JORNAL LUZILÂNDIA
Clipagem Eletrônica - Versão para impressão
ECONOMIA
Em meio à crise, comércio de Teresina fecha 2017 com saldo positivo
08/01/18, 12:31

E

m meio a uma crise econômica, o comércio de Teresina fechou o ano de 2017 com saldo de crescimento positivo de quase 5%. O resultado anual ficou abaixo das expectativas do setor, que esperava entre 6 a 7% de crescimento. Mesmo assim, o resultado é motivo de comemoração para os empresários.

A última vez que a empresária Adriana Marques, dona de uma loja de roupas infantis, conseguiu fechar o ano com saldo positivo foi 2014. Ela comemora os resultados de 2017, que fechou no azul. “A gente espera que o que a gente conseguiu em 2017 permaneça em 2018 e que esses estudos e estatísticas sejam verdadeiros”, disse a empresária.

2017 foi um ano complicado pra o comercio de Teresina. A queda no poder de compra do piauiense reduziu e deixou as lojas vazias. Durante o ano passado a inflação cresceu, os preços de diversos produtos essenciais subiram e os salários dos trabalhadores não acompanharam.

Com o fim das festas do final de ano, o setor faz os balanços para conferir se as expectativas foram atingidas. O resultado, quase 5% de crescimento, ficou um pouco abaixo do esperado, mas com a chegada do mês de janeiro e o início do período letivo alguns setores do comercio voltam a ficar otimistas.

“Janeiro vai ser positivo”, disse Leonardo Viana, representante do Sindilojas (Sindicato dos Lojistas do Comércio do Piauí). “É o período escolar, é o período de férias... Perto do do carnaval as pessoas vão procurar produtos para viajar, e o principal é o período escolar”, comentou Leonardo.

Fonte: JL/G1PI
Reportagem publicada no site www.jornalluzilandia.com.br