CBN - A rádio que toca notícia

CRISE PRISIONAL

Cármen Lúcia inspeciona presídios em Goiás onde ocorreram rebeliões

Entre as principais reclamações dos presos, muitos dos quais sem acesso a advogados, está a demora na análise de seus processos

08/01/18, 11:09

A

presidente do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, inspeciona hoje (8) pessoalmente o Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia, onde ocorreram pelo menos três rebeliões desde o início do ano.

No primeiro dos motins, na Colônia Agroindustrial do complexo, nove detentos morreram, dois dos quais decapitados, e 14 ficaram feridos. Segundo informações da Superintendência Executiva de Administração Penitenciária de Goiás (Seap), a confusão foi motivada por disputas entre alas controladas por facções criminosas rivais. 

A viagem de Cármen Lúcia foi marcada após relatório encaminhado à ministra pelo presidente do Tribunal de Justiça de Goiás (TJ-GO), Gilberto Marques Filho. Na semana passada, por ordem da presidente do STF, o desembargador inspecionou o local e constatou o estado de descontrole do estado sobre o complexo prisional, que abriga um número de presos três vezes maior do que sua capacidade, além da situação precária das instalações, com recorrentes cortes de água e energia.  
 
Entre as principais reclamações dos presos, muitos dos quais sem acesso a advogados, está a demora na análise de seus processos. Estima-se que muitos dos detentos já poderiam ter sido beneficiados com progressão de pena ou liberdade condicional, reduzindo a superlotação. Sobre a questão, o TJ-GO alega falta de pessoal e de recursos para analisar os mais de 12 mil autos que se acumulam na Vara de Execuções penais responsável pela prisão.

A criação de uma força-tarefa formada por membros do Ministério Público, da Defensoria Pública e Justiça criminal está entre as ações emergenciais sugeridas para lidar de imediato com a situação no Complexo Prisional de Aparecida de Goiás, cujos problemas chegaram a ser alertados após inspeção do CNJ em novembro do ano passado, bem como em outros relatórios datados de 2015. 

Embora simbólica, a visita de Cármen Lúcia a Goiânia coloca pressão sobre autoridades locais, para que lidem com a crise com maior eficiência. Ela se reúne esta manhã com o presidente do TJ-GO e outras autoridades do estado. Não está confirmado se o governador Marconi Perillo participará da reunião. Além de Goiás, ela deve visitar, esta semana, presídios no Paraná. 

Transferências 

Por ordem da Justiça Federal, que acatou pedido feito em ação civil pública pela seção goiana da Ordem dos Advogados do Brasil, o estado de Goiás prometeu iniciar esta semana a transferência de presos do Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia para unidades prisionais indicadas pelo governo federal. Somente 400 detentos, capacidade original da Colônia Agroindustrial, devem permanecer na unidade de regime semiaberto.  

O estado também anunciou que acelera a conclusão de cinco unidades prisionais para acolher os presos. Também na semana passada, a Defensoria Pública de Goiás conseguiu que a Justiça estadual autorize que 105 presos que fugiram da Colônia Agroindustrial durante o motim, supostamente com medo de morrer, continuem a cumprir suas penas em prisão domiciliar, até que a situação no presídio seja normalizada. 

Fonte: JL/Agência Brasil
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
19/02/18, 13:33 | ECONOMIA - Em 10 anos, diminui diferença entre homens e mulheres no mercado de trabalho
19/02/18, 13:29 | CRIMINALIDADE - Por conta da violência, Correios não entregam em 44% dos CEPs do Rio
19/02/18, 13:18 | ECONOMIA - Brasil tem a 2ª gasolina mais cara do mundo
19/02/18, 12:51 | OPINIÃO PÚBLICA - Wellington Dias é líder na disputa pela reeleição com 70,80% dos votos
19/02/18, 11:32 | TRÂNSITO - Corredores de ônibus geram mudanças em avenida de Teresina
19/02/18, 10:52 | ACIDENTE - Adolescente do Piauí morre após sofrer choque elétrico em celular ligado na tomada
19/02/18, 10:37 | PROTESTO - Manifestantes interditam BR-316 em Teresina contra a Reforma da Previdência
19/02/18, 09:14 | POLÊMICA - Marco Aurélio está cético quanto aos resultados de intervenção
19/02/18, 09:07 | POLÊMICA - Governo já fala em intervenção em outros Estados
19/02/18, 00:06 | OPINIÃO - Jornalista: Como é possível enfrentar o crime se temos leis, um Judiciário e agentes do Estado que protegem criminosos?
18/02/18, 23:43 | RECUO - Temer cancela agenda e reúne Conselho da República e Conselho da Defesa Nacional nesta segunda-feira
18/02/18, 17:41 | PROTESTO - Mulher invade link ao vivo da GloboNews com “Globo Lixo” e “Fora, Temer”
18/02/18, 17:31 | CRIMINALIDADE - Temer determina envio de força-tarefa ao Ceará para combater crime organizado
18/02/18, 17:19 | VIOLÊNCIA - Policial militar de folga e mais duas pessoas são mortas em tiroteio no Rio
18/02/18, 16:34 | PROFISSÃO - No PI, menina que sonha em ser PM se emociona com surpresa de aniversário
18/02/18, 13:34 | SAÚDE - Hospital de Luzilândia recebe equipamentos e autorização para reforma de quase R$ 5 milhões
18/02/18, 12:47 | CARNAVAL - Vampirão da Tuiuti é proibido de desfilar com faixa que 'homenageia' Temer
18/02/18, 12:43 | POLÊMICA - Dieese: gestão da Previdência passa por revogação da reforma trabalhista
18/02/18, 12:21 | JUDICIÁRIO - Supremo Tribunal Federal já acumula 18 ações contra reforma trabalhista de Temer
18/02/18, 11:52 | CRÍTICA - Bispo critica intervenção que “avilta militares e traz sofrimento aos pobres e negros”
18/02/18, 11:49 | CORRUPÇÃO - Fernando Horta: se não derem imunidade que Temer quer, ele não permitirá eleições
17/02/18, 23:06 | ARTIGO - A inconstitucionalidade da intervenção no Estado do Rio
17/02/18, 22:47 | POLÊMICA - GOVERNADOR DO MARANHÃO: governo Temer pode gerar um caos jurídico
17/02/18, 22:32 | INVESTIGAÇÃO - Ex-executivos dizem que pagaram propina para Serra e o PSDB: R$ 30 milhões
17/02/18, 22:22 | CONTROVÉRSIA - “Se a polícia é corrupta, não se vence a violência”, diz coronel reformado da PM-SP
17/02/18, 22:16 | OPINIÃO - “A intervenção é grosseiramente inconstitucional”, diz doutor em Direito
17/02/18, 22:04 | INTERVENÇÃO - Reunião de Temer e Pezão não teve resultado concreto
17/02/18, 21:47 | POLÊMICA - Intervenção militar no RJ é comandada por um chefe de quadrilha, diz Dudivier
17/02/18, 16:32 | POLÊMICA - Ala do Supremo vê falhas e critica intervenção
17/02/18, 16:11 | REPERCUSSÃO - Imprensa francesa mostra a manobra política de Temer com a intervenção no Rio
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site