JORNAL LUZILÂNDIA
Clipagem Eletrônica - Versão para impressão
COPA DO MUNDO
Inglaterra vence a Suécia e sonha com bicampeonato mundial
07/07/18, 16:36

A

Inglaterra confirmou seu favoritismo e está na semifinal da Copa do Mundo da Rússia. Os ingleses vencerem a Suécia por 2 a 0, com gols de Harry Maguire e Dele Alli. Já classificados, esperam o vencedor de Croácia e Rússia, segundo jogo deste sábado (7), para conhecer seu adversário.

Em uma semifinal após 28 anos de espera, quando se classificaram pela última vez, em 1990, na Itália, os campeões da Copa de 1966 continuam a sonhar com seu segundo título mundial.

A Inglaterra começou a partida impondo seu jogo, enquanto os suecos, com seu ferrolho defensivo, apostavam no seu contra-ataque. Com o jogo apertado, a primeira boa chance de gol só saiu aos 18 minutos, com uma finalização de Harry Kane para fora.

Sob marcação forte, os ingleses apostaram no jogo área e chegavam com perigo. Aos 29 minutos, após escanteio cobrado por Ashley Young, o zagueiro Harry Maguire subiu mais que a marcação e anotou seu gol de cabeça, abrindo o placar para a Inglaterra.

Com o resultado negativo, os suecos tentaram sair para jogo. Com 58% de posse de bola, os ingleses mandavam no jogo. A seleção da terra da rainha chegava com mais perigo, com lançamentos longos por trás da defesa sueca, que dava bastante espaço.

Na volta do intervalo, a Suécia ameaçou uma pressão e aumentou o ritmo da partida. Porém, foram os ingleses que chegaram ao gol. Aos 12 minutos, Jesse Lingard recebeu na entrada da área e cruzou de primeira, direto para Dele Alli. O meia subiu sozinho na segunda trave e completou direto para o fundo das redes.

O time sueco se jogou para o ataque e ameaçava o gol de Pickford, forçando o jovem goleiro inglês a fazer ótimas defesas. Já o artilheiro da Copa, Harry Kane, com seis gols, teve atuação apagada e não conseguiu anotar o seu tento na partida. 

Com a classificação, a Inglaterra enfrenta seu adversário na próxima quarta-feira (11), às 11 horas (horário de Brasília), no estádio Lujniki. Os ingleses chegam com força máxima para o jogo, pois nenhum jogador está suspenso por cartão amarelo. 
 
 
Fonte: JL/RBA
Reportagem publicada no site www.jornalluzilandia.com.br