CBN - A rádio que toca notícia

SERVIÇO

Polícia europeia lança jogo inspirado na Copa para capturar fugitivos

O jogo está disponível no Facebook e também em um portal com endereço eletrônico para entrar no sistema ou simplesmente acompanhar os desdobramentos. Os 25 vencedores receberão uma bolsa esportiva da Europol

12/07/18, 19:50

Mosaico com os mais procurados da Europa

O

Europol, o Serviço Europeu de Polícia, com sede em Haia (Países Baixos), utilizou a criatividade para tentar capturar 25 criminosos que estão na lista dos mais perigosos da Europa. O sistema é um jogo interativo baseado na Copa do Mundo e foi lançado hoje (12). O objetivo é dar cartão vermelho aos fugitivos.

Para jogar, basta entrar nos endereços eletrônicos e seguir as regras. As orientações estão em inglês e há o alerta sobre a “Copa dos Mais Procurados da Europa”. O objetivo é tornar público o rosto de cada um dos procurados e assim, colaborar para que sejam presos.

O jogo está disponível no Facebook e também em um portal com endereço eletrônico para entrar no sistema ou simplesmente acompanhar os desdobramentos. Os 25 vencedores receberão uma bolsa esportiva da Europol.

A página inicial do jogo pode ser acessada no endereço https://eumostwanted.eu/crimeleague, enquanto as regras podem ser lidas em https://eumostwanted.eu/crimeleague/rules Os rostos dos procurados estão no endereço https://eumostwanted.eu/.

Atraindo visitantes

Na página do jogo, a recomendação: “Não deixe que eles ganhem! Não é uma honra jogar neste campeonato. Esses criminosos são procurados por crimes muito sérios, como assassinato, assalto a mão armada, fraude e tráfico de drogas”.

Segundo a Europol, iniciativas interativas anteriores possibilitaram seis prisões, três realizadas durante a campanha do Natal de 2016, e as outras por meio de cartões postais de 2017.

"A experiência tem nos mostrado que um tom mais original é necessário para atrair visitantes ao website [dos mais procurados da Europol]", observou o porta-voz do Europol, Jan Op Gen Oorth. "Manter um número alto de visitantes é importante para elevar as chances de colocar esses criminosos atrás das grades."

Mais procurados

Os cartões do jogo têm as fotos dos procurados, algumas em preto e branco, com os nomes e a nacionalidade. Ao clicar sobre a imagem, aparecem os crimes pelos quais são procurados, os idiomas que falam, a idade e a situação judicial em que se encontram – há os que não compareceram ao tribunal e outros que são fugitivos da cadeia.

Nesta parte do jogo, há a possibilidade de mudar o idioma para várias línguas, inclusive o português. Ao clicar sobre a imagem, em alguns casos, o procurado já foi capturado e está preso. Em outros, são oferecidas recompensas, que variam desde 5 mil euros a 1 milhão de euros.

Ao clicar, é possível ainda obter as informações sobre como transmitir dados a respeito do procurado.

Como funciona

De acordo com a regra, os jogadores vão desbloqueando as cartas dos criminosos por meio de códigos encontrados nas redes sociais. É um jogo de investigação em redes sociais das agências europeias de aplicação da lei e da Europol. Quando o código é inserido, algumas cartas são desbloqueadas. O objetivo é completar a equipe de Criminosos Mais Procurados da Europa.

Conforme a estratégia da Europol, o jogador que participa do jogo vai se familiarizando com os rostos e os crimes de alguns dos fugitivos mais perigosos da Europa. Além disso, à medida que os resultados são compartilhados nas mídias sociais, os fugitivos ficam ainda mais visíveis para amigos e seguidores, aumentando as chances de uma denúncia para captura.

Fonte: JL/Agência Brasil
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
16/11/18, 13:36 | POLÍTICA - Prefeitas brasileiras sofrem preconceito e desigualdade de gênero
16/11/18, 13:23 | POLÍTICA - Ignorado na composição de ministérios de Bolsonaro, PSL fica dividido
16/11/18, 13:16 | INVESTIGAÇÃO - Corregedor Nacional quer ouvir Sergio Moro e juízes do TRF-4
16/11/18, 12:30 | SAÚDE - Mulheres em situação de violência poderão contar com tratamento odontológico em Teresina
16/11/18, 12:24 | EDUCAÇÃO - Teresina organiza rematrícula dos bolsistas do Bolshoi e lança edital para nova Mãe Social
16/11/18, 12:20 | EVENTO - Teresina participa de Semana da Resiliência Urbana em Barcelona e prepara plano municipal
16/11/18, 10:03 | TRANSIÇÃO - Diretores do BC colocam-se à disposição para permanecer nos cargos
16/11/18, 10:01 | ECONOMIA - Distrito Federal registra desigualdade maior que restante do país
16/11/18, 09:57 | PESQUISA - Periferia das cidades concentra 87% das bibliotecas comunitárias
16/11/18, 09:24 | PEDOFILIA - Inocentado, homem torturado na prisão processa Magno Malta
16/11/18, 09:19 | SAÚDE - Suspensão do Mais Médicos pode elevar morte precoce no Brasil
16/11/18, 09:16 | INTERNACIONAL - Incêndios na Califórnia deixam 66 mortos e 631 desaparecidos
16/11/18, 08:47 | JUDICIÁRIO - STJ autoriza acréscimo de 25% na aposentadoria do INSS de pessoas que precisam de cuidadores
15/11/18, 21:07 | INCÓGNITA - O não-político em Brasília: o que Moro no Ministério da Justiça significa para a Lava Jato
15/11/18, 20:58 | SAÚDE - Prefeitos alertam: saída de cubanos é “desastrosa” para municípios
15/11/18, 20:54 | IMPOSTO - Receita paga amanhã sexto lote da restituição do Imposto de Renda
15/11/18, 20:43 | PROGRAMA - Fim da parceria: médicos cubanos começam a deixar o Brasil no dia 25
15/11/18, 20:28 | BRASILEIRÃO - Dourado marca, César defende pênalti e Flamengo bate o Santos
15/11/18, 20:10 | BRASILEIRÃO - Botafogo vence em Chapecó e se distancia do rebaixamento
15/11/18, 14:48 | SAÚDE - Congresso de Saúde ensina técnica francesa de tratamento de varizes
15/11/18, 14:39 | POLÍTICA - Aliados de Bolsonaro reclamam de falta de interlocução com Onyx
15/11/18, 14:10 | ARTIGO JURÍDICO - A polêmica do cálculo da pensão alimentícia
15/11/18, 13:07 | DEPOIMENTO - 'Sou o dono do sítio ou não?': pergunta Lula para juíza federal
15/11/18, 12:32 | MUNDO - Sobe para 59 o número de mortos nos incêndios na Califórnia
15/11/18, 12:29 | INSEGURANÇA - Brasil registra mais de 38 mil mortes violentas em nove meses
15/11/18, 12:01 | PROGRAMA - Saída de cubanos do Mais Médicos deixa 24 milhões sem atendimento
15/11/18, 11:48 | POLÊMICA - Nordeste teme apagão da saúde com saída de cubanos do Mais Médicos
15/11/18, 10:01 | MEIO AMBIENTE - Desmatamento na Amazônia está próximo de atingir estágio irreversível
15/11/18, 09:56 | PROGRAMA - Programa Mais Médicos perderá 8.600 profissionais cubanos após fala de Bolsonaro
15/11/18, 09:51 | SÍTIO DE ATIBAIA - Lula se mostra perplexo ante arbitrariedades da acusação
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site