CBN - A rádio que toca notícia

DISCUSSÕES

Deputados delatados pela Odebrecht comandam reforma política na Câmara

Para o relator da comissão, deputado Vicente Cândido (PT-SP), não é "por causa de uma ou outra acusação" que o Congresso vai parar de tocar suas pautas

18/04/17, 23:57

C

omandada por dois deputados que serão investigados após as delações da Odebrecht, a comissão da reforma política se reuniu nesta terça-feira (18) e, mesmo sob as críticas de alguns parlamentares, deu seguimento às discussões sobre mudanças nas regras do sistema político-eleitoral brasileiro.

Para o relator da comissão, deputado Vicente Cândido (PT-SP), não é "por causa de uma ou outra acusação" que o Congresso vai parar de tocar suas pautas. Ele e o presidente do colegiado, Lucio Vieira Lima (PMDB-BA), estão na lista dos políticos alvos de inquéritos no Supremo Tribunal Federal (STF).

Já a deputada Luiza Erundina (PSOL-SP) defendeu, durante a reunião do colegiado, que o Congresso atual não tem legitimidade para fazer uma reforma que poderá beneficiar diretamente os políticos implicados na Lava Jato. "Nós estamos vivendo um momento de muita gravidade, fica até meio estranho que, ao mesmo tempo que a sociedade está perplexa acompanhando 24 horas por dia os depoimentos dos delatores da Lava Jato, esta Casa volta-se para si mesma, ensimesmada, como se nada estivesse acontecendo em torno dela e continue tratando de mudanças, de reformas, que vão impactar a vida do País", disse.

Vicente Cândido rebateu as críticas da parlamentar. "Eu não acho que, por causa de uma ou outra acusação, que o Congresso Nacional tem que ficar esperando a banda passar. Acho que o momento de crise é o momento de acelerar e de fazer as reformas que estão aqui pendentes", defendeu.

O deputado afirmou não ter nenhum "constrangimento" em permanecer como relator da comissão mesmo após o ministro do STF Edson Fachin ter autorizado a abertura de inquérito contra ele e disse que seria uma "uma irresponsabilidade muito grande" deixar que as eleições do ano que vem ocorram sob as atuais regras. "Nós temos que mudar, e mudar sem medo, com ousadia", disse.

As mudanças nas regras eleitorais têm sido consideradas pelos parlamentares como a única forma de garantir a "sobrevivência" da classe política após a avalanche de revelações feitas pelos executivos e ex-funcionários da Odebrecht. No total, 39 deputados, 24 senadores e 8 ministros serão investigados sob a suspeita de terem recebido recursos ilícitos da empreiteira, seja via caixa 2 de campanha ou propina.

Vicente Cândido, por exemplo, foi acusado de receber R$ 50 mil durante a campanha para auxiliar na busca por financiamento para a construção do estádio do Corinthians. Já Lúcio Vieira Lima teria recebido R$ 1 milhão para ajudar a aprovar uma medida provisória no Congresso. Ambos negam as acusações.

Fonte: JL/Agência Estado
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
28/06/17, 12:16 | POLÊMICA - Em clima tenso, CCJ do Senado volta a discutir reforma trabalhista
28/06/17, 12:13 | REGRA PROCESSUAL - CNJ autoriza uso do WhatsApp para intimações judiciais
28/06/17, 11:24 | PROTESTOS - 'Vem pra Rua' defende 'saída rápida' e prepara pressão a deputados
28/06/17, 11:17 | LUTO NO FUTEBOL - Morre ex-árbitro colombiano que tentou expulsar Pelé de campo e acabou expulso
28/06/17, 11:09 | CÂMARA - Maia diz que denúncias contra Temer serão analisadas separadamente
28/06/17, 11:04 | ANÁLISE - Michel Temer começa a se defender assim como Collor e Dilma, que caíram
28/06/17, 10:54 | PROPINA - Aécio pede ao Supremo Tribunal permissão para visitar a irmã Andrea
28/06/17, 10:50 | INCIDENTE - Mulher passa mal e morre dentro de quarto de motel no Norte do Piauí
28/06/17, 08:44 | INFRAESTRUTURA - Luzilândia volta a ter sinal das TVs Meio Norte, Cidade Verde e Antena 10
28/06/17, 08:16 | DESTRUIÇÃO - Vandalismo na iluminação pública preocupa Administração de Luzilândia
27/06/17, 22:53 | POLÍTICA - Mídia internacional repercute denúncia de corrupção contra Temer
27/06/17, 22:47 | PROTESTO - 'Jesus faça justiça', diz frase projetada na fachada do Congresso
27/06/17, 22:23 | REAÇÃO - 'Denúncia provoca reavaliação do apoio do PSDB a Temer', diz tucano
27/06/17, 16:39 | SAÚDE - Presidente do Conselho de Ética do Senado é internado em Brasília
27/06/17, 16:35 | DISCURSO - Temer diz que denúncia é ataque
27/06/17, 15:38 | DENÚNCIA - Presidente Temer a caminho do banco dos réus por corrupção passiva
27/06/17, 15:28 | CRISE - Com tantas notícias sobre corrupção, por que os grandes protestos sumiram das ruas?
27/06/17, 12:56 | INVESTIGAÇÃO - Edson Fachin tira de Sérgio Moro mais um inquérito contra Lula
27/06/17, 12:40 | POLÍTICA PARTIDÁRIA - Doria quer Aécio fora do comando do PSDB
27/06/17, 12:36 | POLÊMICA - FHC pede renúncia de Temer e eleições diretas já
27/06/17, 12:27 | EDUCAÇÃO - Universidade Aberta do Piauí abre inscrições do primeiro vestibular com 3 mil vagas
27/06/17, 11:59 | CRIME - Polícia conclui inquérito e indicia tenente por feminicídio consumado e tentado
27/06/17, 08:33 | POLÍTICA - Miriam Leitão: 'Temer já não governa, só administra chance de permanecer'
26/06/17, 22:54 | DENÚNCIA - Janot pede abertura de nova investigação de Temer e Rocha Loures
26/06/17, 22:47 | DENÚNCIA - Relatório da PF mostra que Temer questionou Joesley sobre Cunha
26/06/17, 22:43 | DENÚNCIA - GRAVAÇÃO: 'Você está bem de corpo!', diz Temer a Joesley
26/06/17, 21:43 | CRIME - Janot apresenta ao Supremo denúncia contra Temer por corrupção passiva
26/06/17, 19:49 | SUSPEITO - Gilmar Mendes diz que não se sente constrangido em relatar inquérito de Aécio
26/06/17, 19:46 | ACIDENTE - Irmãos morrem após colisão frontal entre caminhão e veículo de passeio no Sul do PI
26/06/17, 19:38 | INVESTIGAÇÃO - STF recebe laudo final e perícia da gravação entre Joesley e Temer
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site