CBN - A rádio que toca notícia

CORRUPÇÃO

MPF pede nova prisão de Paulo Preto, operador de propinas do PSDB

A defesa de Paulo Preto, acrescenta a colunista, explicou que o cliente deixou de ir à 5ª Vara Criminal propositalmente, pois o STF havia determinado que a juíza Maria Isabel do Prado, responsável pelo processo, não desse início à instrução processual antes de ter acesso aos argumentos da defesa, que pedem absolvição sumária do engenheiro

15/05/18, 15:00
A
procuradora da República em São Paulo Adriana Scordamaglia formalizou nesta segunda-feira (14) novo pedido de prisão preventiva contra Paulo Vieira de Souza, conhecido como Paulo Preto, ex-diretor da Dersa e apontado por investigadores como operador financeiro do PSDB. A iniciativa foi provocada pelo próprio Paulo Preto, uma vez que ele não se apresentou para audiência judicial marcada para hoje na 5ª Vara Federal Criminal de SP.
 
A informação foi veiculada há pouco pela jornalista Mônica Bergamo em sua coluna no jornal Folha de S. Paulo. Segundo a reportagem, Adriana Scordamaglia pediu a prisão depois de constatar que Paulo Preto, que também é engenheiro, não compareceria à audiência. O investigado foi solto na última semana por meio de um habeas corpus concedido pelo ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF).

“Deixar passar em branco tal desídia significa desacreditar que a Justiça de primeiro grau tem extremado valor para todo o sistema jurídico brasileiro”, registrou a promotora em seu despacho, acrescentando que detenção se faz necessária garantir a instrução processual e a ordem pública.

A defesa de Paulo Preto, acrescenta a colunista, explicou que o cliente deixou de ir à 5ª Vara Criminal propositalmente, pois o STF havia determinado que a juíza Maria Isabel do Prado, responsável pelo processo, não desse início à instrução processual antes de ter acesso aos argumentos da defesa, que pedem absolvição sumária do engenheiro.

“A defesa ainda diz que, por isso, o engenheiro não desobedeceu ‘qualquer decisão desse ilustre juízo’, mas sim cumpriu o que havia sido determinado pelo Supremo”, acrescenta a reportagem, lembrando que a juíza Maria Isabel ainda não decidiu sobre o pedido de prisão. Não há prazo determinado para a análise do pedido de prisão.

Depósitos “numerosos” no exterior

Como este site mostrou em 7 de maio, Paulo Preto abriu quatro contas no banco Bordier & Cie, em Genebra, pouco mais de um mês após ser nomeado diretor de engenharia da Dersa, em 24 de maio de 2007. A movimentação financeira consta de documento sigiloso que autoridades suíças enviaram ao Brasil.

Entre 2007 e 2009, durante o governo de José Serra (PSDB), as contas receberam “numerosas entradas de fundos”. No começo de 2017, quando Paulo Preto decidiu transferir os recursos da Suíça para as Bahamas, as quatro contas tinham um saldo de US$ 34,4 milhões, o equivalente a equivale a R$ 121 milhões.

No comunicado, o Ministério Público da Confederação Suíça informa que as quatro contas não foram as primeiras abertas pelo operador na Suíça. “Em 1993, ele e sua mulher à época começaram a operar com o banco Bordier & Cie, cada um com uma conta. Os procuradores suíços não detalham no documento o saldo dessas contas”, diz trecho de reportagem da Folha de S.Paulo publicada na última semana.

Fonte: JL/Congresso em Foco
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
19/01/19, 18:11 | PLANALTO - Bolsonaro designou três ministros para vigiar de perto o vice
19/01/19, 17:28 | IMBRÓGLIO - Moro seria um aliado da Globo na sua guerra contra Bolsonaro?
19/01/19, 17:16 | ARTIGO JURÍDICO - Enriquecimento sem Causa
19/01/19, 16:59 | CRIME - Em livro, Moro descreve depósitos fracionados como lavagem de dinheiro
19/01/19, 16:26 | CRIME - Ex-motorista de Bolsonaro: Investigação apura lavagem de dinheiro
19/01/19, 16:19 | INVESTIGAÇÃO - Planalto age para que suspeita sobre Flávio Bolsonaro não vire crise
19/01/19, 16:15 | ESCÂNDALO - Bolsonaro recebe visita de Flávio após revelação de depósitos suspeitos
19/01/19, 16:00 | POLÍTICA - ‘Só vai passar se pactuarmos com os governadores’, diz Maia sobre Previdência
19/01/19, 15:57 | MOVIMENTO - Associações planejam atos para protestar contra fim da Justiça do Trabalho
19/01/19, 15:54 | POLÍTICA - Candidatura de Lula ao Nobel da Paz tem até o fim do mês para ser efetivada
19/01/19, 12:40 | MIGRAÇÃO - Brasil já recebeu 1,1 milhão de imigrantes e 7 mil refugiados
19/01/19, 12:35 | ESPORTE - Amistoso entre Brasil e República Tcheca será dia 26 de março
19/01/19, 12:11 | LAVA JATO - Após perder foro, Pezão vira réu e será julgado por Bretas
19/01/19, 11:53 | IMBRÓGLIO - Para criminalista, Fux se contradiz e acaba prejudicando Jair Bolsonaro
19/01/19, 11:44 | ENTREVISTA - Flávio Bolsonaro fala à Record, ataca MP e não esclarece caso Queiroz
19/01/19, 11:30 | GEOLOGIA - Bairro em Maceió está afundando e famílias têm de desocupar residências
19/01/19, 11:16 | ESCÂNDALO - Assessores do presidente cobram resposta de Flavio sobre depósitos
19/01/19, 09:27 | INVESTIGAÇÃO CRIMINAL - Coaf aponta que Flávio Bolsonaro recebeu 48 depósitos suspeitos em 1 mês, no total de R$ 96 mil
18/01/19, 17:19 | ESCÂNDALO - As principais contradições da família Bolsonaro no caso Queiroz
18/01/19, 17:09 | SUPREMO - ‘Foro só vale no cargo’, diz Marco Aurélio sobre pedido de Flávio
18/01/19, 17:05 | ESCÂNDALO - Heleno diz que Bolsonaro vê caso Queiroz como ‘assunto do Flávio’
18/01/19, 16:50 | POLÍTICA - Bolsonaro nomeia secretária acusada de improbidade e danos ao erário
18/01/19, 16:16 | INVESTIGAÇÃO CRIMINAL - Caso Fabrício Queiroz: origens, cronologia dos fatos e personagens
18/01/19, 15:08 | PRÊMIO - Unesco anuncia Rio como primeira Capital Mundial da Arquitetura
18/01/19, 15:05 | EDUCAÇÃO - Aumenta pela primeira vez desde 2011 nota máxima na redação do Enem
18/01/19, 15:02 | DECISÃO - Governo prorroga por um ano Operação Acolhida a venezuelanos
18/01/19, 14:35 | INTERNACIONAL - Apoio de Bolsonaro à oposição venezuelana coloca Brasil em risco de guerra
18/01/19, 14:32 | INVESTIGAÇÃO CRIMINAL - Para jurista, Bolsonaro ‘passou recibo’ sobre sua relação com caso Queiroz
18/01/19, 14:30 | PRESTAÇÃO DE CONTAS - Em duas campanhas, Onyx recebeu R$ 200 mil de fabricante de armas
18/01/19, 13:35 | PARLAMENTO - Senadores gastaram R$ 21 milhões da Cota Parlamentar em 2018
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site