CBN - A rádio que toca notícia

POLÍTICA

Evento do PSDB em São Paulo tem coro de 'Fora, Aécio!' e tentativa de pacificação

Permanência do partido no governo Michel Temer e a manobra do senador mineiro para reassumir a presidência nacional da legenda desagradaram ala paulista

12/11/17, 16:52

P

ara o governador paulista Geraldo Alckmin, o momento era de "união e unidade".

Mas, com gritos de "fora, Aécio", a convenção estadual do PSDB-SP, realizada neste domingo (12), na Assembleia Legislativa de São Paulo, mostrou que o racha no tucanato não cicatrizou.

O mestre de cerimônias do evento bem que tentou: "Eu quero que você abrace a pessoa ao seu lado e fale: 'Eu amo o PSDB'". Mas o clima paz e amor dissipava rápido quando o nome do senador mineiro era evocado.

"Ele deveria colocar o pijama e voltar para a casa", disse à imprensa o presidente reeleito do diretório paulista da sigla, Pedro Tobias, sobre Aécio Neves. "Quieto ele ajuda mais!"

Entre as últimas bicadas internas, destacam-se a permanência do PSDB no governo Michel Temer e a manobra de Aécio para reassumir a presidência nacional da legenda, destituir o senador Tasso Jereissati (CE) da interinidade e indicar o ex-governador de São Paulo Alberto Goldman para o cargo.

No sábado (11), o PSDB-MG fez sua própria convenção, e nela Aécio reconheceu que é hora do partido deixar a administração peemedebista, mas "pela porta da frente, da mesma forma como entramos". Ele disse, sem especificar qual cargo disputaria (se Senado ou governo mineiro), que seu nome no pleito de 2018 é garantido.

Aécio se licenciou da liderança tucana após a descoberta de uma gravação em que pede R$ 2 milhões ao empresário e delator Joesley Batista. O espaço que reconquistou no partido é danoso, segundo Tobias. "Compra caixão, se sobrar caixão por aí."

Na mesma toada foi o secretário estadual Floriano Pesaro (Desenvolvimento Social), pré-candidato ao governo paulista. Para ele, Aécio "não pode contaminar membros do partido" e deve "se afastar para se defender" das acusações na Justiça. Na convenção mineira, Aécio "deitou e rolou", afirmou o vereador Mario Covas Neto, que diz ter cogitado abandonar o PSDB, mas suspendeu a decisão por ora. "O ideal será esperar a convenção nacional [em dezembro]" para ver que rumo o tucanato tomará, afirmou. "Se saio agora, o grupo fisiológico ganha mais força."

Na semana passada, Tasso já havia acusado Aécio de "fisiologismo", e o senador rebateu dizendo que rechaça essa "pecha".

PRESIDENCIÁVEL

A unanimidade, ao menos no diretório paulista, está em torno de Geraldo Alckmin. A disputa interna entre ele e seu afilhado político João Doria, para ver qual dos dois conquistava a vaga de presidenciável tucano em 2018, parecia página virada na convenção.

"Estamos juntos", disse o prefeito sobre Alckmin, quando a dupla desembarcou de uma van que trouxe outros caciques do partido em São Paulo, como Goldman, José Serra e José Aníbal.

Estiveram, mas não por muito tempo: Doria saiu antes dos colegas, para ir ao Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1. Antes de ir, disse que aquela era a "convenção da pacificação".

O prefeito e Goldman, o novo presidente do PSDB nacional, tentam deixar para trás o entrevero que nutrem há meses e que teve seu ápice em outubro, quando Doria chamou o ex-governador de "fracassado" que "agora vive em casa de pijamas".

A vestimenta para dormir, no entanto, foi lembrada por uma claque da base tucana, que fez um coro de "eu pedi pijama!" quando Goldman começou seu discurso.

"A gente leu que o PSDB tinha acabado. Onde, eu não sei. Aqui em São Paulo não acabou, não, e não vai acabar no Brasil", disse o presidente do PSDB até a convenção nacional que elegerá a nova liderança partidária.

"Não temos caciques, coronéis, imperadores, temos líderes que têm que responder à sua base", afirmou em seguida, sem endereçar críticas a nomes específicos.

Na plateia, uma dirigente do PSDB Mulher cotovelou uma amiga e disse: "Primeiramente, fora Aécio...".

Fonte: JL/Folha
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
18/11/17, 11:19 | EVENTO - ‘Minha maior paixão’, diz fisioterapeuta durante o encontro de fuscas em Teresina
18/11/17, 11:13 | EMPREGO - Concurso do Corpo de Bombeiros tem mais de 5 mil inscritos e maior concorrência é feminina
18/11/17, 11:08 | CRIME - Justiça decreta prisão de militares que balearam casal na Zona Sul de Teresina
17/11/17, 20:29 | CORRUPÇÃO - Lava Jato no Rio já denunciou 134 pessoas e pediu devolução de R$ 2,3 bilhões
17/11/17, 20:18 | PESQUISA - Só 7,4% dizem que apoio de FHC aumentaria a chance de voto
17/11/17, 19:56 | REAÇÃO - ‘Zombaria’, diz Renan Calheiros sobre propaganda da reforma da Previdência
17/11/17, 19:51 | PROPINA - Por 39 votos a 19, Alerj anula prisão de Picciani e dois deputados
17/11/17, 19:46 | PROTESTO - Manifestante tenta invadir Palácio do Planalto atirando tomates
17/11/17, 19:34 | EVENTO - Em entrevista, FHC diz ter medo da direita e de Bolsonaro: 'Matando 30 mil, e começando por FHC'
17/11/17, 19:12 | ARTIGO - Prisões processuais e prisão por condenação criminal
17/11/17, 14:53 | OPINIÃO PÚBLICA - Em nova pesquisa Vox Populi, Lula segue líder da corrida presidencial
17/11/17, 13:44 | PEDIDO - TSE pede que governo mude início do horário de verão de 2018 devido às eleições
17/11/17, 13:34 | INVESTIGAÇÃO - Procuradoria quer que Fachin assuma investigação contra Maia
17/11/17, 13:08 | CORRUPÇÃO - Condenado a 72 anos de cadeia, Cabral completa 365 dias preso no Rio
17/11/17, 12:59 | INVESTIGAÇÃO - Juiz manda Cunha de volta para a prisão de Curitiba
17/11/17, 09:54 | CORRUPÇÃO - Fachin vai levar ao plenário do STF recursos do ‘quadrilhão do PMDB da Câmara’
16/11/17, 19:40 | POLÊMICA - Em parecer ao STF, Raquel Dodge defende prisão após condenação em 2ª instância
16/11/17, 19:35 | FUTEBOL - Messi recebeu dinheiro para jogar amistoso pela Argentina, diz delator
16/11/17, 19:31 | PROPINA - Desembargadores votam pela prisão de Picciani, Albertassi e Melo
16/11/17, 19:26 | PROPAGANDA - Temer lança campanha de R$ 20 mi para defender reforma da Previdência
16/11/17, 19:17 | POLÍTICA - Eleição antecipada na Câmara de Teresina gera disputa entre partidos
16/11/17, 18:59 | CRIME - Jovem é espancado e agressores tentam queimá-lo vivo no interior do Piauí
16/11/17, 13:10 | CRIME - Brasileira é morta por engano pela polícia em Lisboa
16/11/17, 13:02 | POLÊMICA - 'Há elementos para cassar concessão da Globo', diz deputado federal
16/11/17, 12:52 | ECONOMIA - PIB caiu em todos os Estados em 2015, revela IBGE
16/11/17, 12:48 | POLÍTICA - Ex-assessor de Cunha e Geddel é cotado para Secretaria do Governo
16/11/17, 12:43 | DEFESA - Política antidrogas no Brasil apenas destrói vidas, diz ministro do STF
16/11/17, 12:08 | ARTIGO - JVC e os suspicácias geradores de repugnância
16/11/17, 08:18 | CRIME - Atirador dos EUA matou esposa horas antes de tiroteio perto de colégio
16/11/17, 08:13 | FUTEBOL - Peru vence Nova Zelândia e volta à Copa após 36 anos
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site