CBN - A rádio que toca notícia

CÂMARA

Governo sofre derrota e não consegue acelerar reforma trabalhista

Apenas 230 deputados votaram com a favor do governo, e 163 contra

18/04/17, 23:18
 
O
governo de Michel Temer sofreu uma importante derrota nesta terça-feira (18) ao não conseguir aprovar no plenário da Câmara dos Deputados a aceleração da tramitação da reforma trabalhista.

Apenas 230 deputados votaram com o governo, com 163 contra.

Era preciso o voto de pelo menos 257 dos 513 deputados para que a reforma tramitasse em regime de urgência. O placar revelou uma relevante traição na base de apoio de Temer.

A derrota é simbólica porque o Palácio do Planalto queria usar a aprovação da reforma trabalhista como exemplo de que tem votos suficientes para aprovar a outra prioridade legislativa de Temer em 2017, a reforma da Previdência. Por ser emenda à Constituição, ela precisa de mais votos ainda (60% dos deputados).

Com a rejeição da tramitação em regime de urgência, a reforma só deve ser votada na comissão especial da Câmara em cerca de duas semanas. O governo queria aprová-la na comissão e no plenário já na semana que vem. A derrota deve atrasar a tramitação também da reforma da Previdência.

O texto muda vários pontos da CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) e traz, entre os principais pontos, a prevalência de negociações entre patrões e empregados sobre a legislação e o fim da contribuição sindical obrigatória.

'DESGRAÇA'

A oposição protestou durante toda a sessão, afirmando que a base de apoio de Temer quer precarizar os direitos trabalhistas. Deputados portaram cartazes com referências às delações da empreiteira Odebrecht e afirmando que a aprovação do requerimento é um golpe contra os trabalhadores.

O ápice do protesto aconteceu quando o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), se levantou momentaneamente de sua cadeira. A ex-prefeita de São Paulo Luiza Erundina (PSOL-SP), que é da oposição, se sentou rapidamente no lugar de Maia anunciou ao microfone: "Passo a palavra ao deputado Rogério Marinho (PSDB-RN), que é o relator dessa desgraça."

Maia retomou a presidência logo depois.

"Alcançamos uma vitória talvez inimaginável, não imaginávamos que fossemos conquistar essa vitória. Mostramos que não aceitávamos retirar direitos dos trabalhadores para retirar o foco da corrupção, a base do governo ficou nervosa, se desesperou e foi derrotada. Se a reforma trabalhista não alcança maioria absoluta, imagina a reforma da Previdência", afirmou Alessandro Molon (Rede-RJ).

"Era necessário que aguardasse que mais deputados votassem. Os deputados que tomaram de assalto a bancada podem ter tido alguma influência", disse o relator Rogério Marinho, se referindo ao protesto comandado por Erundina, entre outros.

Fonte: JL/Folha
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
24/04/18, 12:44 | SAÚDE - Prontuário eletrônico será implantado em hospitais do Piauí
24/04/18, 12:14 | SUPREMO - Marco Aurélio diz a Cármen que ações sobre 2ª instância estão prontas
24/04/18, 12:07 | MUNDO - Número de mortos em incidente em Toronto sobe para dez
24/04/18, 08:40 | LAVA JATO - PF faz buscas na casa e no gabinete do senador Ciro Nogueira em Brasília
24/04/18, 08:09 | CORRUPÇÃO - MP pede 'prisão imediata' de Azeredo, ex-presidente do PSDB
24/04/18, 07:56 | LEGISLAÇÃO - Sancionados projetos de lei que criam vaga de desembargador do TJ-PI e reajuste de servidores
24/04/18, 07:50 | DECISÃO - Tribunal de Justiça do Piauí aprova resolução que prevê fim do expediente único
24/04/18, 07:31 | PESQUISA - Ibope: só 19% dos brasileiros pretendem ter filhos nos próximos 2 anos
24/04/18, 07:26 | ESTUDO - Mais de 17 milhões de jovens brasileiros até 14 anos vivem na pobreza
23/04/18, 23:09 | GREVE - Prefeito de Luzilândia não honra acordo salarial e decepciona professores
23/04/18, 17:04 | CRIME - Sancionada lei que endurece pena para roubo a caixa eletrônico
23/04/18, 16:57 | CRIME - PSDB expulsa prefeito acusado de abusar de criança de 8 anos
23/04/18, 16:50 | POLÍTICA - Presidenciáveis são alvo de mais de 160 casos na Justiça
23/04/18, 16:32 | INVESTIGAÇÃO - Raquel Dogde pede acesso a material apreendido pela PF em inquérito que investiga propina a Temer
23/04/18, 16:08 | MISTÉRIO - Mulher é encontrada morta com perfuração no pescoço na zona Sul de Teresina
23/04/18, 15:49 | MUNDO - Nasce o terceiro bebê de Kate Middleton e príncipe William
23/04/18, 15:47 | ECONOMIA - Parcelamento de dívidas de micro e pequenas empresas é regulamentado
23/04/18, 15:43 | EDUCAÇÃO - Inep aprova 87% dos pedidos de isenção da taxa de inscrição do Enem
23/04/18, 14:19 | POLÊMICA - Restrição de foro privilegiado deve tirar 95% dos processos de parlamentares no STF, diz estudo
23/04/18, 14:04 | ESPORTE - Futebol feminino: Brasil conquista no Chile sua sétima Copa América
23/04/18, 13:55 | POLÍTICA - Filme sobre o golpe contra Dilma vence festival na Suíça
23/04/18, 13:48 | POLÍTICA - Jornal diz que Lula está sendo mantido preso por criticar o Judiciário
23/04/18, 13:33 | POLÊMICA - PSDB tenta 'melar' com novo projeto de lei sobre prisão após segunda instância
23/04/18, 13:11 | VIOLÊNCIA - Pai que agrediu bebê a mordidas em Teresina é indiciado por quatro crimes
23/04/18, 09:15 | ACIDENTE - Três jovens caem de ponte no PI ao tirar selfie e sofrem fraturas
23/04/18, 07:46 | PARLAMENTO - Crise moral afunda MDB, PT e PSDB retrocedem a duas décadas
23/04/18, 07:03 | RECURSOS PÚBLICOS - Luzilândia vai investir R$ 1 milhão em abastecimento de água na zona rural
22/04/18, 21:13 | CORRUPÇÃO & PROPINA - Conheça os 48 políticos investigados na Lava Jato que perderão foro privilegiado se não se reelegerem
22/04/18, 21:07 | CRIME - Presa por racismo, dentista do Piauí é liberada pelo fim do prazo da prisão provisória
22/04/18, 20:45 | ARTIGO - Judiciário é pai e mãe da prescrição criminal
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site