CBN - A rádio que toca notícia

INVESTIGAÇÃO

Coaf chega em movimentação suspeita de ex-assessora de Bolsonaro

Relatório apontou transações suspeitas que totalizaram R$ 84 mil reais entre PM ex-assessor de Flávio Bolsonaro e sua filha, que trabalhava no gabinete do presidente eleito em Brasília

07/12/18, 12:02

O

relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) que apontou movimentação financeira suspeita do ex-assessor do deputado estadual e senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL/RJ), o policial militar Fabrício José Carlos Queiroz, cita também transações atípicas entre ele e sua filha, Nathalia Melo de Queiroz. Ela foi, até o mês passado, assessora do então deputado federal e agora presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL).

Segundo reportagem do jornal O Estado de S. Paulo nesta sexta-feira (6), o nome de Nathalia aparece no relatório associada a um montante total de R$ 84 mil, sem identificação individual das transações entre ela e o pai.

Nathalia trabalhou como assessora no gabinete de Bolsonaro entre dezembro de 2016 e outubro deste ano, com salário de cerca de R$ 10 mil. Coincidentemente, ela foi exonerada, em Brasília, no mesmo dia que o pai era dispensado do pelo filho do presidente, no Rio de Janeiro.

O documento faz parte das investigações da chamada Operação Furna da Onça, que prendeu dez deputados estaduais do Rio de Janeiro envolvidos em um esquema de pagamento de propina, de acordo com o Ministério Público Federal (MPF). 

Em relação a Fabrício, o Coaf apontou movimentação atípica de R$ 1,2 milhão em sua conta, entre janeiro de 2016 e janeiro de 2017, quando era assessor do deputado estadual e senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) – filho mais velho de Jair Bolsonaro. 

Uma das transações na conta do assessor de Flavio Bolsonaro, citadas no relatório do Coaf, é um cheque de R$ 24 mil destinado à futura primeira-dama Michelle Bolsonaro. A compensação do cheque em favor da mulher do presidente eleito, Jair Bolsonaro, aparece na lista sobre valores pagos pelo PM.

Investigação

O líder do PT na Câmara, deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS), entrou com pedido de investigação na Procuradoria-Geral da República (PGR) para apurar “possíveis ilícitos criminais e administrativos” envolvendo o deputado estadual Flávio Bolsonaro e Michelle. 

"Imaginem se o motorista do Lula tivesse movimentado R$ 1,2 milhão (e mais de R$ 300 mil em espécie) durante um ano tendo recebido salário de R$ 8 mil... qual seria a reação da mídia e do Jair Bolsonaro na tribuna da Câmara?", tuitou o Pimenta.

Em vídeo nas redes sociais, o parlamentar chamou a atenção do futuro "super-ministro" da Justiça. "Um assessor que ganha cerca de 8 mil reais por mês, em um ano, recebeu R$ 1,2 milhão na conta. Na movimentação desse indivíduo tem depósito até para Dona Michelle Bolsonaro. E agora, Sérgio Moro?”, Na pasta da Justiça, o ex-juiz também comandará as ações do Coaf, que será movido do ministério da Fazenda.
 
Fonte: JL/Notícias ao Minuto
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
16/12/18, 19:22 | PRÊMIO - Bolsonaro vence na França prêmio 'Racista do Ano' e 'Misógino do Ano'
16/12/18, 19:14 | POLÍTICA - Roberto Requião prevê “curta duração” para o governo Bolsonaro
16/12/18, 19:11 | HOMENAGEM - Lula ganha Prêmio Chico Mendes e ressalta a luta em defesa da Amazônia
16/12/18, 17:00 | ESCÂNDALO SEXUAL - Médium João de Deus se entrega à polícia em Goiás após ser considerado foragido
16/12/18, 16:41 | ESCÂNDALO - Filhos de Bolsonaro homenagearam ex-assessor por 'brilhantismo'
16/12/18, 16:26 | SAÚDE - Tratamento brasileiro contra Aids se consolida como referência mundial
16/12/18, 16:19 | ESCÂNDALO - Oposição quer CPI sobre caso de ex-assessor de Flávio Bolsonaro
16/12/18, 15:35 | CONTAS PÚBLICAS - Um terço dos municípios deve fechar o ano com contas no vermelho
16/12/18, 15:29 | ENTREVISTA - Ministro Edson Fachin: 'STF é muito maior do que a Lava Jato'
16/12/18, 15:25 | ESCÂNDALO - Polícia Civil já fez buscas por João de Deus em mais de 30 endereços
16/12/18, 14:18 | RELATÓRIO - Omissão do Judiciário leva à morte uma em cada 10 vítimas de tortura
16/12/18, 14:14 | POLÍTICA - Bolsonaro verá realidade se impor a discurso em sua relação com o Congresso
16/12/18, 13:09 | ARTIGO - Direitos Humanos, Direito à Vida e Pena de Morte
16/12/18, 12:35 | SAÚDE - Ministério da Saúde faz alerta para vacinação em período de férias
16/12/18, 12:30 | MEIO AMBIENTE - COP24: países definem regras para implementar Acordo de Paris
16/12/18, 12:21 | POLÍTICA - Bolsonaro reúne-se, na 4ª feira, pela 1ª vez com seus 22 ministros
16/12/18, 12:18 | POLÊMICA - Eduardo Bolsonaro quer plebiscito sobre pena de morte
16/12/18, 12:10 | POLÊMICA - Bolsonaro diz que pena de morte não será debatida em seu governo
15/12/18, 21:47 | CELEBRIDADE - Maisa é a adolescente com mais seguidores no Instagram no mundo
15/12/18, 21:16 | CRIMES - Ministério Público afirma que João de Deus já é considerado foragido
15/12/18, 21:05 | ECONOMIA - Aeroportos da Infraero devem receber 5 milhões de pessoas até janeiro
15/12/18, 20:58 | PROGRAMAÇÃO - Museu do Amanhã festeja 3 anos e mais de 3 milhões de visitantes
15/12/18, 20:13 | ANÁLISE - Queiroz precisa reaparecer e indicar para quem repassou o R$ 1,2 milhão
15/12/18, 16:02 | CRIMES - João de Deus retirou R$ 35 milhões de contas bancárias após primeiras denúncias, dizem investigadores
15/12/18, 15:24 | HISTÓRIA - Falsos profetas: relembre líderes espirituais metidos em escândalos
15/12/18, 15:10 | NOVO ESCÂNDALO - Funcionários doavam salários inteiros para campanha de Jair Bolsonaro
15/12/18, 14:47 | CRIMES - Caso João de Deus pode ser maior escândalo sexual do país, diz promotor
15/12/18, 13:50 | ESCÂNDALO - Jornal alemão diz que sombra da corrupção ronda clã Bolsonaro
15/12/18, 13:31 | INVESTIGAÇÃO - Ex-chefe de gabinete doava mais que o salário aos filhos de Bolsonaro
15/12/18, 13:24 | ENTREVISTA - Moro diz que Lula 'fez coisas boas' e lamenta condenação
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site