CBN - A rádio que toca notícia

REFORMA

Reforma da Previdência esfria e votação na Câmara ainda é incerta

Governo queria votar proposta em 6 de dezembro. Presidente da Câmara demonstra pessimismo. Última esperança é votar na 2ª semana do mês

02/12/17, 15:38

A

semana foi ruim para o governo de Michel Temer em relação à sua principal proposta: a reforma no sistema de aposentadorias. A expectativa era angariar os apoios que faltavam para atingir a marca de 308 votos e pautar a votação do projeto no plenário da Câmara na próxima 4ª feira (6.dez.2017). Mas a contagem avançou pouco.

Em jantar do Poder360-ideias, na semana passada, o ministro Eliseu Padilha (Casa Civil) havia dito que, em uma escala de 0 a 10, o governo estava em 8 para conseguir os votos necessários na Câmara. Mas aliados na Câmara encerraram a semana assumindo que ainda faltam votos e projetando a votação na Casa para a 2ª semana de dezembro. O projeto precisa ser aprovado em 2 turnos para ser enviado ao Senado.

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, foi 1 dos mais incisivos na constatação de que ainda não há condições de aprovar a proposta. Repetiu ao longo da semana que o governo ainda não tem os 308 votos. Chegou a sugerir que o ideal seria votar o projeto depois do Carnaval, em fevereiro de 2018.

A avaliação de governistas é de que ficará ainda mais difícil aprovar o projeto no ano que vem, quando deputados estarão ainda mais preocupados com as eleições. O Planalto já diz que se a Câmara votar a emenda constitucional em 1º turno, estará excelente.

Frentes de ataque

Para evitar que o atraso, o governo intensificará os esforços nos próximos dias. Cancelou a viagem de ministros ao exterior e organiza 1 jantar na residência do presidente da Câmara no domingo (3.dez). Quer reunir líderes partidários para tentar angariar os votos de deputados de siglas aliadas que ainda resistem aos apelos pelo projeto.

Além de líderes na Câmara e ministros, estarão presentes presidentes dos principais partidos aliados (DEM, PP, PMDB, PSD, PR, PSC, PTB e Solidariedade). O anfitrião, Rodrigo Maia, e o presidente do Senado, Eunício Oliveira, também ajudarão na articulação. Eis a lista de convidados.

Em outra frente, o governo liberou R$ 2 bilhões a prefeitos para que os municípios paguem o 13º salário de seus servidores e possam fechar suas contas neste fim de ano. O Planalto espera que os mandatários municipais atuem junto aos deputados para convencê-los a votar pela proposta.

Por fim, o governo tenta diminuir a rejeição ao texto junto à população. Lançou no último mês uma campanha publicitária com o mote de que o objetivo principal da reforma é combater privilégios de servidores públicos. Nesta semana, Michel Temer sancionou projetos de lei que liberarão mais R$ 100 milhões para a propaganda estatal. O dinheiro deve ser usado para promover a reforma junto à população.

Sindicalistas comemoram

Centrais sindicais festejaram o fracasso do governo em colocar a proposta em votação na semana que vem. Cancelaram as paralisações marcadas para 4ª feira (6.dez), quando se esperava que o texto fosse votado na Câmara. Mas já deixaram pré-convocadas manifestações caso a votação seja marcada para a 2ª semana de dezembro.

Fonte: JL/PODER 360
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
12/12/17, 13:27 | - Ex-lateral do Flu diz que quer voltar ao Brasil e jogar no Botafogo
12/12/17, 11:53 | POLÍTICA - Temer negocia cargos de Geddel com o PR em troca de apoio pela Previdência
12/12/17, 11:49 | CRIME - Gari é atingido com cinco tiros por colega durante o trabalho em Teresina
12/12/17, 11:06 | ELEIÇÃO - Parecer de perito afirma não existir evidência de regularidade da urna 7 do Vasco
12/12/17, 10:16 | PREVIDÊNCIA - INSS: aposentados e pensionistas podem ter o menor reajuste no benefício desde 1995
12/12/17, 10:11 | POLÍTICA - Programas sociais de Lula são aclamados por onde a caravana passa
11/12/17, 22:54 | MOVIMENTO - Moradores fecham avenida e queimam pneus durante protesto em Teresina
11/12/17, 22:46 | FIM DE ANO - Menino carente ganha festa como presente de Natal em Teresina
11/12/17, 21:54 | POLÊMICA - Desembargador suspende liminar de juíza e Janainna realiza festa em Luzilândia
11/12/17, 18:54 | CORRUPÇÃO - Fachin mantém julgamento sobre ‘quadrilhão’ do PMDB para quarta
11/12/17, 18:41 | POLÊMICA - Maia: 'Não é fácil votar na próxima semana Reforma da Previdência'
11/12/17, 18:37 | CRIME - Rocha Loures vira réu por corrupção no 'caso da mala' de R$ 500 mil
11/12/17, 16:47 | ECONOMIA - Quase 60 milhões de brasileiros estão com nome negativado, diz pesquisa
11/12/17, 16:41 | ESPORTE - Oitavas da Champions estão definidas: Real Madrid enfrenta o PSG
11/12/17, 16:35 | MUNDO - Prefeito confirma atentado terrorista em Nova York; suspeito é preso
11/12/17, 16:07 | PROTESTO - Greve de fome de trabalhadores contra Reforma da Previdência completa sete dias
11/12/17, 16:04 | MOBILIZAÇÃO - Movimentos programam reuniões para discutir problemas do país com a população
11/12/17, 16:00 | PREVIDÊNCIA - Militares e altos salários no Legislativo e Judiciário serão 'poupados' da reforma
11/12/17, 12:25 | POLÊMICA - Juíza proibe show-festa no Complexo da Igreja de Santa Luzia em Luzilândia
11/12/17, 08:49 | CRIMES - Mãe de Geddel, idosa e corrupta. Corrupção em larga escala
11/12/17, 08:44 | POSSE - Eduardo Cunha manda e indica ministro no governo Temer
11/12/17, 08:11 | POLÊMICA - General alerta para os riscos de não se eliminar os criminosos da vida pública
11/12/17, 01:05 | CAMPANHA - 'Pirraça' pode levar o mundo à destruição nuclear, diz Nobel da Paz
11/12/17, 00:33 | MOVIMENTO - Instituto Não Aceito Corrupção lança campanha com pautas legislativas
11/12/17, 00:27 | INFRAESTRUTURA - Rua do Centro de Teresina ganha faixa exclusiva para pedestres
10/12/17, 15:18 | POLÍTICA - PSDB tem apenas metade da bancada a favor da reforma da Previdência
10/12/17, 14:10 | ESPORTE - Renato faturou R$ 8 milhões de bonificação por ano vitorioso no Grêmio
10/12/17, 13:39 | ARTIGO - O trauma, a decepção e o desalento causados por Aécio
10/12/17, 12:32 | POLÍTICA - Lula pensa em isenção de IR a pessoas com salário de até R$ 5 mil
10/12/17, 12:22 | PROJETO - Mulher de Moro conta com ajuda do juiz para projetar trabalho
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site