CBN - A rádio que toca notícia

POLÍTICA

Aécio Neves rechaça crítica de fisiologismo feita por Tasso Jereissati

Na última quinta-feira (9), senador mineiro reassumiu a presidência do partido para destituir o cearense do cargo de interino

11/11/17, 16:14
 
O
senador Aécio Neves (MG) rebateu neste sábado (11) as críticas feitas pelo senador Tasso Jereissati (CE) de que ele apoiava o "fisiologismo" ao defender a permanência do PSDB no governo do presidente Michel Temer.

"Não posso aceitar agora essa pecha que alguns querem colocar de que a presença do PSDB [no governo] é fisiológica. Ela não é", disse o mineiro sem fazer menção direta ao autor das críticas.

"Quando eu próprio aventei o nome do senador Tasso Jereissati para ao Ministério do Desenvolvimento Econômico isso não era visto como algo fisiológico", rebateu.

A fala é uma resposta à declaração dada na véspera pelo senador cearense, que acusou o mineiro de apoiar o "fisiologismo" do atual governo.

Aécio disse que na montagem do governo Temer ele defendia que o PSDB apoiasse sem participar, mas que as indicações do partido para os ministérios se deu por decisão "majoritária" da sigla.

Os tucanos ocupam atualmente quatro pastas na Esplanada: Secretaria de Governo (Antonio Imbassahy), Relações Exteriores (Aloysio Nunes), Cidades (Bruno Araújo) e Direitos Humanos (Luislinda Valois).

"No momento das indicações todos foram levantados foram tratados pelo partido como representantes legítimos do partido", lembrou.

Aécio disse ainda que a decisão da legenda de entrar no governo Temer não se deu por fisiologismo, mas por "responsabilidade", disse, repetindo que o PSDB defende a agenda de reformas que o Palácio do Planalto vem tentando implementar.

Ele acusou ainda a ala do partido chamada de "cabeças pretas" - por ser formada majoritariamente por políticos mais jovens - de buscar no discurso de desembarque do governo uma desculpa para não votar a favor de projetos como a Reforma da Previdência.

"Devo registrar que vejo boa parte da discussão daqueles que estão com a garganta pronta para gritar 'fora Temer' uma desculpa para não votar agenda de reformas necessárias ao país", disse.

Ainda sobre o desembarque do governo, Aécio disse que esse assunto deve ser resolvido "rapidamente" pelos candidatos à presidência do partido junto com os ministros tucanos.

DISPUTA

Na última quinta-feira (9), Aécio reassumiu a presidência do partido para destituir Tasso do cargo de interino. Em seu lugar, indicou o ex-governador de São Paulo Alberto Goldman sob a argumentação de que isso traria"isonomia" para a disputa pelo comando da sigla.

Aécio e Tasso têm travado uma batalha sobre a sucessão no partido e o apoio do PSDB ao governo.O partido define em 9 de dezembro seu próximo presidente, que deve ocupar o cargo pelos próximos dois anos, inclusive no ano eleitoral.

O gesto do mineiro irritou Tasso e seus aliados e agradou o governador de Goiás, Marconi Perillo, que disputa com o senador cearense a presidência do PSDB.

Aécio repetiu que fez a mudança com a mesma responsabilidade de quanto indicou Tasso ao cargo em maio.Ele se licenciou da presidência logo depois de ter vindo à tona uma gravação em que ele pede R$ 2 milhões ao empresário e delator Joesley Batista.

Em nova crítica a Tasso, ele disse que não esperava indicar alguém que fizesse da interinidade "para lançar sua candidatura".

As declarações de Aécio foram feitas em Belo Horizonte, onde ele acompanhou a convenção estadual do partido em Minas. A sigla reelegeu o deputado Domingos Sávio para comandar sua unidade mineira.

O partido realiza neste fim de semana as convenções regionais, cujo resultado será um indicativo sobre o peso dos candidatos na disputa nacional, em dezembro.

Fonte: JL/Folha
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
17/11/17, 20:29 | CORRUPÇÃO - Lava Jato no Rio já denunciou 134 pessoas e pediu devolução de R$ 2,3 bilhões
17/11/17, 20:18 | PESQUISA - Só 7,4% dizem que apoio de FHC aumentaria a chance de voto
17/11/17, 19:56 | REAÇÃO - ‘Zombaria’, diz Renan Calheiros sobre propaganda da reforma da Previdência
17/11/17, 19:51 | PROPINA - Por 39 votos a 19, Alerj anula prisão de Picciani e dois deputados
17/11/17, 19:46 | PROTESTO - Manifestante tenta invadir Palácio do Planalto atirando tomates
17/11/17, 19:34 | EVENTO - Em entrevista, FHC diz ter medo da direita e de Bolsonaro: 'Matando 30 mil, e começando por FHC'
17/11/17, 19:12 | ARTIGO - Prisões processuais e prisão por condenação criminal
17/11/17, 14:53 | OPINIÃO PÚBLICA - Em nova pesquisa Vox Populi, Lula segue líder da corrida presidencial
17/11/17, 13:44 | PEDIDO - TSE pede que governo mude início do horário de verão de 2018 devido às eleições
17/11/17, 13:34 | INVESTIGAÇÃO - Procuradoria quer que Fachin assuma investigação contra Maia
17/11/17, 13:08 | CORRUPÇÃO - Condenado a 72 anos de cadeia, Cabral completa 365 dias preso no Rio
17/11/17, 12:59 | INVESTIGAÇÃO - Juiz manda Cunha de volta para a prisão de Curitiba
17/11/17, 09:54 | CORRUPÇÃO - Fachin vai levar ao plenário do STF recursos do ‘quadrilhão do PMDB da Câmara’
16/11/17, 19:40 | POLÊMICA - Em parecer ao STF, Raquel Dodge defende prisão após condenação em 2ª instância
16/11/17, 19:35 | FUTEBOL - Messi recebeu dinheiro para jogar amistoso pela Argentina, diz delator
16/11/17, 19:31 | PROPINA - Desembargadores votam pela prisão de Picciani, Albertassi e Melo
16/11/17, 19:26 | PROPAGANDA - Temer lança campanha de R$ 20 mi para defender reforma da Previdência
16/11/17, 19:17 | POLÍTICA - Eleição antecipada na Câmara de Teresina gera disputa entre partidos
16/11/17, 18:59 | CRIME - Jovem é espancado e agressores tentam queimá-lo vivo no interior do Piauí
16/11/17, 13:10 | CRIME - Brasileira é morta por engano pela polícia em Lisboa
16/11/17, 13:02 | POLÊMICA - 'Há elementos para cassar concessão da Globo', diz deputado federal
16/11/17, 12:52 | ECONOMIA - PIB caiu em todos os Estados em 2015, revela IBGE
16/11/17, 12:48 | POLÍTICA - Ex-assessor de Cunha e Geddel é cotado para Secretaria do Governo
16/11/17, 12:43 | DEFESA - Política antidrogas no Brasil apenas destrói vidas, diz ministro do STF
16/11/17, 12:08 | ARTIGO - JVC e os suspicácias geradores de repugnância
16/11/17, 08:18 | CRIME - Atirador dos EUA matou esposa horas antes de tiroteio perto de colégio
16/11/17, 08:13 | FUTEBOL - Peru vence Nova Zelândia e volta à Copa após 36 anos
16/11/17, 08:03 | ESTUDO - Gêmeos de Cocal dos Alves recebem prêmios da Olimpíada de Matemática 2016
16/11/17, 07:55 | MEIO AMBIENTE - Brasil se oferece para sediar a Conferência do Clima em 2019
16/11/17, 07:50 | CONTRIBUINTE - Receita paga hoje o sexto lote de restituição do Imposto de Renda 2017
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site