CBN - A rádio que toca notícia

INVESTIGAÇÃO

415 políticos de 26 partidos são citados na delação da Odebrecht

O PT lidera a lista com o maior número de filiados atingidos - ao todo, 93 petistas foram citados nos depoimentos

16/04/17, 13:08

A

s delações de executivos e ex-executivos da Odebrecht envolveram pelo menos 415 políticos de 26 dos 35 partidos legalmente registrados no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O PT lidera a lista com o maior número de filiados atingidos - ao todo, 93 petistas foram citados nos depoimentos. Eles são seguidos de perto pelos integrantes dos dois principais partidos que dão sustentação ao governo de Michel Temer: PSDB e PMDB. Cada um tem 77 membros citados pelos delatores.PT, PMDB e PSDB são os três maiores partidos do Congresso e representam as três mais importantes elites partidárias do país. Juntos, eles concentram 59,5% dos políticos enredados nas delações da maior empreiteira do país.

É o que mostra o levantamento feito pelo jornal O Estado de S.Paulo em todas as 337 petições com pedidos de investigação feitas pelo procurador-geral de Justiça, Rodrigo Janot, e encaminhadas ao ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF). A questão não é apenas quantitativa. Os relatos dos delatores envolveram as principais lideranças desses partidos - são citados o atual presidente da República, Michel Temer, e cinco ex-presidentes (José Sarney, Fernando Collor, Fernando Henrique Cardoso, Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff) - ainda que com grau, intensidade e número de vezes diferentes.

Além deles, aparecem ex-candidatos à Presidência, como os senadores José Serra (PSDB-SP), Aécio Neves (PSDB-MG), o governador Geraldo Alckmin (PSDB-SP), o ex-governador Eduardo Campos (PSB-PE), o pastor Everaldo (PSC-RJ), José Maria Eymael (PSDC-SP), o ex-governador Leonel Brizola (PDT-RJ) e o deputado federal Paulo Maluf (PP-SP) - nos casos desses dois últimos, a acusação foi arquivada pelo STF. A maioria teve lugar de destaque nas corridas presidenciais desde a redemocratização do país, em 1985.

No PT, as delações atingiram ex-ministros como Jaques Wagner, Guido Mantega, Antonio Palocci, José Dirceu e Paulo Bernardo e governadores como Tião Viana (AC) e Fernando Pimentel (MG). No PMDB, foram delatados o presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), e senadores como Renan Calheiros (AL) e Romero Jucá (RR), o ex-governador Sérgio Cabral (RJ) e os governadores Luiz Fernando Pezão (RJ) e Paulo Hartung (ES).

Os partidos médios, muitos dos quais compõem a base de Temer, também tiveram lideranças envolvidas. O PP é a quarta sigla mais afetada, com 35 citados, incluindo seu presidente, o senador Ciro Nogueira (PI). O DEM vem a seguir, com 22 denunciados, entre eles o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (RJ). O PSB (19), o PSD (15), o PTB (11), o PR e o PC do B, com 10, o PPS (9), e o PDT (8) completam a lista. Destes, só o PC do B e o PDT não estão no governo. Entre os pequenos partidos sobram 25 citados. Aqui, só dois deles - o PSOL e o PTN - não apoiam Temer. Todos os políticos até agora citados negaram o conteúdo das delações.
Fonte: JL/Época
TODAS AS NOTÍCIAS DO PORTAL
16/10/17, 21:14 | CRISE - Análise: os sinais de que Temer será derrubado
16/10/17, 21:08 | POLÍTICA - Aécio ameaça explodir a República se for traído em votação do Senado
16/10/17, 20:56 | DELAÇÃO - Cunha era 'máquina de arrecadar dinheiro', afirma Pedro Corrêa
16/10/17, 20:49 | MUNDO - Número de mortos em atentado na capital da Somália chega a 300
16/10/17, 20:36 | PROTESTO - Placa em frente à Câmara é alterada para 'formação de quadrilha'
16/10/17, 20:24 | JULGAMENTO - Senado escreverá obituário político de Aécio, diz Luís Costa Pinto
16/10/17, 20:15 | CORRUPÇÃO - Quando Delcídio, do PT, teve prisão analisada, Aécio quis voto aberto
16/10/17, 20:12 | DELAÇÃO - Defesa de Dilma usará depoimento de Funaro para pedir anulação de impeachment
16/10/17, 20:10 | DADOS - PRF registra mais de mil acidentes em rodovias federais no feriado
16/10/17, 20:03 | ESPORTE - Tite convocará a seleção para amistosos na próxima sexta, confirma CBF
16/10/17, 19:56 | OPINIÃO - LEIA O ARTIGO: Violência aumenta no Brasil
16/10/17, 19:52 | PROPINA - Randolfe recorre ao STF para que votação sobre Aécio seja aberta
16/10/17, 19:47 | - Randolfe recorre ao STF para que votação sobre Aécio seja aberta
16/10/17, 12:17 | CAPITÃO DO GOLPE - Ciro Gomes é absolvido em processo movido por Temer
16/10/17, 11:53 | PROPINA - Senado cogita adiar decisão sobre afastamento de Aécio
16/10/17, 11:40 | INCIDENTE - Ônibus de Paula Fernandes quebra e ela pede carona no meio da estrada
16/10/17, 10:23 | CORRUPÇÃO - PF faz buscas no gabinete de Lúcio Vieira Lima, irmão de Geddel
16/10/17, 10:17 | DELAÇÃO - Novos vídeos agravam situação de Temer em meio à votação de denúncia
16/10/17, 10:13 | ESPORTE - Fifa define cabeças de chave para a Copa com a Alemanha no topo
15/10/17, 09:49 | TEMPO - Começa o horário de verão: 10 estados e DF adiantam o relógio em 1 hora
15/10/17, 09:42 | RELIGIOSIDADE - Papa torna santos os primeiros 30 mártires do Brasil
15/10/17, 08:52 | PROJETO - Crianças de projeto social ensinam xadrez para visitantes do Criança Feliz
15/10/17, 08:42 | O CIRCO - 'É uma alegria estar no meio do povo', diz Marcos Frota no Criança Feliz
15/10/17, 08:33 | EVENTO - Criança Feliz encerra 21ª edição com participação de 70 mil pessoas
15/10/17, 08:15 | ENCONTRO - Militares podem voltar ao poder em 2018, diz Bolsonaro
15/10/17, 08:10 | VOTAÇÃO - Senado ameaça não cumprir decisão da Justiça sobre Aécio
15/10/17, 08:00 | CORRUPÇÃO - Funaro: Cunha levou R$ 1 mi para comprar votos do impeachment de Dilma
14/10/17, 16:51 | DECISÃO - Lewandowski concede Habeas Corpus contra prisão em segundo grau
14/10/17, 16:20 | EVENTO - Criança Feliz planeja levar mais de 80 mil pessoas para Parque da Cidadania
14/10/17, 16:14 | REAÇÃO - ‘Inadmissível’, diz OAB sobre Senado usar voto secreto no caso Aécio Neves
« Anterior 1 - 30 | 31 - 60 | 61 - 90 | 91 - 120 | 121 - 150 | 151 - 180 | 181 - 210 | 211 - 240 | 241 - 270 | 271 - 300 Próximo »
JORNAL LUZILANDIA - O Futuro Começa Aqui
Copyright 2003 - Todos os direitos reservados
SITE FILIADO À LITIS CONSULT - REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS
CNPJ nº 35.147.883/0001-41 / CCN Comunicação.com Nordeste
Jornalista Renato Araribóia de Britto Bacellar - Homenagem Especial
Luzilândia - Teresina - Piaui - Brasil
CEP:64049-600 - Rua Lemos Cunha, 1544 - Ininga- Teresina-PI
Telefones: (86) 8804.2526 - 8100.6100
jornalluzilandia@hotmail.com | jornalluzilandia@gmail.com
création de site