele lixo de país que você fez'
13/07/18, 19:51 | DECISÃO - Justiça do Piauí autoriza leilão da distribuidora da Eletrobras no Estado
13/07/18, 19:46 | ENSINO - Brasileiros ganham medalhas em Olimpíada Internacional de Matemática
13/07/18, 15:33 | COPA - Neymar parabeniza Mbappé e Rakitic: ‘Gostaria de estar em campo com vocês’
13/07/18, 15:15 | MUNDO - Balão do ‘bebê Trump’ é usado em protestos no centro de Londres
13/07/18, 14:53 | POLÍTICA - Marun: Aliados do governo terão de entregar cargos se apoiarem Ciro
13/07/18, 14:02 | INTERNACIONAL - Missão brasileira vai aos EUA tratar de crianças separadas dos pais
13/07/18, 13:53 | CRIME - Acusado de estuprar enteada é condenado a 12 anos de prisão no Piauí
13/07/18, 13:43 | VITÓRIA POPULAR - Primeira Política Nacional de Vigilância à Saúde é aprovada por unanimidade
13/07/18, 13:36 | ECONOMIA - Com Temer, renda e contribuição de autônomos à Previdência despencam
13/07/18, 13:09 | SAÚDE PÚBLICA - Dengue já matou 77 pessoas no Brasil este ano
13/07/18, 13:01 | DESCASO - Advogados pressionam Cármen a pautar prisão após 2ª Instância
13/07/18, 12:58 | CORRUPÇÃO & PROPINA - Justiça libera ex-ministro Henrique Alves da prisão domiciliar
13/07/18, 12:47 | CRITÉRIO - Juiz que aprendeu Passaporte de Lula é o mesmo que absolveu Geddel
13/07/18, 12:17 | CRIME - Vereadores denunciam descaso e improbidade do prefeito Ronaldo Gomes na Saúde de Luzilândia
12/07/18, 19:50 | SERVIÇO - Polícia europeia lança jogo inspirado na Copa para capturar fugitivos
12/07/18, 19:45 | VISITA - No Rio, Malala comemora 21º aniversário no Pão de Açúcar
12/07/18, 19:42 | MERCADO DE TRABALHO - Capacitação profissional chega a vários bairros de Teresina
12/07/18, 15:59 | ESPORTE - Mbappé deixa Neymar para trás na preferência do torcedor do Real
12/07/18, 15:54 | MUNDO - ONU Mulheres escolhe jogadora Marta como embaixadora
12/07/18, 15:47 | SAÚDE PÚBLICA - Mais de 6 milhões de pessoas ainda não se vacinaram contra gripe
12/07/18, 15:39 | PRISÃO - STJ recebe mais 264 habeas corpus em favor de Lula
12/07/18, 14:48 | INCIDENTE - Homem incendeia carro parado em motel ao confundi-lo com o da esposa
12/07/18, 14:36 | FUTEBOL - Van Basten ironiza simulações de Neymar: 'Ele faz as pessoas rirem'
12/07/18, 14:23 | JULGAMENTO - Juiz do DF absolve Lula e mais seis em processo sobre obstrução de Justiça
12/07/18, 13:47 | IMBRÓGLIO - Jornalista da Globo diz que Judiciário pode tornar Lula um mártir
12/07/18, 13:30 | ESPORTE - Arthur assina contrato e é apresentado no Barcelona: "Dia mais feliz da minha vida"
12/07/18, 12:35 | VIOLÊNCIA - No Rio sob intervenção militar, 60 policiais assassinados
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site