CBN - A rádio que toca notícia

TRAGÉDIA

“Foi perversão de um psicopata”, diz delegado sobre vigia que ateou fogo em crianças

Autor da chacina que deixou ao menos nove pessoas mortas tinha "mania de perseguição" e morava sozinho

07/10/17, 19:43

O

vigia Damião Soares dos Santos, de 50 anos, responsável por atear fogo em crianças e professores em uma creche de Janaúba, Minas Gerais, na quinta-feira, “premeditou o crime” e tinha um histórico de “surtos psicóticos”. A data do crime coincide com o aniversário de três anos da morte do pai de Santos. De acordo com o delegado Bruno Fernandes Barbosa, responsável pelo caso, o autor da chacina que deixou até o momento oito crianças e uma professora mortos sofria de “delírios e mania de perseguição”. Santos morreu na tarde desta quinta-feira, após ser internado em estado grave com queimaduras por todo o corpo. Outras 43 crianças e adultos estão em tratamento nos hospitais de Janaúba, Montes Claros e Belo Horizonte, com queimaduras e problemas respiratórios.

O delegado afirma que o vigia não era violento e tinha um histórico bom como funcionário público, o que torna o crime “impossível de prever”. “Ele tinha oito anos como servidor da prefeitura sem nenhuma mancha em seu currículo”, afirmou Barbosa ao EL PAÍS. Santos era conhecido como "Damião Picolé", já que ele vendia sorvetes pela cidade nas horas vagas. De acordo com o policial, Santos havia passado, em 2014, por atendimento em uma unidade do Centro de Atendimento Psico-Social (Caps) da prefeitura.

Uma perícia preliminar feita na creche aponta que Santos chegou a trancar duas salas de aula para impedir que as crianças fugissem do local, e uma professora entrou em luta corporal para tentar conter o vigia. A funcionária seria Helley Abreu Batista, de 43 anos, que também morreu em decorrência das queimaduras sofridas no ataque. O teto das salas era de material plástico altamente inflamável, o que pode ter contribuído para o grande número de vítimas.

Barbosa entrevistou familiares do vigia, que confirmaram a instabilidade psíquica do autor do crime. “Em 2014 ele saiu de casa porque tinha mania de perseguição, achava que a mãe e outras pessoas estavam envenenando a comida dele, e isso estaria provocando uma doença gástrica nele”, disse o delegado. Recentemente ele chegou a dizer a familiares que "iria dar um presente a eles, e iria morrer". Na casa de Santos foram encontrados galões com álcool, que ele utilizava para manter os picolés que vendia a uma temperatura mais baixa.

A polícia irá realizar testes toxicológicos para determinar se o vigia estava sob efeito de drogas no momento do crime. No entanto, uma testemunha que abriu a porta para que ele entrasse na creche afirmou que o comportamento de Santos era “normal” no dia. Ele havia passado três meses de férias, tendo retornado ao trabalho uma semana antes do crime. No entanto, ele trabalhou um dia e desapareceu. "Então na quinta-feira ele foi até a creche para apresentar um atestado médico", diz o delegado. A polícia ainda não sabe o conteúdo do documento, que pode ter sido destruído pelas chamas.

As crianças mortas são Ana Clara Ferreira Silva, Luiz Davi Carlos Rodrigues, Juan Pablo Cruz dos Santos, Juan Miguel Soares Silva, Renan Nicolas Santos, Cecília Davina Gonçalves Dias e Yasmin Medeiros Salvino, todos de quatro anos. Na manhã desta sexta feira duas das vítimas foram enterradas no cemitério São Lucas, de Janaúba.
 
Mobilização na cidade

Desde a manhã de quinta-feira a prefeitura de Janaúba pediu doações de insumos hospitalares como anti bióticos, soros e gaze para reforçar os estoques do Hospital Regional da cidade. Além disso foi criada uma conta corrente para receber doações em dinheiro. Ônibus municipais foram disponibilizados para levar doadores de sangue até a vizinha Montes Claros, onde fica o hemocentro mais próximo. O Governo estadual disponibilizou aeronaves e ambulâncias para transportar os feridos mais graves para hospitais de referência no tratamento de queimados.

O governador do Estado, Fernando Pimentel (PT), esteve na cidade na tarde de ontem, e se encontrou com familiares das vítimas.

Fonte: JL/Elpaís
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
17/02/18, 22:32 | INVESTIGAÇÃO - Ex-executivos dizem que pagaram propina para Serra e o PSDB: R$ 30 milhões
17/02/18, 22:22 | CONTROVÉRSIA - “Se a polícia é corrupta, não se vence a violência”, diz coronel reformado da PM-SP
17/02/18, 22:16 | OPINIÃO - “A intervenção é grosseiramente inconstitucional”, diz doutor em Direito
17/02/18, 22:04 | INTERVENÇÃO - Reunião de Temer e Pezão não teve resultado concreto
17/02/18, 21:47 | POLÊMICA - Intervenção militar no RJ é comandada por um chefe de quadrilha, diz Dudivier
17/02/18, 16:32 | POLÊMICA - Ala do Supremo vê falhas e critica intervenção
17/02/18, 16:11 | REPERCUSSÃO - Imprensa francesa mostra a manobra política de Temer com a intervenção no Rio
17/02/18, 16:05 | OPINIÃO - Ciro sobre intervenção no Rio: “Duvido muito que possa dar certo”
17/02/18, 15:52 | ENTREVISTA - Requião: intervenção pode ser o prenúncio do fim das eleições
17/02/18, 15:42 | SUSPEITO - Ministério Público abre inquérito para investigar viagens internacionais de Crivella
17/02/18, 15:38 | REUNIÃO - "Tem um fantasma ali que não gosta de mim", diz Rodrigo Maia sobre intrigas no Planalto
17/02/18, 15:30 | DISCURSO - No Rio, Temer anuncia criação de Ministério da Segurança Pública
16/02/18, 23:55 | PARLAMENTO - Câmara marca para segunda votação de decreto sobre intervenção no Rio
16/02/18, 23:47 | CRÍTICA - Requião: intervenção no Rio foi “jogada publicitária” de Temer
16/02/18, 23:40 | REPERCUSSÃO - Pezão diz que intervenção marca o fim de sua carreira política
16/02/18, 22:00 | MINISTÉRIO PÚBLICO - Empresa do Ceará vence licitação de quase R$ 1 milhão em Luzilândia e Procurador Federal da República abre investigação
16/02/18, 21:15 | POLÊMICA - Bolsonaro critica e diz que intervenção militar no Rios serve a um “Bando de Vagabundos”
16/02/18, 20:44 | POLÊMICA - Para parlamentares, intervenção der Temer aprofunda Estado de exceção
16/02/18, 20:38 | POLÊMICA - Intervenção militar em mais nove estados preocupa deputada
16/02/18, 20:10 | SAÚDE - Mais de 2 mil candidatos realizam prova do concurso para professor da Uespi no domingo (18)
16/02/18, 18:45 | SAÚDE - Hospital Gerson Castelo Branco recebe novos equipamentos nesta segunda-feira
16/02/18, 17:39 | POLÍTICA - Decreto de intervenção chega à Câmara e deve ser apreciado na segunda à noite
16/02/18, 17:37 | INSEGURANÇA - Temer vai suspender intervenção no Rio para votação da reforma da Previdência
16/02/18, 17:33 | POLÊMICA - Temer vai amanhã ao Rio de Janeiro para tratar da intervenção federal
16/02/18, 16:18 | INTERVENÇÃO - General chefiar polícias, bombeiros e a área de inteligência do Rio
16/02/18, 16:10 | DECISÃO - Intervenção federal na segurança do RJ vai até o final de 2018
16/02/18, 15:35 | PERDENDO OU GANHANDO - 'Não vou a Brasília nem na ida nem na volta', diz técnico Tite
16/02/18, 14:38 | VIOLÊNCIA - Jovem é morto com dois tiros na cabeça em terreno na Zona Norte de Teresina
16/02/18, 14:27 | CRIMINALIDADE - Ex-PM é condenado a 16 anos de prisão por morte de homem em posto de combustíveis
16/02/18, 14:22 | VIOLÊNCIA - Jovem que matou a facadas mãe de vereador de Barras era ‘de dentro de casa’
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site