CBN - A rádio que toca notícia

POLÊMICA

Reforma da Previdência agrava desigualdades sociais, dizem CNBB, OAB e Cofecon

Para as entidades, nenhuma reforma que afete direitos básicos da população pode ser formulada sem a devida discussão com o conjunto da sociedade e suas organizações

19/04/17, 14:11

A

Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), o Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e o Conselho Federal de Economia (Cofecon) manifestaram-se hoje (19) contra a reforma da Previdência. Em nota, as três entidades disseram que é necessário que a sociedade brasileira esteja atenta às “ameaças de retrocessos”.

“A PEC 287 [Proposta de Emenda à Constituição] vai na direção oposta à necessária retomada do crescimento econômico e da geração de empregos, na medida em que agrava a desigualdade social e provoca forte impacto negativo nas economias dos milhares de pequenos municípios do Brasil”, diz a nota. “A ampla mobilização contra a retirada de direitos, arduamente conquistados, perceptível nas últimas manifestações, tem forçado o governo a adotar mudanças. Possíveis ajustes necessitam de debate com a sociedade para eliminar o caráter reducionista de direitos.”

A Comissão Especial da Câmara dos Deputados que analisa a PEC 287/16 está reunida para a leitura do parecer do relator, Arthur Maia (PPS-BA), sobre o projeto. A previsão é que o texto seja votado na comissão na próxima semana.

Para as entidades, nenhuma reforma que afete direitos básicos da população pode ser formulada sem a devida discussão com o conjunto da sociedade e suas organizações. “A reforma da Previdência não pode ser aprovada apressadamente, nem pode colocar os interesses do mercado financeiro e as razões de ordem econômica acima das necessidades da população. Os valores ético-sociais e solidários são imprescindíveis na busca de solução para a Previdência”, dizem as entidades.

Para a CNBB, a OAB e a Cofecon, as mudanças nas regras da seguridade social têm de garantir a proteção aos vulneráveis, idosos, titulares do Benefício de Prestação Continuada (BPC), enfermos, acidentados, trabalhadores de baixa renda e trabalhadores rurais. “As mulheres merecem atenção especial, particularmente na proteção à maternidade.”

As entidades pedem ainda uma auditoria na Previdência Social que justifique a reforma proposta.

“Sem números seguros e sem a compreensão clara da gestão da Previdência, torna-se impossível uma discussão objetiva e honesta, motivo pelo qual urge uma auditoria na Previdência Social. Não é correto, para justificar a proposta, comparar a situação do Brasil com a dos países ricos, pois existem diferenças profundas em termos de expectativa de vida, níveis de formalização do mercado de trabalho, de escolaridade e de salários. No Brasil, 2/3 dos aposentados e pensionistas recebem o benefício mínimo, ou seja, um salário mínimo, e 52% não conseguem completar 25 anos de contribuição”, argumentam as entidades.

Durante esta semana, o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, disse que a reforma da Previdência é uma necessidade financeira e fiscal e que a medida irá contribuir para a retomada do crescimento do país. “A reforma não é uma questão de preferência ou de opinião, é uma questão de necessidade matemática, financeira, fiscal. Se o país não fizer uma reforma no devido tempo, em primeiro lugar, as taxas de juros brasileiras, ao invés de cair, vão voltar a subir fortemente, vão faltar recursos para o financiamento do consumo, do investimento, o desemprego voltará a crescer e, ao mesmo tempo, teremos a inflação de volta”, disse.

Fonte: JL/Agência Brasil
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
24/04/18, 12:44 | SAÚDE - Prontuário eletrônico será implantado em hospitais do Piauí
24/04/18, 12:14 | SUPREMO - Marco Aurélio diz a Cármen que ações sobre 2ª instância estão prontas
24/04/18, 12:07 | MUNDO - Número de mortos em incidente em Toronto sobe para dez
24/04/18, 08:40 | LAVA JATO - PF faz buscas na casa e no gabinete do senador Ciro Nogueira em Brasília
24/04/18, 08:09 | CORRUPÇÃO - MP pede 'prisão imediata' de Azeredo, ex-presidente do PSDB
24/04/18, 07:56 | LEGISLAÇÃO - Sancionados projetos de lei que criam vaga de desembargador do TJ-PI e reajuste de servidores
24/04/18, 07:50 | DECISÃO - Tribunal de Justiça do Piauí aprova resolução que prevê fim do expediente único
24/04/18, 07:31 | PESQUISA - Ibope: só 19% dos brasileiros pretendem ter filhos nos próximos 2 anos
24/04/18, 07:26 | ESTUDO - Mais de 17 milhões de jovens brasileiros até 14 anos vivem na pobreza
23/04/18, 23:09 | GREVE - Prefeito de Luzilândia não honra acordo salarial e decepciona professores
23/04/18, 17:04 | CRIME - Sancionada lei que endurece pena para roubo a caixa eletrônico
23/04/18, 16:57 | CRIME - PSDB expulsa prefeito acusado de abusar de criança de 8 anos
23/04/18, 16:50 | POLÍTICA - Presidenciáveis são alvo de mais de 160 casos na Justiça
23/04/18, 16:32 | INVESTIGAÇÃO - Raquel Dogde pede acesso a material apreendido pela PF em inquérito que investiga propina a Temer
23/04/18, 16:08 | MISTÉRIO - Mulher é encontrada morta com perfuração no pescoço na zona Sul de Teresina
23/04/18, 15:49 | MUNDO - Nasce o terceiro bebê de Kate Middleton e príncipe William
23/04/18, 15:47 | ECONOMIA - Parcelamento de dívidas de micro e pequenas empresas é regulamentado
23/04/18, 15:43 | EDUCAÇÃO - Inep aprova 87% dos pedidos de isenção da taxa de inscrição do Enem
23/04/18, 14:19 | POLÊMICA - Restrição de foro privilegiado deve tirar 95% dos processos de parlamentares no STF, diz estudo
23/04/18, 14:04 | ESPORTE - Futebol feminino: Brasil conquista no Chile sua sétima Copa América
23/04/18, 13:55 | POLÍTICA - Filme sobre o golpe contra Dilma vence festival na Suíça
23/04/18, 13:48 | POLÍTICA - Jornal diz que Lula está sendo mantido preso por criticar o Judiciário
23/04/18, 13:33 | POLÊMICA - PSDB tenta 'melar' com novo projeto de lei sobre prisão após segunda instância
23/04/18, 13:11 | VIOLÊNCIA - Pai que agrediu bebê a mordidas em Teresina é indiciado por quatro crimes
23/04/18, 09:15 | ACIDENTE - Três jovens caem de ponte no PI ao tirar selfie e sofrem fraturas
23/04/18, 07:46 | PARLAMENTO - Crise moral afunda MDB, PT e PSDB retrocedem a duas décadas
23/04/18, 07:03 | RECURSOS PÚBLICOS - Luzilândia vai investir R$ 1 milhão em abastecimento de água na zona rural
22/04/18, 21:13 | CORRUPÇÃO & PROPINA - Conheça os 48 políticos investigados na Lava Jato que perderão foro privilegiado se não se reelegerem
22/04/18, 21:07 | CRIME - Presa por racismo, dentista do Piauí é liberada pelo fim do prazo da prisão provisória
22/04/18, 20:45 | ARTIGO - Judiciário é pai e mãe da prescrição criminal
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site