JORNAL LUZILÂNDIA
Clipagem Eletrônica - Versão para impressão
PROGRAMAÇÃO
Crianças pintam muro para ajudar entidade que cuida de animais em Teresina
11/11/17, 19:32

 
C
rianças de todas as idades participaram ao lado dos pais neste sábado (11) da pintura do muro da Associação Piauiense de Proteção e Amor aos Animais (Apipa) em Teresina. A atividade faz parte da programação de 10 anos de aniversário da Apipa e lembra para a necessidade de apoio para a entidade, seja em recursos para tratar dos animais, ou em ração, ou material de limpeza.

Tania de Sá participou da pintura do muro ao lado da filha, Marcela Braga, de 12 anos, e contou que a adolescente foi a responsável por chamar a mãe para pintar. “Foi um convite que vi pela rede social e partiu da minha filha a ideia de querer vir para cá para participar desse evento muito importante de conscientização das crianças”, contou Tânia sobre a necessidade de cuidar bem dos animais.

De acordo com a fundadora e administradora da Apipa, Jane Haddad, a ideia surgiu pela passagem dos 10 anos de trabalho da Apipa. “A ideia surgiu da presidente. A gente já queria fazer um evento assim com a pintura do muro envolvendo gato, cachorro, São Francisco, protetor dos animais. Aí em comemoração aos 10 anos da Apipa a gente está dando o pontapé inicial com este evento”, ressaltou.

Entidade atende 360 animais

Sobre a situação dos estoques de ração ela explica que a entidade se mantém a partir de doações. “A gente sempre está precisando e recorre a população que gosta e conhece o nosso trabalho porque são em torno de 360 animais ao todo. É muita ração para ser distribuída para cães e gatos”, explicou Jane Haddad acrescentando que atualmente são 260 gatos e 80 cães que são atendidos pela instituição.

A pintura do muro também está organizada para recolher material de limpeza para a instituição. “Recolhemos desinfetante, detergente, sabão em pó, sabão em pedra, rodo, vassoura e tudo que a gente precisa. O gasto é grande porque tem canil, gatil, área em torno da Apipa”, pontuou a fundadora.

Jane explicou ainda o desafio é diário para o recolhimento de materiais que ajudem a Apipa a continuar em funcionamento. Em julho a entidade chegou a ficar com estoque zerado de ração.

Fonte: JL/G1PI
Reportagem publicada no site www.jornalluzilandia.com.br