JORNAL LUZILÂNDIA
Clipagem Eletrônica - Versão para impressão
DEFESA CIVIL
Governo do Estado e Municípios fazem encontro em Luzilândia para definir estratégias das inundações
12/04/18, 17:27

 
C
om o objetivo de garantir segurança aos piauienses em áreas de risco de alagamento pelas fortes chuvas que vêm atingindo o estado, a vice-governadora Margarete Coelho coordenou, nessa quarta-feira (11), em Luzilândia, reunião técnica com prefeitos da região norte do Piauí.

Os prefeitos dos municípios de Madeiro, Luzilândia, Joca Marques e Esperantina foram convocados para participarem do encontro com a Defesa Civil e Corpo de Bombeiros. A deputada estadual Janainna Marques; técnicas da Secretaria de Estado da Saúde; representantes das secretarias municipais de Saúde e Assistência Social e coordenadorias municipais de Defesa Civil também participaram da reunião.

Em visita ao município de José de Freitas, o governador Wellington Dias comunicou que Margarete Coelho seria a responsável por essa reunião de prevenção com as prefeituras. “A nossa vice-governadora e alguns técnicos que já vêm acompanhando, fazendo esse monitoramento das cidades, fizeram um plano de irmos aos demais municípios  da região norte e sul que ainda não estão organizados. Nesse momento, o trabalho integrado é extremamente necessário e é o principal ponto da vitória até agora”, declarou o chefe do Executivo estadual.

A prefeita de Esperantina, Vilma Amorim, agradeceu ao governo pela iniciativa de alerta e envio de equipes para o mapeamento das áreas que poderão sofrer alagamentos com o aumento dos índices pluviométricos.

“É um momento de preocupação e muito trabalho, mas agradeço o empenho do governo em nos alertar e orientar sobre o que pode ocorrer nos nossos municípios. Recebi, ainda na segunda-feira (9), o telefonema da nossa vice-governadora Margarete e, a partir dali, já mobilizamos as nossas equipes em prol desse trabalho de cadastro de famílias e locais para possíveis alojamentos. A torcida é para que não seja necessário, porém estamos preparados para o que possa ocorrer”, destacou a gestora.

Desde as primeiras notícias, referente, inicialmente, á Barragem do Bezerro, em José de Freitas, Margarete Coelho tem se reunido regularmente com os órgãos estaduais e foi, a partir desses encontros, que a estratégia de ampliação do alerta aos outros municípios tornou-se relevante.

“Com as informações de vazamento na Barragem do Bezerro e as águas virem para essa região nos preocupou e nos deixou em estado de alerta porque temos a cheia do Rio Parnaíba que banha algumas cidades de cá. Não queremos acidentes, queremos minimizar, na medida do possível, os prejuízos. Por isso, nos reunimos aqui em Luzilândia com os prefeitos da região, a fim de passarmos as informações e deixar reforços (20 policiais da Polícia Militar coordenados por um oficial dos Bombeiros) e dar toda a assistência de que necessitarem”, concluiu Margarete.

Fonte: JL/Assessoria
Reportagem publicada no site www.jornalluzilandia.com.br