CBN - A rádio que toca notícia

POLÍTICA

Medida do TSE favorecerá corrupção e caixa 2 nas eleições de 2018

Quem tem mais dinheiro para dar, a Microsoft ou o sindicato dos professores de Missouri?

13/02/18, 22:55

E

m 2010, a Suprema Corte dos Estados Unidos eliminou os limites para que corporações e sindicatos fizessem contribuições de campanha independentes, ou seja, ligadas a temas e não a candidatos específicos.

Quem tem mais dinheiro para dar, a Microsoft ou o sindicato dos professores de Missouri?

Foi o sonho de bilionários como os irmãos Koch, que organizaram redes de contribuição para apoiar candidatos de direita e extrema-direita.

Em 2014, a Suprema Corte completou o “serviço”, eliminando o limite para contribuições individuais, uma benção para a turma do dinheiro e seu projeto de colocar a democracia a serviço do mercado financeiro.

Agora, o Tribunal Superior Eleitoral publicou resolução permitindo que candidatos se autofinanciem até o limite, no Brasil.

Ou seja, um milionário poderá gastar até R$ 2,5 milhões de seu próprio bolso para se eleger deputado federal.

É preciso lembrar que João Doria, por exemplo, candidato a prefeito de São Paulo, autofinanciou mais de 35% de sua própria campanha, R$ 4,4 milhões.

Se fosse candidato a presidente, poderia injetar até R$ 70 milhões (a fortuna declarada de Doria é de R$ 180 milhões).

Doria é um lobista profissional que ocupa cargo público e sua fortuna foi construída assim: apresentando ricos aos mais ricos, banqueiros àqueles que os representariam no poder.

Mas, ele não será o único beneficiário.

Na verdade, o que o TSE fez foi liberar o caminho para que o dinheiro de caixa dois, escondido por aí, financie a campanha de milionários.

Porque um milionário brasileiro jamais vai colocar tudo do próprio bolso para se eleger. Lembrem-se, mesmo Doria, com patrimônio declarado de R$ 180 mi, colocou “apenas” R$ 4,4 milhões de seu próprio dinheiro para ocupar o trampolim da prefeitura paulistana.

Bem menos que os R$ 44 milhões que ele pegou a juros privilegiados do BNDES para comprar seu jatinho.

Os super-ricos brasileiros tem mais de R$ 1 trilhão escondidos no Exterior, segundo um estudo encomendado pela Tax Justice Network, que combate os paraísos fiscais.

Podem ter certeza de que uma fatia desta fortuna, pequena que seja, vai tornar o Congresso brasileiro ainda mais conservador em 2018, substituindo plenamente o dinheiro que as empresas estão impedidas de “investir”  na política.

Se o TSE não revisar a decisão até 5 de março, liberou geral para os milionários.

Fonte: JL/por Luiz Carlos Azenha
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
18/12/18, 12:50 | ESCÂNDALO - Piauiense faz denúncia contra médium João de Deus, diz Ministério Público
18/12/18, 12:47 | EDUCAÇÃO - Instituições públicas do Piauí ofertam quase 10 mil vagas no Sisu
18/12/18, 12:41 | JUDICIÁRIO - Para 2019, STF marca julgamento de 2ª instância, homofobia e drogas
18/12/18, 12:39 | EDUCAÇÃO - Mais de 1 milhão de jovens não concluem o ensino médio até os 19 anos
18/12/18, 12:36 | ACIDENTE - Temer oferece ajuda federal para vítimas de incêndio em Manaus
18/12/18, 12:27 | ACIDENTE - Manaus monta esquema de atendimento a famílias vítimas de incêndio
17/12/18, 20:55 | POLÊMICA - Mulher de Bolsonaro manda retirar todas as obras católicas do Palácio da Alvorada
17/12/18, 20:26 | EDUCAÇÃO - Primeira edição do Sisu 2019 deve abrir mais de 235 mil vagas
17/12/18, 20:23 | POLÊMICA - Mais Médicos: quase 1/3 dos profissionais ainda não se apresentou
17/12/18, 20:19 | CRIMES - MP de Goiás recebe mais de 500 relatos contra médium João de Deus
17/12/18, 19:31 | POLÍTICA - Família Bolsonaro repete velhas práticas condenadas pelo eleitor
17/12/18, 19:25 | TRANSIÇÃO - Bolsonaro indicará juízes “duros com o crime”, diz Sérgio Moro
17/12/18, 19:17 | ECONOMIA - Paulo Guedes diz que pretende cortar até 50% das verbas do Sistema S
17/12/18, 18:44 | OPERAÇÃO - Anac começa operação de fiscalização de empresas aéreas no país
17/12/18, 18:39 | TRANSIÇÃO - Moro anuncia subprocuradora para Secretaria Nacional de Justiça
17/12/18, 18:28 | ACIDENTE - Em nota, refinaria diz que incêndio não causou vítimas
17/12/18, 11:38 | BELEZA - Filipina vence Miss Universo 2018
17/12/18, 11:27 | PROGRAMA - Em carta, Lula agradece médicos cubanos por cuidados aos brasileiros
17/12/18, 11:23 | CRIMES - PGR deve analisar movimentações financeiras de ex-assessor de Flávio Bolsonaro
17/12/18, 11:19 | LEGISLAÇÃO - Câmara engaveta há mais de um ano proposta que pune até os estupros mais antigos atribuídos a João de Deus
17/12/18, 09:56 | ABUSOS SEXUAIS - Defesa deve pedir hoje prisão domiciliar para João de Deus
17/12/18, 09:52 | ECONOMIA - Receita paga hoje as restituições do último lote do IRPF 2018
17/12/18, 09:49 | OBRA - Bolsonaro deve inaugurar colégio militar que leva nome de seu pai
16/12/18, 19:22 | PRÊMIO - Bolsonaro vence na França prêmio 'Racista do Ano' e 'Misógino do Ano'
16/12/18, 19:14 | POLÍTICA - Roberto Requião prevê “curta duração” para o governo Bolsonaro
16/12/18, 19:11 | HOMENAGEM - Lula ganha Prêmio Chico Mendes e ressalta a luta em defesa da Amazônia
16/12/18, 17:00 | ESCÂNDALO SEXUAL - Médium João de Deus se entrega à polícia em Goiás após ser considerado foragido
16/12/18, 16:41 | ESCÂNDALO - Filhos de Bolsonaro homenagearam ex-assessor por 'brilhantismo'
16/12/18, 16:26 | SAÚDE - Tratamento brasileiro contra Aids se consolida como referência mundial
16/12/18, 16:19 | ESCÂNDALO - Oposição quer CPI sobre caso de ex-assessor de Flávio Bolsonaro
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site