CBN - A rádio que toca notícia

CORRUPÇÃO & PROPINA

Fachin autoriza inquérito para investigar doações a senadores do MDB

O pedido de abertura da investigação foi solicitado ao STF pela PGR

16/05/18, 21:22

O

ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin decidiu hoje (16) determinar abertura de inquérito para investigar suposto repasse de R$ 40 milhões em doações eleitorais a políticos do MDB do Senado. As investigações devem envolver os senadores emedebistas Renan Calheiros (AL), Jader Barbalho (PA), Romero Jucá (RR), Eunício Oliveira (CE), Eduardo Braga (AM), Edison Lobão (MA), Valdir Raupp (RO), Roberto Requião (PR), além do ex-senador e atual ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Vital do Rego.

O pedido de abertura da investigação foi solicitado ao STF pela Procuradoria-Geral da República (PGR), com base nos depoimentos de delação premiada do ex-diretor da Transpetro, subsidiária da Petrobras, Sérgio Machado, e do executivo do grupo J&F, Ricardo Saud.

Em um dos depoimentos, Machado disse que “nas reuniões ocorridas na residência de Renan Calheiros, que o grupo JBS iria fazer doações ao PMDB, a pedido do PT, na ordem de R$ 40 milhões”.

“Com relação à abertura das investigações, como sabido, uma vez requerida a abertura de investigações pela Procuradoria-Geral da República, incumbe ao relator deferi-la, não lhe competindo qualquer aprofundamento sobre o mérito das suspeitas apontadas, exceto se, a toda evidência, revelarem-se inteiramente infundadas”, decidiu Fachin.

Defesa

Em nota, o MDB afirmou que "repudia mais uma tentativa de criminalização da política". "Esperamos que a conclusão deste inquérito seja rápida e acreditamos que ao final a verdade será restabelecida", defendeu a legenda em nota.

Em comunicado, o presidente do Senado, Eunício Oliveira, classificou de "falsa e caluniosa" a afirmação dos delatores. Segundo a assessoria de imprensa do parlamentar, Eunício "nunca recebeu" doações de Sérgio Machado que é, de acordo com os assessores, adversário político histórico do senador. Ele também negou o recebimento de dinheiro proveniente do PT.

O senador Renan Calheiros negou o recebimento de caixa 2 ou vantagens e disse que o inquérito será arquivado "por falta de provas". Assim como os demais parlamentares, Calheiros disse que as doações foram declaradas na prestação de contas e ocorreram na forma da lei.

"O inquérito será uma oportunidade para mostrar as mentiras contadas por criminosos confessos, que negociaram acordos vantajosos com o Ministério Público. Machado, inclusive, já perdeu benefícios da delação por não comprovar nada do que disse", afirmou.

Também por meio de nota, o senador Eduardo Braga disse confiar na investigação da Polícia Federal. "Todas as doações da campanha de 2014 foram declaradas e aprovadas pela Justiça Eleitoral". Na mesma linha, a defesa de Edison Lobão disse que não tem preocupação com as "delações em massa que não fazem provas" e que vão ser questionadas pelo Judiciário.

Fonte: JL/Agência Brasil
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
15/10/18, 15:05 | PERSPECTIVAS - Bolsonaro será o caos para a educação, diz presidente da CNTE
15/10/18, 15:02 | AMEAÇA - Para Bolsonaro, educação pública não precisa de mais recursos
15/10/18, 14:44 | ECONOMIA - Governo recebe sugestões sobre investimentos na Zona Franca de Manaus
15/10/18, 14:39 | EDUCAÇÃO - Apenas 3,3% dos estudantes brasileiros querem ser professores
15/10/18, 14:37 | DADOS - PRF registra 764 acidentes em rodovias federais durante o feriado
15/10/18, 14:22 | DADOS - Feriadão: PRF registra 10 acidentes e duas mortes no Piauí
15/10/18, 09:30 | POLÍTICA - ENTREVISTA: Sem a regulação do lobby, a política continuará dominada pelo crime
15/10/18, 09:14 | CRIME - Filho de Bolsonaro espalha outra fake news contra Haddad sobre incesto
15/10/18, 09:11 | DISCURSO - Bolsonaro pediu fim da lei que garante atendimento a vítimas de estupro
14/10/18, 19:39 | BRASILEIRÃO - Inter vira para cima do São Paulo com dois de Leandro Damião
14/10/18, 19:28 | BRASILEIRÃO - Maxi López desequilibra o jogo e Vasco bate o Cruzeiro: 2 x 0
14/10/18, 19:19 | BRASILEIRÃO - Deyverson faz dois no Grêmio e mantém Palmeiras líder
14/10/18, 18:53 | POLÍTICA - Haddad questiona quem financia a indústria de fake news de Bolsonaro
14/10/18, 18:23 | POLÍTICA - Huck: Bolsonaro tem tudo o que não precisamos na atual conjuntura
14/10/18, 17:28 | HOMENAGEM - Mangueira escolhe para 2019 samba enredo que homenageia Marielle
14/10/18, 17:19 | POLÍTICA - Ciro Gomes no Twitter: “Bolsonaro é a promessa de uma crise. #DemocraciaSim”
14/10/18, 17:14 | POLÍTICA - FHC: “Bolsonaro representa tudo que não gosto”
14/10/18, 16:54 | CLIMS TENSO - Capela católica mais antiga de Nova Friburgo é pichada com suástica nazista
14/10/18, 16:45 | RELIGIOSIDADE - Belém reúne milhares de romeiros na 226ª edição do Círio de Nazaré
14/10/18, 16:33 | EVENTO - No Rio, médicos de 130 países debatem saúde da mulher
14/10/18, 15:29 | ACIDENTE - Avião cai sobre multidão na Alemanha; há mortos e feridos
13/10/18, 21:33 | POLÍTICA - Candidato do partido de Bolsonaro anuncia apoio a Haddad e sofre ameaças de morte
13/10/18, 20:46 | POLÍTICA - Em discurso, Bolsonaro apoiou grupo de extermínio que cobrava R$ 50 para matar jovens da periferia
13/10/18, 17:10 | POLÍTICA - Comandantes da reforma trabalhista no Congresso fracassam nas urnas
13/10/18, 16:15 | INTERNACIONAL - Milhares juntam-se no centro de Berlim contra o racismo e xenofobia
13/10/18, 12:38 | ECONOMIA - Boletos vencidos a partir de R$ 100 podem ser pagos em qualquer banco
13/10/18, 11:43 | ARTIGO JURÍDICO - Fomento Mercantil-Factoring no ordenamento jurídico nacional
12/10/18, 22:28 | ELEIÇÕES 2018 - Relatos sobre agressões por motivação política crescem nas redes sociais no 2º turno, mostra estudo
12/10/18, 22:00 | O ÓDIO - Tensão política causa cancelamento de festa na Universidade Federal do Piauí
12/10/18, 21:52 | SELEÇÃO BRASILEIRA - Com gol em retorno à Seleção, Gabriel Jesus minimiza ausência nas últimas convocações:
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site