JORNAL LUZILÂNDIA
Clipagem Eletrônica - Versão para impressão
LEVANTAMENTO
Uber faz corridas de táxis caírem 57% em 2 anos
13/04/18, 09:25

O

início das operações da Uber no Brasil reduziu em 56,8% o volume de corridas de táxis nas capitais do país. De acordo com levantamento do Departamento de Estudos Econômicos do Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica), para cada 1% de aumento no número de corridas da Uber, as de aplicativos de táxi (como 99Táxis e EasyTaxi) caíram cerca de 0,09%.

Os dados foram divulgados nesta 5ª feira (12.abr.2018). O levantamento analisou os impactos concorrenciais causados pela entrada do aplicativo de transportes no mercado de 590 municípios brasileiros de 2014 a 2016.

Quando a base de análise se restringe às capitais, a redução no número de corridas de táxi ficou em 36,9%. Ainda segundo o estudo do Cade, nessas cidades, houve também uma redução de 7,8% no valor médio pago por quilômetro em táxis de aplicativo.

Segundo relatório assinado por Guilherme Mendes Resende, economista-chefe do DEE/Cade, os dados sinalizam que a entrada da Uber no mercado de transportes de uma cidade pode ter 1 impacto inicial grande, reduzindo substancialmente o número de corridas de táxi. “Com o passar do tempo, no entanto, ocorre uma recuperação gradativa desse número“, completa o relatório.

Ainda de acordo com o documento, existe 1 processo crescente de rivalidade que se estabelece ao longo do tempo entre os 2 tipos de aplicativos.

Norte e Nordeste: maiores reduções

O documento mostrou que nas capitais do Norte e Nordeste, onde a Uber começou a operar apenas em 2016, a redução no número de corridas de aplicativos de táxis foi de 42,7%.

Esse percentual foi bem maior do que o observado nas capitais das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste, cuja redução ficou em 26,1%. A Uber iniciou sua operação nessas regiões em maio de 2014.

Fonte: JL/PODER 360
Reportagem publicada no site www.jornalluzilandia.com.br