CBN - A rádio que toca notícia

POLÍTICA

Folha mostra que Bolsonaro mentiu a seus eleitores sobre seus gastos na Câmara

A Folha checou valores com base em dados oficiais e públicos da Câmara. Na verdade, segundo as informações da Casa, o deputado gastou muito mais do que publicou na tabela

10/01/18, 12:55

O

deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ) divulgou nas redes sociais nesta terça-feira (9) um número inflado da economia que teria feito aos cofres públicos nos últimos oito anos.

O presidenciável publicou uma tabela anual com o total de seus gastos do “cotão”, a verba mensal que cada deputado tem para custeio de atividades relacionadas às suas atividades legislativas.

Com a inscrição “aguardando divulgação por parte da Folha de S.Paulo e demais órgãos de imprensa” e a sua foto de braços cruzados, Bolsonaro afirmou na publicação que teria devolvido aos cofres públicos R$ 1,3 milhão do “cotão”, de 2010 até 2017.

Folha checou valores com base em dados oficiais e públicos da Câmara. Na verdade, segundo as informações da Casa, o deputado gastou muito mais do que publicou na tabela.

Pelos números da Câmara, o parlamentar consumiu nos oito anos R$ 2,5 milhões do “cotão”, não R$ 1,7 milhão, como publicou nas redes sociais.

Com isso, ele deixou de utilizar, na verdade, R$ 486 mil, e não R$ 1,3 milhão como afirmava em sua publicação. A média de “economia” ficou em R$ 61 mil por ano.

Bolsonaro também não “devolveu” nem esse dinheiro, como indicou em sua publicação, já que a Câmara não “credita” valores para que os deputados gastem. Ela, na verdade, reembolsa eventuais custos, mediante apresentação de comprovantes.

As despesas referentes a 2017 podem aumentar porque o gabinete tem até este mês de janeiro para prestar contas de dezembro passado.

A cota de exercício da atividade parlamentar é oferecida pela Câmara para custeio de gastos como passagem aérea, alimentação, combustível, aluguel e material de escritório, entre outros, tudo relacionado à atividade parlamentar. No caso de parlamentares do Rio, o cotão é de R$ 35.759.

Em 2012, por exemplo, a tabela de Bolsonaro dizia que ele só gastou R$ 155 mil de R$ 321 mil a que teria direito naquele ano. Com isso, teria deixado de utilizar R$ 166 mil.

Na verdade, a economia foi bem menor porque Bolsonaro gastou em 2012 R$ 303 mil, cerca do dobro do que informou aos seus seguidores nas redes sociais.

No domingo, a Folha publicou que o presidenciável e seus três filhos parlamentares multiplicaram o patrimônio na política, reunindo atualmente 13 imóveis em áreas valorizadas do Rio e de Brasília, com preço de mercado de cerca de R$ 15 milhões.

Na segunda, a Folha mostrou que Jair e seu filho Eduardo, também deputado federal, receberam R$ 730 mil de auxílio-moradia da Câmara desde 1995 (Eduardo desde 2015) mesmo tendo apartamento próprio em Brasília.

O auxílio-moradia é pago a deputados que não ocupam apartamentos funcionais no DF. Como há mais deputados do que vagas em imóveis destinados a eles, a Câmara desembolsa para cada um desses, por mês, R$ 4.253.

NOTAS

Há duas formas de pagamento: 1) por meio de reembolso, para quem apresenta recibo de aluguel ou de gasto com hotel em Brasília, 2) ou em espécie, sem necessidade de apresentação de qualquer recibo, mas nesse caso com desconto de 27,5% relativo a Imposto de Renda.

Jair e Eduardo Bolsonaro utilizam essa segunda opção, o que rende mensalmente, para cada um, R$ 3.083. O salário de um deputado federal é de R$ 33,7 mil.

O auxílio-moradia pode ser recusado pelos congressistas. Em, novembro, 27 dos 513 deputados abriram mão do benefício.

OUTRO LADO

Procurada pela reportagem, a assessoria do deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) informou que estava “apurando a falha”. A reportagem perguntou se o parlamentar gostaria de se manifestar sobre as diferenças de valores em relação aos números da Câmara, mas não houve resposta.

Na noite desta terça (9), a equipe do deputado divulgou uma versão reduzida da tabela, com correções.

Fonte: JL/Via Folha de S. Paulo
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
17/10/18, 16:00 | POLÍTICA - Haddad diz que Igreja Universal tem pretensões de governar o país
17/10/18, 15:39 | REAÇÃO - Mais de mil juristas assinam manifesto em apoio a Haddad
17/10/18, 15:33 | AGRESSÃO - Dom Mauro Morelli sobre Bolsonaro: 'Desequilibrado e vulgar'
17/10/18, 15:27 | POLÍTICA - Bancada feminina na Câmara terá maior número da história: 77 deputadas eleitas
17/10/18, 15:20 | PARLAMENTO - Congresso derruba veto de Temer a piso salarial de agentes de saúde
17/10/18, 13:55 | ARTIGO JURÍDICO - A importância da fundamentação para um processo justo
17/10/18, 13:49 | CRIME - Temer recebeu R$ 5,9 milhões em propina do setor portuário, diz PF
16/10/18, 22:01 | INTERNACIONAL - Cerca de 820 milhões de pessoas passam fome no mundo, estima ONU
16/10/18, 21:56 | ELEIÇÕES - Haddad prepara carta a evangélicos e mira ex-petistas de Bolsonaro
16/10/18, 21:50 | PARLAMENTO - Senado rejeita projeto de venda de distribuidoras da Eletrobras
16/10/18, 21:35 | CORRUPÇÃO & PROPINA - PF indicia Michel Temer e filha Maristela por corrupção passiva, lavagem de dinheiro e organização crimnosa
16/10/18, 18:19 | PARLAMENTO - Senado aprova MP que trata de dívidas de produtores rurais
16/10/18, 18:15 | POLÍTICA - Comparação de projetos econômicos nivela Bolsonaro ao governo Temer
16/10/18, 17:57 | AMISTOSO - Miranda marca no fim, Seleção vence Argentina, e capitão Neymar levanta seu primeiro troféu
16/10/18, 17:26 | SEGURANÇA - Inaugurada em Brasília 5ª penitenciária federal de segurança máxima
16/10/18, 17:21 | EDUCAÇÃO - Maioria de adolescentes acompanhados na atenção básica se alimenta mal
16/10/18, 17:10 | POLÍTICA - Haddad diz que substituirá toda a equipe econômica caso vença
16/10/18, 10:08 | POLÍTICA - “Bolsonaro deseja retroagir o Brasil em 50 anos”, alerta Requião
16/10/18, 10:02 | ELEIÇÕES 2018 - Pesquisas erraram em 2014 e continuam errando feio em 2018
16/10/18, 09:58 | ELEIÇÕES - Desiludidos com a política ainda podem virar o segundo turno, aponta Ibope
16/10/18, 09:53 | MEIO AMBIENTE - Governo decide manter começo do horário de verão em 4 de novembro
16/10/18, 09:49 | POLÍTICA - Cai número de deputados federais eleitos com votos próprios em 2018; nenhum do PI
16/10/18, 09:43 | CAMPANHA ELEITORAL - TSE manda Facebook retirar vídeo sobre Manuela d'Ávila
16/10/18, 09:40 | PESQUISA - Ibope: Bolsonaro tem 59% dos votos válidos; Haddad tem 41%
15/10/18, 16:48 | ANÁLISE - Especialista: Campanha de Bolsonaro pratica 'comunicação de guerra'
15/10/18, 16:39 | DECISÃO - STF acaba com aposentadoria de ex-governadores do Maranhão
15/10/18, 16:25 | CRISE - Tucanos brigam em reunião e Alckmin é contido por Jereissati
15/10/18, 16:02 | SUCESSÃO NACIONAL - Bolsonaro e Haddad intensificam as agendas a 13 dias do 2º turno
15/10/18, 15:58 | POLÍTICA - Sérgio Moro prepara nova boca de urna contra Fernando Haddad
15/10/18, 15:52 | ELEIÇÕES 2018 - Ibope divulga pesquisa com impacto da propaganda eleitoral
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site