CBN - A rádio que toca notícia

ESTATÍSTICA

Em sete meses, Piauí já registra 78% do número de casos de feminicídio de 2017

Série especial do Piauí TV 1ª edição traz relatos de vítimas, familiares e amigos que clamam por justiça. Piauí teve 35 mulheres assassinadas em 2018, dos quais, 18 foram tipificados como feminicídio

09/07/18, 19:19

O

s números de casos de feminicídio no Piauí são alarmantes. Até julho deste ano foram registrados 18 casos no estado, sendo nove em Teresina e nove no interior. Este índice representa 78% dos casos registrados em 2017.

Mulheres que sofreram na pele a tentativa de serem mortas têm relatos fortes. Muitas vezes o próprio namorado, companheiro ou marido é o potencial assassino.

“Ele era muito ciumento. No início até dava para controlar. Mas depois foi ficando cada vez pior, piorando cada vez mais. Eu achava que era tudo loucura da cabeça dele, que ele não teria coragem de fazer, mas não foi assim. Ele foi frio, planejou tudo. Naquele dia, a intenção dele era me matar. Ele dizia que o dia que ele morresse, eu ia morrer também. Se eu não fosse dele, eu não seria de mais ninguém”, relatou uma vítima.

O relato acima é de uma mulher que só não morreu, porque o companheiro ao efetuar três disparos imaginou que ela já estivesse morta. Ele tirou a própria vida em seguida.

Em 2015, o ato de matar uma mulher por ser mulher passou a ser chamado de feminicídio – uma qualificadora do crime que aumenta a pena do assassino.

Em 19 de junho, fez um ano do assassinato de Iarla Lima. Ela foi atingida com quatro disparos pelo namorado e o corpo foi encontrado no carro dele, no apartamento onde morava.

“Só Deus para segurar a gente. Ela foi sempre inteligente. Se a gente for analisando tudo e chegar num ponto que a gente perder essa pessoa que a gente ama, é difícil demais”, disse Dulcineia Lima, mãe de Iarla.

Camilla Abreu desapareceu em 25 de outubro de 2017, o corpo só foi encontrado no dia 31. Foi agredida e torturada antes de receber um tiro na cabeça. O pai dela, Jean Carlos, disse que desde o assassinato, a família não voltou a ser a mesma.

“Só eu sei a dor, porque a família passa. Você vê meu pai, está aqui sofrendo, minha mãe adoentada, meu pai com depressão, meus irmãos doentes, acabou com a nossa família”, declarou o pai de Camilla.

O avô de Camila, Carlito Abreu, disse que havia alertado a neta sobre o namorado, que a agredia e do risco dela ser morta.

“Pelo amor de Deus, eu posso lhe livrar de alguma coisa. Raciocina comigo, tu não vai servir para ninguém morta, esse sujeito vai lhe matar, está acontecendo todo o dia. O que mais me corta o coração é isso, porque eu tentei de todas as formas e não consegui evitar”, disse o avô.

Gisleide Alves foi morta pelo namorado em 17 de maio de 2018. Quem encontrou o corpo foi o filho dela, Maycon Gesquiel, que chegou a destelhar a casa após não conseguir entrar em contato com a mãe.

“Eu destelhei a casa, arrebentei as ripas e pulei. A porta estava fechada. Na hora que eu entrei, eu abri a porta e o ventilador estava no chão, vários panos no chão e a cama estava cheia de sangue. Eu encontrei ela deitada no chão, morta, aí eu abracei ela, falei ‘mãe, acorda mãe’, e ela não respondeu”, disse.

Fonte: JL/G1PI
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
19/01/19, 18:11 | PLANALTO - Bolsonaro designou três ministros para vigiar de perto o vice
19/01/19, 17:28 | IMBRÓGLIO - Moro seria um aliado da Globo na sua guerra contra Bolsonaro?
19/01/19, 17:16 | ARTIGO JURÍDICO - Enriquecimento sem Causa
19/01/19, 16:59 | CRIME - Em livro, Moro descreve depósitos fracionados como lavagem de dinheiro
19/01/19, 16:26 | CRIME - Ex-motorista de Bolsonaro: Investigação apura lavagem de dinheiro
19/01/19, 16:19 | INVESTIGAÇÃO - Planalto age para que suspeita sobre Flávio Bolsonaro não vire crise
19/01/19, 16:15 | ESCÂNDALO - Bolsonaro recebe visita de Flávio após revelação de depósitos suspeitos
19/01/19, 16:00 | POLÍTICA - ‘Só vai passar se pactuarmos com os governadores’, diz Maia sobre Previdência
19/01/19, 15:57 | MOVIMENTO - Associações planejam atos para protestar contra fim da Justiça do Trabalho
19/01/19, 15:54 | POLÍTICA - Candidatura de Lula ao Nobel da Paz tem até o fim do mês para ser efetivada
19/01/19, 12:40 | MIGRAÇÃO - Brasil já recebeu 1,1 milhão de imigrantes e 7 mil refugiados
19/01/19, 12:35 | ESPORTE - Amistoso entre Brasil e República Tcheca será dia 26 de março
19/01/19, 12:11 | LAVA JATO - Após perder foro, Pezão vira réu e será julgado por Bretas
19/01/19, 11:53 | IMBRÓGLIO - Para criminalista, Fux se contradiz e acaba prejudicando Jair Bolsonaro
19/01/19, 11:44 | ENTREVISTA - Flávio Bolsonaro fala à Record, ataca MP e não esclarece caso Queiroz
19/01/19, 11:30 | GEOLOGIA - Bairro em Maceió está afundando e famílias têm de desocupar residências
19/01/19, 11:16 | ESCÂNDALO - Assessores do presidente cobram resposta de Flavio sobre depósitos
19/01/19, 09:27 | INVESTIGAÇÃO CRIMINAL - Coaf aponta que Flávio Bolsonaro recebeu 48 depósitos suspeitos em 1 mês, no total de R$ 96 mil
18/01/19, 17:19 | ESCÂNDALO - As principais contradições da família Bolsonaro no caso Queiroz
18/01/19, 17:09 | SUPREMO - ‘Foro só vale no cargo’, diz Marco Aurélio sobre pedido de Flávio
18/01/19, 17:05 | ESCÂNDALO - Heleno diz que Bolsonaro vê caso Queiroz como ‘assunto do Flávio’
18/01/19, 16:50 | POLÍTICA - Bolsonaro nomeia secretária acusada de improbidade e danos ao erário
18/01/19, 16:16 | INVESTIGAÇÃO CRIMINAL - Caso Fabrício Queiroz: origens, cronologia dos fatos e personagens
18/01/19, 15:08 | PRÊMIO - Unesco anuncia Rio como primeira Capital Mundial da Arquitetura
18/01/19, 15:05 | EDUCAÇÃO - Aumenta pela primeira vez desde 2011 nota máxima na redação do Enem
18/01/19, 15:02 | DECISÃO - Governo prorroga por um ano Operação Acolhida a venezuelanos
18/01/19, 14:35 | INTERNACIONAL - Apoio de Bolsonaro à oposição venezuelana coloca Brasil em risco de guerra
18/01/19, 14:32 | INVESTIGAÇÃO CRIMINAL - Para jurista, Bolsonaro ‘passou recibo’ sobre sua relação com caso Queiroz
18/01/19, 14:30 | PRESTAÇÃO DE CONTAS - Em duas campanhas, Onyx recebeu R$ 200 mil de fabricante de armas
18/01/19, 13:35 | PARLAMENTO - Senadores gastaram R$ 21 milhões da Cota Parlamentar em 2018
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site